88 dias depois, adolescente escapa com vida ao assassino dos pais

Departamento do Xerife do Condado de Barron

Jayme Closs desapareceu a 15 de outubro. Consegui fugir após 88 dias de sequestro

Após 3 meses de cativeiro, a jovem Jayme Closs, de 13 anos, já é considerada uma heroína nos EUA. A adolescente, que tinha desaparecido em outubro, no dia em que os pais foram assassinados, conseguiu fugir ao seu sequestrador.

Jayme Closs tem apenas 13 anos, mas já é considerada uma heroína. Conseguiu escapar de uma casa onde se encontrava em cativeiro há quase três meses, numa zona rural do estado norte-americano do Wisconsin.

A adolescente norte-americana desapareceu em outubro, no dia em que os pais foram assassinados na casa da família. Após 88 dias de sequestro, Jayme conseguiu fugir ao seu raptor, que foi detido esta sexta-feira e acusado de assassinar os pais da menina.

O paradeiro de Jayme Closs permaneceu um mistério durante os últimos meses. A jovem foi dada como desaparecida e as autoridades temiam que tivesse sido assassinada juntamente com os pais. Mas esta quinta-feira, numa inesperada reviravolta, a Polícia do Condado de Barron informou que a adolescente tinha sido encontrada viva.

Em conferência de imprensa, as autoridades policiais adiantaram que tinha sido detido um suspeito, cuja identidade foi divulgada esta sexta-feira. Jake Thomas Patterson, de 21 anos, é acusado de homicídio qualificado e sequestro.

As autoridades acreditam que Jake Thomas Patterson tenha assassinado os pais de Jayme para para sequestrar a adolescente

Segundo os relatórios preliminares da polícia, a adolescente foi sequestrada a 15 de outubro, antes de o dia nascer. Os seus pais, James e Denise Closs, de 56 e 46 anos, foram assassinados a tiro dentro de casa, na cidade de Barron.

A polícia chegou ao local na sequência de uma chamada telefónica para o número de emergência 911, feita a partir do telemóvel de Denise. Segundo contou o operador do 911, ouvida na altura pela cadeia de TV ABC, ninguém chegou a falar durante a chamada, mas ouviram-se “muitos gritos”.

O funcionário tentou ligar de volta para o número que tinha estabelecido a a ligação, sem sucesso. Quando a polícia local chegou à casa da família, quatro minutos mais tarde, encontrou a porta arrombada e o casal morto a tiro. Não havia no entanto no local qualquer sinal de Jayme, que se manteve desaparecida até esta quinta-feira.

O destino da adolescente foi motivo de especulação desde então. Numa conferência de imprensa, em outubro, a polícia informou ter recebido mais de 400 chamadas de pessoas com informações sobre o suposto paradeiro de Jayme. Algumas testemunhas diziam ter visto a jovem num posto de gasolina em Miami, a milhares de quilómetros de casa.

Jayme foi encontrada em outro condado, na cidade de Gordon, a mais de uma hora de distância de casa.

A polícia acredita que Jake Thomas Patterson tenha assassinado James e Denise Closs para sequestrar Jayme. Segundo Chris Fitzgerald, xerife do Condado de Barron, Patterson não tinha histórico criminal no Estado de Wisconsin e a jovem era o seu “único alvo”.

O responsável policial não adiantou no entanto por que motivo o sequestrador teria escolhido a jovem. Segundo Fitzgerald, não há registo de qualquer contacto entre Patterson e Jayme através das redes sociais.

Os investigadores dizem ter para já “informações limitadas” sobre o caso e realçam que o suspeito ainda está a ser interrogado, mas adiantaram que o alegado homicida terá seguido uma série de passos para esconder a sua identidade das autoridades.

Jayme, que passou por uma avaliação psicológica, prestou depoimento às autoridades policiais e ao FBI, agência federal que tutela os crimes de rapto, após o que foi finalmente entregue à família. “É incrível a força de vontade de uma menina de 13 anos para sobreviver e escapar”, realçou Chris Fitzgerald.

