Joacine disposta a fazer “cedências necessárias”. Livre diz que só por milagre as relações serão retomadas

Miguel A. Lopes / Lusa

Joacine Katar Moreira e Rui Tavares.

O Livre decidiu retirar a confiança política a Joacine Katar Moreira. A deputada única do partido admite fazer as cedências necessárias, mas o partido diz que só por milagre as relações entre os dois vão ser retomadas.

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos, sem contar com Joacine Katar Moreira.

Um dos membros do Grupo de Contacto do Livre, Pedro Mendonça, afirmou este domingo que as relações entre Joacine Katar Moreira e a direção do partido, só poderão ser retomadas se houver um “milagre”.

“Se por algum ato milagroso houver uma mudança de atitude por parte da deputada Joacine Katar Moreira obviamente que trabalharemos” com a única representante do partido no parlamento, afirmou Pedro Mendonça, em declarações aos jornalistas no final do IX Congresso do Livre.

O membro do Grupo de Contacto (direção) eleito no domingo afirmou que a direção atual mantém a posição de apoio à resolução da 42ª Assembleia do Livre, que propôs a retirada de confiança política na deputada.

Pedro Mendonça acrescentou que, para além do Grupo de Contacto, a nova Assembleia (órgão máximo entre congressos) “também é de continuidade”.

“Tudo faremos para que a situação seja resolvida o mais rapidamente possível, esta é uma situação insustentável“, afirmou.

Momentos antes, a deputada disse, em declarações aos jornalistas, que as partes envolvidas vão necessitar de conversar e encontrar-se “imensamente” e “regularmente”, bem como decidir “o que é preciso alterar, o que se pode melhorar.

Em resposta a estas declarações, Pedro Mendonça afirmou que as relações entre a deputada e o Grupo de Contacto continuam “cortadas” e acrescentou que Joacine Katar Moreira terá de entender que foi eleita por um partido e não sozinha.

“Em política não há impossíveis e todas as pessoas têm de ter essa noção mas há responsabilidades e há saber o que se representa”, adiantou. O Livre como partido já existia, com o seu programa político e carta de princípios, “que Joacine assinou”, lembrou.

Pedro Mendonça sublinhou que a direção responde à Assembleia e acrescentou: “Se foram levantadas dúvidas sobre os métodos utilizados para a decisão que os órgãos cessantes tomaram, retomaremos toda a situação”.

Para já, se Joacine Katar Moreira mantiver “o grau de lisura e um nível de conduta educacional que se exige em política como na vida”, Pedro Mendonça admite ser possível retomar relações.

O congresso do Livre decidiu no sábado que caberá à Assembleia que foi eleita no domingo decidir sobre a eventual retirada da confiança política à única deputada do partido.

“Joacine admite fazer cedências necessárias”

Depois de decisão de retirar a confiança política a Joacine Katar Moreira, a deputada única afirmou este domingo que está disposta a fazer as cedências que forem necessárias para melhorar a relação com os órgãos do partido. Sem problemas em reconhecer a conturbação vivida no partido, admite que “esta época irá obviamente ser uma época ainda um bocado agitada”.

De acordo com o jornal Público, no sentido de preservar a confiança que os eleitores depositaram no Livre, a deputada defende que são necessárias cedências de ambas as partes: “E, especialmente, é preciso que haja cedências de parte a parte, e eu ainda estou disponível para isso”.

“Mas qualquer cedência da minha parte precisa de ser no que diz respeito ao meu trabalho e precisa de ser obviamente com base na verdade absoluta”, acrescentou.

Por sua vez, Rui Tavares, líder do Livre, defende que o partido “pode viver sem uma pessoa ou outra pessoa, mas não pode viver sem os seus princípios”.

A ideia-chave da nova direção é a continuidade do trabalho desenvolvido até agora e o afastamento de Joacine do partido, para Rui Tavares, é um cenário inevitável. “O partido decidiu dar confiança aos próximos órgãos para concluir o que vinha da assembleia anterior. A próxima assembleia saberá escolher o melhor caminho”, disse o cofundador do Livre.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Facebook terá tentado comprar um software de espionagem em 2017

O Facebook tem estado envolvido em vários escândalos e o mais recente está relacionado com a alegada compra da ferramenta Pegasus, usada para hackear iPhones. A empresa de segurança informática NSO Group, responsável pela Pegasus, alega …

Primeiro-ministro espanhol diz que coronavírus desafia o futuro da UE. E fá-lo em sete idiomas

O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez publicou no domingo um artigo em sete idiomas europeus, argumentando que o coronavírus pode ser a ruína da União europeia (UE) caso não sejam tomadas medidas mais drásticas para lidar …

Viseiras de Leiria despertam cobiça. Bélgica e EUA queriam comprar toda a produção

Várias empresas de moldes e plásticos da região de Leiria estão a fabricar viseiras de protecção contra a Covid-19. Uma adaptação em tempos de pandemia que está a levantar atenção no estrangeiro, com EUA e …

Apple vai começar a produzir um milhão de máscaras por semana

O presidente da Apple, Tim Cook, anunciou que a empresa poderá produzir um milhão de máscaras por semana a partir do próximo fim de semana. Tim Cook explicou, na sua conta da rede social Twitter, que …

Robert Weighton é o homem mais velho do mundo. Tem 112 anos

Com 112 anos completados no dia 29 de março, o britânico Robert Weighton tornou-se o homem mais velho do mundo. Robert Weighton nasceu no dia 29 de março de 1908, em Kingston-Upon-Hull, no Yorkshire. Ao longo …

ISEG prevê queda do PIB entre 4% e 8% em 2020

O Grupo de Análise Económica do instituto da Universidade de Lisboa revelou o intervalo indicativo de variação do PIB usando duas evoluções diferenciadas da crise, com duração mínima de dois meses. A economia portuguesa deverá ter …

Boris Johnson nos cuidados intensivos

O primeiro-ministro britânico, que está infetado com covid-19, foi transferido esta segunda-feira para os cuidados intensivos. Boris Johnson, que está infetado com covid-19, foi transferido esta segunda-feira para a unidade de cuidados intensivos, depois de …

Estado de emergência impede lojistas de terminarem contratos de arrendamento

Os lojistas que fecharam os seus estabelecimentos por causa da pandemia não podem acabar com os contratos de arrendamento por causa da queda das receitas. De acordo com o Diário de Notícias, o decreto-lei do Governo …

Hi Fly quer usar A380 na Portela para transportar equipamento, mas ANA não autoriza

Um estudo da fabricante de aviões Airbus dá o A380 como compatível no aeroporto de Lisboa. No entanto, a ANA alega que teria de fazer "obras avultadas" para autorizar a operação do A380 na Portela. A …

Mortes em Itália voltam a subir. Em França morreram mais de 800 pessoas nas últimas 24 horas

Itália, um dos países mais afetados pela pandemia de covid-19, registou 525 mortes no domingo, mas o número ascendeu para 636 esta segunda-feira. Em França, morreram mais de 800 pessoas nas últimas 24 horas. Em Itália, …