/

O licor mais famoso da China foi leiloado no Reino Unido por mais de um milhão de euros

Uma caixa do licor chinês “Kweichow Moutai” foi vendida por cerca de um milhão de euros num leilão em Londres. O anúncio foi feito pela Sotheby’s que garante que a oferta vencedora foi o preço mais alto já pago num leilão por um único lote da bebida fora do seu país da origem.

É a bebida favorita de Mao Zedong, fundador da China comunista, e ficou conhecida como a “bebida da diplomacia” depois de ser usada para receber o ex-presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon, na sua viagem histórica à China em 1972.

Agora, a bebida foi vendida por mais de um milhão de euros no Reino Unido. Este é o preço mais alto já pago num leilão por um único lote do licor fora da China, de acordo com a Sotheby’s.

A casa de leilões britânica revelou que a oferta vencedora surgiu de um colecionador asiático, mas não revelou a identidade do comprador.

O lote incluía 24 garrafas de Kweichow Moutai 1974 vendidas sob a marca “Sun Flower” – que substituiu temporariamente o logótipo da empresa, “Flying Fairy” para vendas de exportação durante a revolução cultural da China.

Ainda assim, e apesar da exclusividade do produto, a casa de leilões não estava à espera de uma oferta tão alta. As estimativas de pré-venda localizavam-se entre as 200 mil e 450 mil libras (ou seja, entre 233 mil e 525 mil euros).

“Vimos alguns algumas vendas espetaculares em Hong Kong, mas este preço leva o licor a novas alturas”, refere Paul Wong, especialista da Sotheby’s, num comunicado enviado
à CNN.

A Kweichow Moutai é a empresa mais valiosa da China depois das gigantes tecnológicas, chegando a valer mais do que os quatro maiores bancos do país.

Mesmo num ano menos positivo para a economia, devido à pandemia de covid-19, as ações da empresa subiram cerca de 70% na Bolsa de Valores de Xangai no ano passado. Este ano, já subiram cerca de 4%.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE