Há mais 1.693 casos e nove mortes em Portugal. Número de internados aumenta

Portugal registou, esta terça-feira, mais nove mortes e 1.693 casos de infeção pelo novo coronavírus, de acordo com o boletim epidemiológica da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Das nove mortes, três registaram-se no Centro, três em Lisboa e Vale do Tejo, uma no Algarve e duas na Madeira. Segundo a DGS, as vítimas mortais são das faixas etárias entre os 50 e 59 anos (duas), dos 70 aos 79 anos (uma) e dos idosos com 80 ou mais anos (seis).

Desde o início da pandemia, Portugal já contabilizou um total de 18.274 mortos e 1.110.155 casos positivos. A nível nacional, Portugal está com uma incidência a 14 dias de 156,5 casos casos por 100 mil habitantes e um índice de transmissibilidade R(t) de 1,16.

Pelo lado positivo, há mais 1.770 recuperados da doença, elevando o número total de curados para 1.053.609 desde o início da pandemia.

Segundo o boletim da DGS, contam-se 38.272 casos ativos, menos 86 do que na segunda-feira.

Pelo décimo dia consecutivo, o número total de doentes internados voltou a subir. Há atualmente 486 pacientes internados em hospitais (mais 16 do que ontem), do quais 80 estão em unidades de cuidados intensivos (mais quatro do que na véspera).

Portugal regista 38 casos da sublinhagem da variante Delta do coronavírus SARS-CoV-2 que tem aumentado no Reino Unido, mantendo a sua maior circulação no Algarve, onde foram detetados 25 casos, indica informação divulgada hoje pelo INSA.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE