Jovem que terá esfaqueado adeptos do Sporting em Guimarães acusado de homicídio

maveric2003 / Wikimedia

O Ministério Público acusou de homicídio qualificado, na forma tentada, um jovem de 20 anos suspeito de esfaquear, em Guimarães, dois adeptos do Sporting, no final de um jogo de futebol, a 1 de novembro de 2014.

Segundo a acusação, a que a Lusa teve acesso esta quinta-feira, o arguido vai ainda responder por três crimes de ofensa à integridade física qualificada e por um crime de detenção de arma proibida.

No mesmo processo, é também arguido um jovem de 18 anos, acusado de quatro crimes de ofensa à integridade física qualificada.

Os factos remontam à noite de 1 de novembro, no final do jogo de futebol entre o Vitória de Guimarães e o Sporting, para a 9ª jornada da I Liga, que a equipa minhota venceu por três bolas a zero.

De acordo com a acusação, quatro adeptos do Sporting, oriundos de Mirandela foram abordados, na rua, pelos dois arguidos, que envergavam bonés e casacos alusivos ao Vitória de Guimarães e que estavam acompanhados por mais “6 a 7” pessoas, que as autoridades não conseguiram identificar.

Os ofendidos foram agredidos com socos e pontapés, mas dois conseguiram entretanto fugir do local, enquanto os outros dois ficaram “cercados” pelos agressores.

Um dos arguidos sacou de uma navalha de 8,5 centímetros, de abertura automática mediante mecanismo de mola, e deu uma navalhada no tórax a um dos ofendidos e duas numa omoplata a outro.

Mesmo depois de os ofendidos estarem no chão a sangrar, os arguidos “continuaram a dar-lhes socos e pontapés”, só abandonando o local após terem sido avisados de que a polícia estava a chegar.

A acusação de homicídio qualificado, na forma tentada, refere-se ao caso do adepto que foi esfaqueado no tórax, já que se trata de uma zona do corpo “que aloja órgãos vitais”.

O arguido “previu que poderia matar, resultado com o qual se conformou e quis”, refere a acusação, sublinhando que a navalha utilizada era “um meio especialmente idóneo” para provocar lesões graves.

O Ministério Público sublinhou que os arguidos agiram “de forma inesperada, sem qualquer provocação e impulsionados por motivo fútil”, traduzido “na mera disputa clubística”.

O arguido acusado de desferir as navalhadas está a aguardar julgamento em prisão domiciliária, com vigilância eletrónica.

O seu advogado, Pedro Carvalho, disse à Lusa que está a analisar a acusação, sublinhando que a estratégia da defesa poderá passar por requerer a instrução.

“Já esperávamos uma acusação por homicídio na forma tentada, apesar de ser, quanto a nós, manifesto que não existiu intenção de matar. Mas em Portugal, sempre que há uma agressão com arma e lesões corporais, o Ministério Público entende sempre haver uma tentativa de homicídio”, referiu.

Pedro Carvalho disse ainda esperar “que não haja pressão dos dirigentes desportivos, como se verificou lamentavelmente no início do processo, porque estão a ser julgadas pessoas e não clubes, e quer as vítimas, quer os agressores merecem um julgamento justo, não mediatizado ou politizado”.

“Os dirigentes desportivos devem dar o exemplo e absterem-se de discursos inflamados e quezílias, preocupando-se em apenas vencer jogos dentro das quatro linhas e em combater a violência verbal ou física no desporto e não incentivar a mesma”, rematou.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Claro que o menino não queria fazer mal ao espetar a navalha. Devia era apanhar 25 anos juntamente com o monte de m…. do advogado que ainda acha que tem razao

PSD vai indicar Fernando Negrão para vice-presidente da Assembleia da República

O PSD vai indicar o líder parlamentar cessante Fernando Negrão para vice-presidente da Assembleia da República, disse hoje à Lusa fonte oficial da bancada social-democrata. A mesma fonte indicou que o PSD irá ainda propor como …

Funcionário da Casa Branca que publicou artigo anónimo sobre Trump vai lançar livro "explosivo"

O alto funcionário da Casa Branca que em setembro do ano passado escreveu de forma anónima um artigo de opinião no The New York Times vai lançar um livro no próximo mês. De acordo com o …

Grupos secretos do Facebook prometem falsas curas para cancro e autismo

Uma investigação do Business Insider expôs casos de contas e grupos secretos no Facebook que passam publicitam "medicamentos" e "tratamentos" alternativos que custam milhares de dólares mas que, na verdade, não passam de fraudes. Segundo noticiou …

Ministério repudia agressões nas escolas e fala em casos "residuais"

O Ministério da Educação garante que as situações de violência grave nas escolas são “residuais” e que existe uma tendência de diminuição de casos, repudiando todas as agressões que considera "inaceitáveis seja quem for o …

Surto de anthrax pode ter matado mais de 100 elefantes no Botswana

Um surto de anthrax pode estar na origem da morte de mais de 100 elefantes no Botswana ao longo dos dois últimos meses. Fontes do Governo do Botswana adiantaram, citadas pela Reuters, que "as investigações preliminares …

Nove migrantes encontrados vivos em novo camião no Reino Unido

A polícia britânica encontrou um segundo camião onde viajavam nove migrantes, todos eles vivos. Ainda hoje foi encontrado um camião com 39 pessoas mortas. Horas depois de ter sido encontrado um camião com 39 pessoas mortas, …

Brexit. Primeiro-ministro da Irlanda apoia adiamento até 31 de janeiro

O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, defendeu esta quarta-feira uma prorrogação da data do 'Brexit' até 31 de janeiro, num telefonema com o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, que já recomendou aos 27 que …

Matosinhos é a primeira cidade 5G em Portugal

A NOS cobriu totalmente Matosinhos com 5G, em parceria com a Huawei, tornando-a na primeira cidade de quinta geração móvel em Portugal, anunciou, esta quarta-feira, a operadora de telecomunicações. De acordo com a operadora, "a rede …

O Super Mundial de Clubes vem aí e o Barcelona pode ficar de fora

O Barcelona poderá ficar fora da próxima grande competição da FIFA: o Super Mundial de Clubes. Para inverter esta situação, os catalães terão de ganhar uma das próximas duas edições da Champions. O Conselho da FIFA …

Falência da Thomas Cook leva ao encerramento de empresas no Algarve

De acordo com a TSF, há empresas que não vão conseguir resistir ao colapso do grupo britânico Thomas Cook, que anunciou falência há cerca de um mês. Um mês depois de ter sido anunciada a falência …