Já há mais de 90 mil portugueses em isolamento por contacto com casos positivos de covid-19

Portugal tem hoje 91 mil pessoas sob vigilância das autoridades de saúde, sujeitas a isolamento, por terem estado em contacto próximo com casos positivos do novo coronavírus.

O aumento diário de contactos em vigilância pelas autoridades de saúde chegou a ser de mais 12.247 na sexta-feira e mais 11.661 no sábado – um número seis vezes superior ao registado na quinta-feira e muito mais do que em qualquer dia do último mês.

As subidas dos últimos dois dias nos contactos em vigilância são mesmo, de longe, as maiores desde o início da pandemia, num número que costuma ser uma espécie de indicador da evolução da pandemia nos dias e semanas seguintes.

De acordo com a TSF, subidas tão expressivas dos casos em vigilância significam que o crescimento de casos positivos poderá ser ainda maior em breve, mas a Direção-Geral da Saúde (DGS) justifica a subida tão abrupta com “uma reorganização das equipas de saúde pública”.

“O aumento da incidência [de novos casos confirmados de coronavírus] nas últimas semanas obrigou a uma reorganização das equipas de saúde pública, por forma a conseguir proceder de forma o mais atempada possível à investigação epidemiológica dos novos casos de covid-19″, disse a DGS na resposta enviada por escrito à TSF.

Esta re-organização “permitiu identificar e colocar em vigilância um número cada vez maior de contactos”, aumento que “se espera” que continue “nos próximos dias”.

A DGS adianta ainda que perante a situação epidemiológica e a grande pressão em que as equipas de saúde pública se encontram, tem existido um enorme esforço das mesmas para manter o reporte de contactos sob vigilância o mais atualizado possível“.

As 91.350 pessoas em vigilância pelas autoridades de saúde pública – há dois dias eram ‘apenas’ 67.442 – resultam “de contactos identificados na investigação epidemiológica que as autoridades de saúde consideraram relevante manter em acompanhamento por se encontrarem no período de incubação” do novo coronavírus, sendo, potencialmente, futuros casos positivos.

Qualquer uma destas pessoas que desenvolva sintomas é, segundo a DGS, rapidamente encaminhada para a realização de teste para verificar se está infetado, mas caso não exista qualquer sintoma a pessoa sairá do isolamento passados 14 dias.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Vila Verde

A Polícia Judiciária está a fazer buscas na Câmara de Vila Verde, no distrito de Braga, relacionadas com "adjudicações a juntas de freguesia", confirmou esta quarta-feira à Lusa fonte daquela força policial. Segundo a mesma fonte, …

Reino Unido começa a vacinar já na próxima semana

O Reino Unido vai começar a vacinar a sua população contra a covid-19 na próxima semana. Depois da aprovação do uso da vacina da Pfizer, os primeiros a receber a vacina serão os trabalhadores e …

Governo já garantiu 370 camas no setor privado

O Governo já garantiu 370 camas no setor privado, sendo que quase metade, 164, são para doentes covid. Há atualmente 3.338 pacientes infetados com o novo coronavírus internados em hospitais. A informação foi confirmada por fonte …

Covid-19 pode ter chegado aos EUA em dezembro de 2019. País prepara-se para o pior inverno da história

Depois de ter sido confirmado que o novo coronavírus já circulava em Itália desde setembro de 2019, agora surge um relatório que refere que a covid-19 pode ter infetado um pequeno número de pessoas nos …

Maior parte dos médicos aposentados que voltam ao SNS prefere trabalhar em tempo reduzido

A maior parte dos médicos aposentados que regressa ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) opta por trabalhar em tempo reduzido, adianta o Jornal de Notícias. De acordo com o Jornal de Notícias, do total de 216 …

Bruxelas ameaça avançar com Fundo de Recuperação sem Hungria e Polónia

A Comissão Europeia (CE) está a perder a paciência e, caso não haja progressos nas negociações, ameaça avançar com o Fundo de Recuperação europeu sem a 'luz verde' da Hungria e da Polónia. O ultimato foi …

Empresas que reforcem lay-off não podem fechar portas, mas podem reduzir horários a 100%

O chamado “apoio à retoma progressiva” vai permitir que em dezembro as empresas saltem para o escalão seguinte, que garante mais financiamento, mas o Governo exige que mantenham atividade. Contudo, garante que tal não condiciona …

Reunião no Infarmed. Pico foi atingido em 25 de novembro, peritos pedem que não haja medo das vacinas

Especialistas, dirigentes dos partidos políticos e parceiros sociais voltaram esta quinta-feira a reunir-se para analisar a situação epidemiológica da covid-19, em vésperas de nova renovação do estado de emergência e da decisão sobre as medidas …

Governo tem algumas soluções para o Novo Banco (que dispensam o Retificativo)

Apesar do chumbo da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o Novo Banco, o Governo garante que existem algumas soluções para que o contrato seja cumprido. Uma das hipóteses é a …

Giroud entra para a história da Champions ao marcar póquer ao Sevilha

Olivier Giroud tornou-se o jogador mais velho de sempre a marcar um póquer na Liga dos Campeões. É também o único atleta do Chelsea a fazê-lo. O Chelsea venceu o Sevilha, por 4-0, numa partida da …