Marketing agressivo prejudica amamentação em Portugal

Mcdonalds.at

-

A rede internacional pró-alimentação infantil considera que o “marketing agressivo” usado pela indústria de alimentos para bebés em Portugal está a prejudicar a amamentação.

Em Portugal desde Junho do ano passado, a rede International Baby Food Action Network (IBFAN, na sigla inglesa) existe desde 1979, quando começou com apenas seis membros, tendo actualmente 278 grupos espalhados por 163 países.

“O nosso objectivo consiste em melhorar a saúde das crianças e bebés em Portugal, através da promoção, suporte e protecção do aleitamento materno”, explica a organização no seu site português na Internet.

Para a IBFAN Portugal, “as implicações financeiras de não amamentar são vastas, especialmente em alturas de crise económica, uma vez que o leite materno é gratuito e as empresas que produzem os leites artificiais tentam prejudicar a amamentação, porque não lhes permite fazer dinheiro”.

A rede pró-amamentação faz constantemente análises ao cumprimento, por parte da indústria, do Código Internacional de Marketing de Substitutos do Leite Materno da Organização Mundial de Saúde.

Segundo disse à Lusa a coordenadora da organização em Portugal, Jacqueline Montaigne, é “chocante a falta de consciência e cumprimento do código de marketing”.

“O marketing cruel usado pela indústria de alimentos para bebés em Portugal prejudica directa e indirectamente a amamentação, que é um direito humano”, indica a responsável.

Como profissionais e voluntários ligados ao aleitamento materno, os colaboradores da rede indicam que têm verificado “os efeitos devastadores que o marketing agressivo e não ético da indústria de alimentação para lactentes tem sobre as variadas vertentes da amamentação”.

O IBFAN sublinha que a amamentação é a “mais barata e mais efectiva forma de salvar vidas” e, citando números da UNICEF, estima que seriam salvas 1,5 milhões de vidas anualmente em todo o mundo, se todos os bebés fossem exclusivamente amamentados desde o nascimento até pelo menos aos seis meses.

Jacqueline Montaigne considerou à Lusa que a organização compreende que a amamentação nem sempre é fácil ou devidamente apoiada em Portugal, sublinhando que não está em causa uma oposição entre amamentação e fórmulas de leite artificial.

“Qualquer que seja a escolha de uma mãe, acreditamos que todas têm o direito a ter acesso a informação clara e fundamentada, livre de influências comerciais, para que possam decidir baseadas em factos, sendo que isto se aplica quer à amamentação quer à alimentação por fórmulas”, afirmou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …

"Risco de desvio significativo" nas contas do Governo. Bruxelas com reservas sobre esboço do OE2020

A Comissão Europeia (CE) pediu esta terça-feira ao Governo português que apresente uma versão atualizada do projeto orçamental para 2020 “tão cedo quanto possível”, observando que o ‘esboço’ recebido aponta para o risco de um …

Goldman Sachs. Funcionário acusado de divulgar informação em troca de dinheiro

Bryan Cohen, vice-presidente de um dos departamentos do Goldman Sachs, foi acusado de tirar proveito de um esquema que gerou alegadamente cerca de 2,3 milhões de euros em lucros ilegais. Nos últimos 18 meses, dois funcionários …

Encontrada carruagem romana milenar com restos fósseis dos cavalos

Uma equipa de arqueólogos do Museu da Cidade de Vinkovci e do Instituto da Arqueologia de Zagreb, na Croácia, encontrou uma carruagem romanda de duas rodas com os corpos fossilizados de dois cavalos. Os especialistas consideram …

Caos no Chile. Governo anula aumento do preço do metro que iniciou protestos

O Governo do Chile anulou esta segunda-feira o aumento do preço dos bilhetes do metropolitano, depois de a medida ter provocado violentos protestos que se generalizaram no país. Esta terça-feira, com apenas uma linha do metro …

Deputado do PSD apela a Marcelo a que não dê posse a Cabrita até bombeiros receberem pagamentos em atraso

O deputado do PSD Duarte Marques, que costuma tratar dos assuntos da Proteção Civil, apelou esta segunda-feira ao Presidente da República par não dê posse ao ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, enquanto o Estado …

Cientistas "ressuscitaram" o gene que fez nascer a malária

O gene ancestral que fez nascer a doença mais mortal da História foi "ressuscitado" por cientistas, para que lhes fosse possível perceber a série de eventos que levou o parasita da malária a infetar humanos. A …

Governo anuncia acordo para dívida do sistema de ação social dos militares

Os ministérios da Defesa Nacional e das Finanças assinam “até ao final da semana” um acordo para a regularização de dívidas do Instituto de Ação Social das Forças Armadas (IASFA) aos prestadores de saúde, foi …