Raras lesmas cor-de-rosa fluorescente sobreviveram aos incêndios na Austrália

Uma rara espécie de lesma cor-de-rosa fluorescente (Triboniophorus aff. graeffei) conseguiu sobreviver aos incêndios que assolaram a Austrália no início de janeiro e que deixaram milhões de animais mortos e outros tantos sem abrigo.

Trata-se das lesmas Kaputar, criaturas do tamanho de uma mão, que vivem a cerca de 1509 metros de altitude apenas em Monte Kaputar, em Nova Gales do Sul, na Austrália.

De acordo com o jornal britânico The Independent, cerca de 60 lesmas Kaputar foram avistadas nas encostas da montanha Kaputar, formada por um vulcão já extinto, seis semanas depois dos incêndios que destruíram quase 18.000 hectares na região.

Segundo Frank Köhler, malacologista do Museu Australiano, algumas destas lesmas fluorescentes sobreviveram ao incêndio porque conseguiram “recuar para as fendas das rochas” durante os momentos de maior calor.

Cerca de 90% da população das lesmas de Monte Kaputar morreu durante os incêndios. Os cientistas chegaram a temer que a espécie tivesse mesmo sido extinta.

As fontes alimentares destas criaturas foram também destruídas, mas o malacologista acredita que a espécie possa recuperar de forma rápida. Lesmas e caracóis “são a base de todos os nossos ecossistemas”, disse Köhler, citado pelo jornal britânico The Guardian. “São a fonte de alimento fundamental para muitos mamíferos e pássaros”.

Estas lesmas deverão levar cerca de cinco anos para se recuperarem dos incêndios, podendo os caracóis precisar de 20 anos, uma vez que a sua esperança média de vida é mais longa e que produzem menos descendentes.

“As espécies não existem independentemente de outras espécies”, recordou ainda o especialista, dando conta que é necessário “manter todo o sistema e todas as espécies nele contidas contra impactos ambientais como os incêndios”.

O Parque Nacional de Monte Kaputar foi atingido pelos fogos e estará fechado ao público até 28 de fevereiro.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Querida ZAP, não é “tratam-se de lesmas”, é trata-se de lesmas. O verbo tratar, quando é sinónimo de lidar, só se conjuga na 3ª pessoa do singular. Repara que as lesmas não são o sujeito. O sujeito aqui é indeterminado, desconhecido. Alguém trata mas não se sabe quem.

  2. Caro ZAP, boa tarde.
    Para mim, são bem giras! Parecem nudibrânquios! 🙂
    Mas já agora, digam-me p.f.: é kaputar ou kaptar?
    Muito obrigada e bom trabalho! 🙂

RESPONDER

Apenas 24 países têm mulheres no poder. Igualdade de género alcançado somente "em 130 anos"

Menos de 500 milhões de pessoas dos cerca de 7,8 mil milhões que constituem a população mundial têm atualmente uma mulher Presidente ou chefe de governo, avançou a ONU Mulher. "Ao ritmo atual, a igualdade de …

Império de Cristiano Ronaldo mudou-se para Portugal (na pista dos benefícios fiscais)

Após ter dissolvido a CRS Holding no Luxemburgo, Cristiano Ronaldo passou a sede de uma das suas principais empresas para Lisboa renomeando-a CR7 Lifestyle Unipessoal. Nesta altura, o craque já tem seis empresas instaladas em …

Coro de crianças na Alemanha compõe música de apoio a Portugal

Um coro com cerca de quatro dezenas de crianças, da cidade de Tecklenburg, na Alemanha, criou uma música para "dar conforto" aos portugueses durante a pandemia de covid-19. "Quando eu li nas notícias sobre a situação …

Pelo menos 6% das portuguesas já foram vítimas de agressão física ou sexual

No dia em que se assinala o Dia Internacional da Mulher, a Pordata compilou um conjunto de indicadores que retratam a situação da mulher, em Portugal e na União Europeia.  Segundo o Eurostat e a Agência …

PS exige "demissão imediata" de Pedro Machado da presidência da Turismo Centro

As federações do PS de Aveiro, Coimbra, Guarda, Leiria, Oeste, Santarém e Viseu exigiram este domingo a "demissão imediata" de Pedro Machado da presidência da Turismo Centro de Portugal (TCP) e a convocação de eleições …

“Opaco” e “mal estruturado”. Pilotos criticam plano de adesão voluntária da TAP

Esta segunda-feira, o Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) definiu o programa de medidas voluntárias da TAP como “mal estruturado”, “absolutamente opaco” e com “deficiências de informação”. A direção de recursos humanos da companhia “revela-se …

"Bolsonaro pode estar a preparar guerra civil", temem politólogos

Politólogos ouvidos pelo DN temem que o Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, possa estar a preparar uma guerra civil. "Deseja armar a população, confia em poderes paralelos e estimula a indisciplina dos escalões mais baixos …

PRR: PSD quer que Governo conheça todos os contributos entregues na consulta pública

O PSD pediu acesso esta segunda-feira, através do parlamento, à documentação relativa a todos os contributos decorrentes da consulta pública do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). Num requerimento entregue segunda-feira no parlamento e dirigido ao …

Líder do Volt é candidato à Câmara de Lisboa

Tiago Matos Gomes anunciou a sua candidatura à Câmara Municipal de Lisboa. É a primeira vez que o Volt Portugal vai a votos. O líder do recém-criado Volt, Tiago Matos Gomes, é o cabeça de lista …

Tribunal não consegue notificar informador do caso Tancos conhecido por "Fechaduras"

O Tribunal de Santarém não conseguiu notificar a testemunha Paulo Lemos, conhecido como "Fechaduras", para esta segunda-feira ser ouvido no processo de Tancos, onde chegou a ser arguido. No início da sessão, a decorrer no Centro …