ZAP // BBC / The Independent

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Caro Impressive,
      Efectivamente, ambas as fontes que citamos (BBC e The Independent) indicam que foi esse o tempo que a polícia demorou a chegar ao local após a chamada para o 911.

      • Numa zona rural? Um telefonema para o 911 não vai parar à polícia, vai para um serviço de atendimento que depois entra em contacto com a polícia.

        4 minutos é impressionante, e infelizmente duvido que isto se passasse em Portugal.

        Quando um avião aterrou no meio do rio Hudson, algo para que ninguém estava preparado, os serviços de emergência demoraram apenas 25 minutos a chegar ao avião.

  1. Nem tudo é perfeito nos USA, mas em PT, definitivamente ainda temos muita rasa de sal para comer… esperando que o dinheiro necessário entretanto não vá parar aos bolsos do costume…

Responder a ZAP Cancelar resposta

China. Cientistas testam vacina contra a SIDA em seres humanos

Um grupo de cientistas chineses vai testar uma vacina "duradoura" contra o vírus da sida, em 160 voluntários, na primeira vez que uma vacina deste género atinge a segunda fase de testes, segundo a imprensa …

Empresa de Sérgio Ramos multada em 250 mil euros por cortar dezenas de árvores ilegalmente

A cidade de Alcobendas, em Espanha, decidiu em sessão plenária extraordinária multar a empresa Aguileña de Inversiones SA, veiculada ao futebolista Sérgio Ramos, em 250.000 euros devido ao abate ilegal de dezenas de árvores. Segundo escreve a …

Postal enviado de Hong Kong em 1993 chegou aos Estados Unidos esta semana

Uma norte-americano recebeu, esta semana, um postal oriundo de Hong Kong e datado de 1993 em perfeitas condições de preservação. Agora, falta encontrar os verdadeiros destinatários. Tal como conta a emissora norte-americana CNN, a mulher, Kim …

Além de programas e subscritores, Netflix está a perder (sobretudo) confiança

A Netflix apresentou, neste segundo semestre do ano, um crescimento global aquém das expectativas e, pela primeira vez, assistiu a uma perda de subscritores naquele que é o seu principal mercado. Estes resultados não agradaram …

Criança descobre fóssil de crocodilo gigante pré-histórico que habitou Amazónia

O rapaz de onze anos estava a pescar com o pai, nas margens brasileiras do rio Acre, quando descobriu a mandíbula de um crocodilo gigante pré-histórico que habitou a Amazónia há oito milhões de anos. Uma …

Protestos, detidos e estado de emergência. Um super-telescópio está a agitar o Havai

Centenas de manifestantes estão reunidos, na base da montanha Mauna Kea, no Havai, para contestar a construção no seu pico de um super-telescópio, avaliado em mil milhões de dólares. Segundo o Washington Post, os anciãos havaianos, conhecidos …

A Brienne de A Guerra dos Tronos propôs-se a um Emmy. E conseguiu a nomeação

A atriz Gwendoline Christie, que interpreta a cavaleira Brienne of Tarth em A Guerra dos Tronos, propôs-se a um Emmy depois de a produtora HBO não a ter indicado para os maiores prémios da televisão. Christie …

Espiões nos recreios das escolas para ver se as crianças falavam Catalão

O Governo regional da Catalunha autorizou que elementos de uma organização não governamental se introduzissem nos recreios das escolas para aferirem se as crianças e os professores falavam Catalão ou Espanhol. A iniciativa foi levada a …

Bill Gates já não é o segundo homem mais rico do mundo

O fundador da Microsoft, Bill Gates, já não é o segundo homem mais rico do mundo. Segundo o ranking elaborado pela Bloomberg, o empresário foi destronado pelo francês Bernard Arnaut, dono da empresa de artigos …

Passageira tenta abrir porta do avião em pleno voo e obriga piloto a aterrar de emergência

Uma passageira que se comportou de forma agressiva e descontrolada durante um voo que seguia de Londres para a Turquia obrigou o piloto a regressar ao aeroporto de Stansted, escoltado por dois jatos militares. O incidente …