Interesse na compra da TVI faz ações da Cofina subir mais de 5%

José Sena Goulão / Lusa

O Diretor de Informação da TVI, Sérgio Figueiredo

As ações da Cofina subiam esta segunda-feira mais de 5%, depois de na semana passada a dona do Correio da Manhã ter confirmado que estava a negociar com a Prisa a compra da Media Capital, dona da TVI.

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) levantou a suspensão da negociação das ações da Cofina e da Media Capital na passada sexta-feira (16 de agosto). No dia 14 de agosto, a negociação das ações da Cofina tinha sido suspensas pela CMVM, depois de o Expresso ter noticiado que a dona do Correio da Manhã estava em conversações com a Prisa para a compra da TVI.

Nesse mesmo dia, a Cofina confirmou que estava a negociar com a Prisa a compra da Media Capital, e um dia depois coube à empresa espanhola confirmar que estava em negociações em regime de exclusividade com a dona do Correio da Manhã sobre uma eventual venda da Media Capital.

Qualquer guia de fintech explica que a notícia da compra de uma empresa por outra faz  aumentar as ações de quem é vendido e, quase sempre, de quem compra. Foi este o caso da Cofina, que no início da sessão desta segunda-feira chegou a valorizar mais de 6%, seguindo cerca das 9h10 a ganhar 5,62% para 0,47 euros. As ações chegaram a estar a valorizar 14,61%, para 0,45 euros a meio da sessão.

Em 16 de agosto, a Cofina adiantou que estava a negociar com a Prisa a aquisição da Vertix, que detém 94,69% da Media Capital, admitindo lançar uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre a dona da TVI.

A notícia seguiu-se a meses de especulação no mercado acerca do potencial interesse do grupo de media na estação de televisão.

A Cofina é dona do Correio da Manhã, CMTV, Jornal de Negócios e Record, entre outros meios de comunicação social, tendo já mostrado interesse em estar presente no mercado de televisão aberta. Não há ainda valores concretos para esta proposta.

A saída de Rosa Cullell da administração do grupo Media Capital terá marcado o início das negociações, aponta o jornal, que relaciona o avanço da Cofina com a desvalorização da TVI no mercado.

A estação de televisão, em forte quebra de audiências, era líder do mercado português – e o maior ativo da Prisa no nosso país – quando a Altice tentou comprar o grupo Media Capital.

As negociações em regime de exclusividade estarão em vigor durante um período de 30 dias, o qual poderá ser prorrogado por vontade das partes.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Centeno deixa aviso à Zona Euro. Futuro da UE depende da resposta que der à pandemia

Mário Centeno escreveu aos ministros das Finanças da Zona Euro para os alertar que o futuro da União Europeia depende da forma como conseguir lidar com a crise económica devida à pandemia de Covid-19. Uma …

Governo quer desempregados e trabalhadores em lay-off a reforçar lares e hospitais

O Governo criou uma medida de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde com o objetivo de apoiar as entidades do setor social e solidário. De acordo com o ECO, o Governo …

Recibos verdes podem pedir apoio a partir desta quarta-feira. Será pago ainda este mês

O apoio por quebra de atividade destina-se a trabalhadores independentes que nos últimos 12 meses tenham tido obrigação contributiva em pelo menos 3 meses consecutivos. O formulário para os trabalhadores independentes pedirem apoio por redução de …

"Este mês é perigosíssimo!" Costa avisa que "não podem ir à terra" na Páscoa

"As pessoas não podem ir à terra!" O alerta é de António Costa que avisa que este mês de Abril "é perigosíssimo" por causa da Páscoa. O primeiro-ministro recomenda também aos emigrantes que não venham …

13% dos casos de covid-19 em Portugal são profissionais de saúde. Há 10 médicos nos cuidados intensivos

Um em cada oito infetados com o novo coronavírus em Portugal é profissional de saúde. O número de médicos, enfermeiros, auxiliares e outros trabalhadores de hospitais e centros de saúde que estão contagiados não pára …

Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar. De acordo com o Observador, …

Há mais de 8 mil infetados e 187 mortes por covid-19 em Portugal

Há mais 27 mortes em relação a terça-feira, aumentando o número total de óbitos para 87. O número de casos confirmados em Portugal já ascende as 8 mil pessoas. O boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da …

Há falhas no sistema que regista casos de covid-19. A "esmagadora maioria" não vai ser contabilizada

O sistema que regista os casos de covid-19 em Portugal é "um pesadelo burocrático", denunciam os infecciologistas. A "esmagadora maioria" dos casos vai acabar por não ser notificada, acrescentam. O problema tornou-se público quando a Direção-Geral …

Mais de 3600 empresas já pediram acesso ao lay-off simplificado

O Governo já recebeu 3600 pedidos de empresas para aderirem ao regime lay-off lançado na semana passada, disse, esta terça-feira, a ministra do Trabalho e da Segurança Social. Ana Mendes Godinho, que falava aos jornalistas no …

Em tempos de crise, os emprestados podem ser a solução do Benfica

Bruno Varela, Cristián Lema, Filip Krovinovic, Gedson Fernandes e Diogo Gonçalves são hipóteses que Bruno Lage tem a seu dispor para regressar dos empréstimos. A suspensão das competições desportivas deixa muitos clubes entre a espada e …