88 dias depois, adolescente escapa com vida ao assassino dos pais

Departamento do Xerife do Condado de Barron

Jayme Closs desapareceu a 15 de outubro. Consegui fugir após 88 dias de sequestro

Após 3 meses de cativeiro, a jovem Jayme Closs, de 13 anos, já é considerada uma heroína nos EUA. A adolescente, que tinha desaparecido em outubro, no dia em que os pais foram assassinados, conseguiu fugir ao seu sequestrador.

Jayme Closs tem apenas 13 anos, mas já é considerada uma heroína. Conseguiu escapar de uma casa onde se encontrava em cativeiro há quase três meses, numa zona rural do estado norte-americano do Wisconsin.

A adolescente norte-americana desapareceu em outubro, no dia em que os pais foram assassinados na casa da família. Após 88 dias de sequestro, Jayme conseguiu fugir ao seu raptor, que foi detido esta sexta-feira e acusado de assassinar os pais da menina.

O paradeiro de Jayme Closs permaneceu um mistério durante os últimos meses. A jovem foi dada como desaparecida e as autoridades temiam que tivesse sido assassinada juntamente com os pais. Mas esta quinta-feira, numa inesperada reviravolta, a Polícia do Condado de Barron informou que a adolescente tinha sido encontrada viva.

Em conferência de imprensa, as autoridades policiais adiantaram que tinha sido detido um suspeito, cuja identidade foi divulgada esta sexta-feira. Jake Thomas Patterson, de 21 anos, é acusado de homicídio qualificado e sequestro.

As autoridades acreditam que Jake Thomas Patterson tenha assassinado os pais de Jayme para para sequestrar a adolescente

Segundo os relatórios preliminares da polícia, a adolescente foi sequestrada a 15 de outubro, antes de o dia nascer. Os seus pais, James e Denise Closs, de 56 e 46 anos, foram assassinados a tiro dentro de casa, na cidade de Barron.

A polícia chegou ao local na sequência de uma chamada telefónica para o número de emergência 911, feita a partir do telemóvel de Denise. Segundo contou o operador do 911, ouvida na altura pela cadeia de TV ABC, ninguém chegou a falar durante a chamada, mas ouviram-se “muitos gritos”.

O funcionário tentou ligar de volta para o número que tinha estabelecido a a ligação, sem sucesso. Quando a polícia local chegou à casa da família, quatro minutos mais tarde, encontrou a porta arrombada e o casal morto a tiro. Não havia no entanto no local qualquer sinal de Jayme, que se manteve desaparecida até esta quinta-feira.

O destino da adolescente foi motivo de especulação desde então. Numa conferência de imprensa, em outubro, a polícia informou ter recebido mais de 400 chamadas de pessoas com informações sobre o suposto paradeiro de Jayme. Algumas testemunhas diziam ter visto a jovem num posto de gasolina em Miami, a milhares de quilómetros de casa.

Jayme foi encontrada em outro condado, na cidade de Gordon, a mais de uma hora de distância de casa.

A polícia acredita que Jake Thomas Patterson tenha assassinado James e Denise Closs para sequestrar Jayme. Segundo Chris Fitzgerald, xerife do Condado de Barron, Patterson não tinha histórico criminal no Estado de Wisconsin e a jovem era o seu “único alvo”.

O responsável policial não adiantou no entanto por que motivo o sequestrador teria escolhido a jovem. Segundo Fitzgerald, não há registo de qualquer contacto entre Patterson e Jayme através das redes sociais.

Os investigadores dizem ter para já “informações limitadas” sobre o caso e realçam que o suspeito ainda está a ser interrogado, mas adiantaram que o alegado homicida terá seguido uma série de passos para esconder a sua identidade das autoridades.

Jayme, que passou por uma avaliação psicológica, prestou depoimento às autoridades policiais e ao FBI, agência federal que tutela os crimes de rapto, após o que foi finalmente entregue à família. “É incrível a força de vontade de uma menina de 13 anos para sobreviver e escapar”, realçou Chris Fitzgerald.

ZAP // BBC / The Independent

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Caro Impressive,
      Efectivamente, ambas as fontes que citamos (BBC e The Independent) indicam que foi esse o tempo que a polícia demorou a chegar ao local após a chamada para o 911.

      • Numa zona rural? Um telefonema para o 911 não vai parar à polícia, vai para um serviço de atendimento que depois entra em contacto com a polícia.

        4 minutos é impressionante, e infelizmente duvido que isto se passasse em Portugal.

        Quando um avião aterrou no meio do rio Hudson, algo para que ninguém estava preparado, os serviços de emergência demoraram apenas 25 minutos a chegar ao avião.

  1. Nem tudo é perfeito nos USA, mas em PT, definitivamente ainda temos muita rasa de sal para comer… esperando que o dinheiro necessário entretanto não vá parar aos bolsos do costume…

Responder a ah Cancelar resposta

Alcochete. Jogadores vão testemunhar por videoconferência

O coletivo de juízes que está a julgar o processo do ataque à academia de Alcochete, no Tribunal de Monsanto, decidiu, esta sexta-feira, que os jogadores do Sporting testemunhem por videoconferência. O Sporting, na qualidade de …

"Todos os caminhos levam a Putin". Donald Trump deverá ser acusado formalmente nos próximos dias

Os democratas estão a desenvolver o processo de destituição de Donald Trump, reforçando o foco na Federação Russa e nas ligações ao Presidente da Rússia, Vladimir Putin, quando começam a esboçar o texto acusatório do …

Marcha pelo Clima juntou milhares em Madrid. Greta saiu por recomendação da polícia

Milhares de pessoas participaram, esta sexta-feira, em Madrid, na Marcha pelo Clima, encabeçada pela jovem ativista ambiental sueca, que teve de abandonar a manifestação por recomendação da polícia. A Marcha pelo Clima começou às 18h00 locais, …

City vs United. Em Manchester, há uma guerra anónima a ser travada entre oriente e ocidente

Este sábado, Manchester City e Manchester United defrontam-se dentro de campo. Mas fora das quatro linhas decorre uma batalha oculta pelo domínio ideológico de gestão. O dérbi de Manchester é sempre um confronto importante no calendário …

Múmias milenares tinham tatuagens escondidas (e já podemos vê-las)

As tatuagens escondidas em antigas múmias egípcias estão agora a ser reveladas pelos cientistas, usando uma nova tecnologia de infravermelho, permitindo vislumbrar como os membros da sociedade há três mil anos viviam e trabalhavam. Tatuagens semelhantes …

Miguel Albuquerque avisa: deputados madeirenses do PSD podem viabilizar OE

O presidente da estrutura regional do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, disse esta sexta-feira que os três deputados na Assembleia da República poderão votar o Orçamento do Estado caso as reivindicações da região estejam asseguradas. “O Orçamento do …

"Não há falta de médicos" nos hospitais de Coimbra e Algarve, diz Marta Temido

A ministra da Saúde afirmou esta sexta-feira que não há falta de médicos nos centros hospitalares universitários do Algarve e de Coimbra, admitindo que poderá haver necessidade de rever escalas e formas de organização. “Não me …

Já pode beber uma cerveja que nunca "morre"

https://vimeo.com/377813387 Cientistas chineses criaram uma levedura geneticamente modificada que faz com que a cerveja nunca "morra". Esta inovação pode aumentar o prazo de validade da cerveja, com uma alteração mínima ao seu sabor. Não há nada melhor …

Cotrim Figueiredo: "Siza Vieira não tem peso político para levar a sua avante”

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "não tem peso político para levar a sua avante" neste Governo, disse o deputado da Iniciativa Liberal João Cotrim Figueiredo, que é também candidato único à liderança do …

Arranca hoje a "contra-cimeira" contra "hipocrisia dos governos"

Enquanto na chamada "zona verde" se prepara a semana das negociações de alto nível da COP25, começa este sábado em Madrid uma contra-cimeira em que os movimentos ativistas procuram um contraponto ao que chamam a …