Joacine disposta a fazer “cedências necessárias”. Livre diz que só por milagre as relações serão retomadas

Miguel A. Lopes / Lusa

Joacine Katar Moreira e Rui Tavares.

O Livre decidiu retirar a confiança política a Joacine Katar Moreira. A deputada única do partido admite fazer as cedências necessárias, mas o partido diz que só por milagre as relações entre os dois vão ser retomadas.

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos, sem contar com Joacine Katar Moreira.

Um dos membros do Grupo de Contacto do Livre, Pedro Mendonça, afirmou este domingo que as relações entre Joacine Katar Moreira e a direção do partido, só poderão ser retomadas se houver um “milagre”.

“Se por algum ato milagroso houver uma mudança de atitude por parte da deputada Joacine Katar Moreira obviamente que trabalharemos” com a única representante do partido no parlamento, afirmou Pedro Mendonça, em declarações aos jornalistas no final do IX Congresso do Livre.

O membro do Grupo de Contacto (direção) eleito no domingo afirmou que a direção atual mantém a posição de apoio à resolução da 42ª Assembleia do Livre, que propôs a retirada de confiança política na deputada.

Pedro Mendonça acrescentou que, para além do Grupo de Contacto, a nova Assembleia (órgão máximo entre congressos) “também é de continuidade”.

“Tudo faremos para que a situação seja resolvida o mais rapidamente possível, esta é uma situação insustentável“, afirmou.

Momentos antes, a deputada disse, em declarações aos jornalistas, que as partes envolvidas vão necessitar de conversar e encontrar-se “imensamente” e “regularmente”, bem como decidir “o que é preciso alterar, o que se pode melhorar.

Em resposta a estas declarações, Pedro Mendonça afirmou que as relações entre a deputada e o Grupo de Contacto continuam “cortadas” e acrescentou que Joacine Katar Moreira terá de entender que foi eleita por um partido e não sozinha.

“Em política não há impossíveis e todas as pessoas têm de ter essa noção mas há responsabilidades e há saber o que se representa”, adiantou. O Livre como partido já existia, com o seu programa político e carta de princípios, “que Joacine assinou”, lembrou.

Pedro Mendonça sublinhou que a direção responde à Assembleia e acrescentou: “Se foram levantadas dúvidas sobre os métodos utilizados para a decisão que os órgãos cessantes tomaram, retomaremos toda a situação”.

Para já, se Joacine Katar Moreira mantiver “o grau de lisura e um nível de conduta educacional que se exige em política como na vida”, Pedro Mendonça admite ser possível retomar relações.

O congresso do Livre decidiu no sábado que caberá à Assembleia que foi eleita no domingo decidir sobre a eventual retirada da confiança política à única deputada do partido.

“Joacine admite fazer cedências necessárias”

Depois de decisão de retirar a confiança política a Joacine Katar Moreira, a deputada única afirmou este domingo que está disposta a fazer as cedências que forem necessárias para melhorar a relação com os órgãos do partido. Sem problemas em reconhecer a conturbação vivida no partido, admite que “esta época irá obviamente ser uma época ainda um bocado agitada”.

De acordo com o jornal Público, no sentido de preservar a confiança que os eleitores depositaram no Livre, a deputada defende que são necessárias cedências de ambas as partes: “E, especialmente, é preciso que haja cedências de parte a parte, e eu ainda estou disponível para isso”.

“Mas qualquer cedência da minha parte precisa de ser no que diz respeito ao meu trabalho e precisa de ser obviamente com base na verdade absoluta”, acrescentou.

Por sua vez, Rui Tavares, líder do Livre, defende que o partido “pode viver sem uma pessoa ou outra pessoa, mas não pode viver sem os seus princípios”.

A ideia-chave da nova direção é a continuidade do trabalho desenvolvido até agora e o afastamento de Joacine do partido, para Rui Tavares, é um cenário inevitável. “O partido decidiu dar confiança aos próximos órgãos para concluir o que vinha da assembleia anterior. A próxima assembleia saberá escolher o melhor caminho”, disse o cofundador do Livre.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Esta é a cidade com mais Alzheimer do mundo (e a culpa é de uma estranha mutação genética)

Na Colômbia, os habitantes da cidade de Yarumal parecem estar condenados a uma maldição que os faz esquecerem-se da sua vida, morrendo pouco tempo depois do início dos sintomas. Milhares de pessoas, pertencentes a apenas 25 …

Idosa de 93 anos recuperou de Covid-19 (e há 6 crianças em estado grave no Dona Estefânia)

Uma mulher de 93 anos que esteve internada em Lisboa, com Covid-19, recuperou da infecção ao cabo de 11 dias. Enquanto isso, há seis crianças com idades entre 4 meses e 17 anos que estão …

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …