Marta Temido antecipa “alguma escassez de vacinas”

Tiago Petinga / Lusa

Na conferência de imprensa da Direção-Geral da Saúde (DGS), relativa ao mais recente boletim epidemiológico da covid-19 em Portugal, Marta Temido avisou que é esperada “alguma escassez de vacinas” numa primeira fase.

A ministra da Saúde, Marta Temido, lembrou que ainda não existem números exatos sobre as doses de vacinas que vão chegar em janeiro, mas que se vai verificar uma situação de “alguma escassez de vacinas”.

“Temos de ser pacientes e temos, sobretudo, de pensar que existem passos que não podemos subestimar ou desvalorizar”, alertou a governante, de forma a garantir que as vacinas serão “seguras, eficazes e de qualidade”.

Temido realça que isto não é propriamente uma novidade e que o desafio da disponibilidade de doses de vacina vem sendo sublinhado “há muito tempo” pela Comissão Europeia. “Se tudo correr bem, existirá um momento em que teremos uma muito maior quantidade de doses de vacinas e aí o desafio será o da celeridade de administração”, acrescentou.

“Sabemos que, se tudo correr como planeado, teremos uma maior quantidade de vacinas [a chegar progressivamente], com uma vacinação mais massiva e em mais pontos de vacinação”, disse ainda Marta Temido.

Relativamente às reações adversas à vacina, Marta Temido disse que têm acompanhado o tema “com muita prudência”. Duas pessoas que foram vacinadas na terça-feira com a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech desenvolveram uma reação alérgica pelo que os reguladores britânicos recomendam que esta deve ser evitada em pessoas com histórico clínico de alergias graves.

“Evidentemente que sabemos que são aspetos que poderão verificar-se e é importante que sejam tratados com transparência e sejam acompanhados clinicamente no sentido de prevenir repetições e Portugal está a fazê-lo também”, garantiu a ministra.

Por fim, relativamente às eleições presidenciais que se avizinham, Marte Temido diz que estão a ser discutidos procedimentos para permitir que quem está em confinamento obrigatório possa votar em janeiro de 2021.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Mandaram vir muitas doses da vacina contra o Covid-19. Agora, dizem que essas doses não serão suficientes…
    A sério… despeçam esta garota da DGS!

  2. Já basta de incompetência! Isto tem sido uma vergonha a forma como este total desgoverno tem gerido a pandemia. Estamos entre os piores. E agora, ao contrário do que foi dito antes, haverá escassez de vacinas?!!!

RESPONDER

Governo Regional da Madeira garante que aumento de casos se deve às celebrações de fim de ano

O presidente do Governo da Madeira afirmou que o aumento de casos de covid-19 registado nos últimos dias na região é resultado das celebrações do fim do ano, assegurando fiscalização mais apertada nos bares aos …

Novo máximo diário com 218 mortes. Morre uma pessoa com covid-19 a cada 7 minutos

Portugal contabilizou esta terça-feira 218 mortes, um novo máximo de óbitos em 24 horas, relacionados com a covid-19, e 10.455 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Quase metade das …

Ana Gomes teme que processos BES e Operação Marquês acabem como o dos submarinos

A candidata presidencial Ana Gomes disse ontem temer que processos como os do BES e da Operação Marquês terminem como o dos submarinos, em que considerou que se "trabalhou para a prescrição". Na conversa online que …

Recuperação só em 2022, disse Vestager. Leão quer aprovação rápida dos planos para a UE

A vice-presidente executiva da Comissão Europeia, Margrethe Vestager, afirmou que a recuperação europeia só será "sentida como tal" em 2022, mas que no outono já poderão ser visíveis alguns sinais, caso a vacinação contra a …

Marcelo aprova novas medidas e anuncia reunião com especialistas para discutir situação das escolas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, assinou esta terça-feira o decreto do Governo que altera a regulamentação do estado de emergência devido à pandemia de covid-19 e anunciou uma reunião com especialistas na …

Jerónimo na campanha de João Ferreira para homenagear os que "se levantaram contra o fascismo"

O candidato presidencial comunista contou com a presença do secretário-geral do PCP, esta segunda-feira, na Marinha Grande, que destacou a importância de lutar contra os atuais "traços de regressão democrática". Durante uma ação na Escola Secundária …

Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Waldschmidt infetados

Os futebolistas do Benfica Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Luca Waldschmidt são os mais recentes casos positivos ao novo coronavírus no plantel do Benfica, informou esta terça-feira o clube da Luz. “O Sport Lisboa e …

Hospital de Portalegre abre inquérito a morte de doente que esteve 3 horas em ambulância

O hospital de Portalegre vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um octogenário, na noite de segunda-feira, na área dedicada aos doentes respiratórios, depois de estar quase três horas numa ambulância, …

"Não somos heróis". Há quartéis que podem fechar se não houver vacinas para os bombeiros

O presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais (ANBP), Fernando Curto, disse que se o número de bombeiros infetados com covid-19 continuar a este ritmo muitos quartéis podem ter de encerrar. "As carrinhas de transporte de …

Mayan ouve lesados da pandemia e diz que "limitações têm de vir acompanhadas do cheque"

Tiago Mayan Gonçalves ouviu as lamentações de uma série de empresários algarvios afetados pela pandemia. O candidato aponta o dedo ao Governo, argumentando que "limitações severas têm de vir acompanhadas do cheque". Esta segunda-feira, Tiago Mayan …