México acredita em conciliação com EUA, mas Trump insiste em sanções tarifárias

O Governo mexicano acredita que há 80% de hipóteses de um entendimento com os EUA, para resolver o diferendo sobre migração que levará a sanções económicas, mas o Presidente Donald Trump respondeu que é provável que as tarifas aumentem.

O ministro dos Negócios Estrangeiros mexicano, Marcelo Ebrard, numa entrada na sua página na rede social Twitter, disse acreditar que os Estados Unidos perceberão o esforço que o México está a fazer para travar o fluxo de imigração ilegal que atravessa a fronteira entre os dois países, travando assim as tarifas de importação como retaliação. “Vamos esforçar-nos por conseguir compreensão. É viável e desejável. Temos 80 para 20 de hipóteses de a alcançar”, disse Ebrard.

Mas o Presidente norte-americano reagiu de seguida, dizendo que espera que o aumento das tarifas às importações de produtos mexicanos comece já na próxima semana. “Vamos ver se podemos fazer alguma coisa. Mas acho que é mais provável que as tarifas prossigam”, disse Donald Trump, a partir de Londres, no segundo dia de uma visita oficial ao Reino Unido.

Na passada semana, Trump acusou o México de nada fazer para impedir o fluxo de imigração ilegal através das fronteiras e anunciou a imposição de tarifas adicionais de 05% às importações de produtos mexicanos, que poderão aumentar progressivamente até 25%.

Minutos antes de uma conferência de imprensa na embaixada mexicana em Washington, onde quarta-feira reunirá com representantes do Governo dos EUA, o ministro dos Negócios Estrangeiros do México usou o Twitter para mostrar sinais de otimismo, na resolução do diferendo.

“Na reunião de amanhã, que esperamos que seja uma longa reunião, partindo da base de que o México já está a fazer um grande esforço e compartilhando a preocupação, achamos que o relevante aumento no fluxo migratório tem uma solução”, disse Ebrard.

O chefe da diplomacia mexicana irá reunir com o vice-presidente norte-americano, Mike Pence, prevendo que nessa reunião poderá ser atingido “um ponto de encontro”. Ebrard está em Washington desde sábado, acompanhado de uma delegação que inclui vários membros do Governo da área económica, numa missão que pretende travar as intenções norte-americanas de impor sanções que já foram consideradas, pelo Presidente do México, Lopez Obrador, “prejudiciais” para os interesses mexicanos.

O Presidente dos EUA deu até 10 de junho para serem encontradas soluções eficazes para o problema da imigração ilegal a partir do México, data a partir da qual entrará em vigor o regime de sanções tarifárias. Na véspera da partida para Londres, Trump disse que quer “ações, não palavras” por parte do Governo mexicano, dizendo que há negociações sobre o assunto há 25 anos, sem resultados práticos.

“Eles podem resolver a crise na fronteira num dia, se quiserem”, explicou Trump, numa mensagem na sua página da rede social Twitter, acrescentando que se nada for feito as empresas norte-americanas regressarão desde o México para os EUA.

Atualmente, os Estados Unidos são o principal parceiro comercial do México. O México exportou 328 mil milhões de dólares (cerca de 300 mil milhões de euros) em produtos para os Estados Unidos, entre janeiro e novembro de 2018, representando 80% do total das exportações.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Pessoas que enfrentam bem a manhã são mais saudáveis (e trabalham melhor)

Vários estudos têm demonstrado que algumas pessoas enfrentam as manhãs de forma naturalmente melhor, o que faz com que tenham um conjunto de diferenças cerebrais que as tornam mais felizes quando acordam. Por outro lado, as …

Cavalos, elefantes e peixes. Circo alemão substitui animais por hologramas gigantes

Após muitas críticas e polémicas à volta do uso de animais em circos, o Circo Roncalli decidiu substituí-los por hologramas, tornando-se o pioneiro nesta abordagem futurista. Os circos têm uma história polémica devido ao facto de …

FC Porto 2-3 SC Braga | Vitória no Dragão leva Braga à final da Taça

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 3-2, em jogo da segunda mão da meia-final da Taça da Portugal de futebol, e garantiu um lugar na final da competição. Depois do empate (1-1) …

Mona Lisa: a cadeira escondida que transforma o significado da obra de Da Vinci

O quadro da autoria de Leonardo Da Vinci é a obra de arte mais famosa do mundo. Contudo, há um detalhe que tem passado despercebido: a cadeira onde a misteriosa mulher está sentada. Escondida, mas …

"Projeto Xueliang". O plano chinês para fiscalizar 100% do espaço público

O "Projeto Xueliang" da China tem como objetivo fiscalizar a totalidade do espaço público, transformando vizinhos em agentes de vigilância do Estado. Em 2016, o município de Pingyi, localizado sete horas a norte de Shangai, tinha …

Há quem tome medicamento para cavalos para tratar covid-19, podendo envenenar-se acidentalmente

A pandemia de covid-19 gerou uma série de desinformações, algumas levando as pessoas a tomar medicamentos não prescritos para tratamento da doença, colocando em risco a sua saúde. Quando a cloroquina, medicamento para tratar a malária, …

Parece o "Batmóvel", é movido a energia solar e pode ser produzido em massa

A Aptera Motors está a preparar-se para lançar o primeiro automóvel movido a energia solar a ser produzido em massa até ao final do ano. A Aptera Motors, uma empresa norte-americana, apresentou recentemente o primeiro carro …

George Floyd. Minneapolis ia contratar influencers para combater desinformação durante julgamento de Derek Chauvin

A cidade de Minneapolis, nos Estados Unidos, planeava contratar seis influencers para ajudar a partilhar informações durante o julgamento de Derek Chauvin, o ex-polícia acusado de assassinar George Floyd. De acordo com a CNN, o plano …

Imagens revelam que a Coreia do Norte oculta local onde armazena armas nucleares. EUA planeiam agir

As imagens de satélite mostram que a Coreia do Norte tomou medidas para ocultar uma instalação, que as agências de inteligência dos EUA acreditam estar a ser usada para armazenar armas nucleares. A situação fez …

Antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi recebeu envelope com duas balas

O antigo chefe do governo italiano Matteo Renzi recebeu, esta quarta-feira, um envelope com duas balas no interior, uma ameaça imediatamente denunciada por toda a classe política. O envelope foi entregue diretamente na sede do Senado, …