Independentistas são maioria no parlamento da Catalunha (e pela primeira vez somam mais de 50% dos votos)

Quique Garcia / EPA

O conjunto dos partidos independentistas da Catalunha reforçaram, nas eleições deste domingo, a maioria que já tinham nesta região espanhola, apesar de o Partido dos Socialistas da Catalunha (PSC-PSOE) ter sido o mais votado.

Os socialistas catalães (PSC) seguram a vitória em número de votos, mas com os mesmos 33 representantes no parlamento catalão do que a ERC.

Uma vitória para Salvador Illa, já que a maioria continua a ser dos independentistas: aos 33 deputados da ERC somam-se os 32 do Junts per Catalunya e os 9 da CUP, para um total de 74 assentos. A maioria absoluta na Catalunha obtém-se com 68 deputados.

O VOX (partido de extrema direita) entra pela primeira vez no parlamento catalão com 11 deputados, enquanto o Podemos catalão soma 8 e o Ciudadanos (C’s) tem uma queda monumental – de vencedor em 2017, com 36 deputados, passa a ter no máximo 6.

Como avança o Observador, as negociações no pós-eleições não serão fáceis, mas os independentistas têm via aberta para uma maioria confortável no Palau del Parlament. No entanto, a ERC e o JxCat terão de saber gerir os sempre imprevisíveis CUP,  que se caraterizam por ser uma formação anti-sistema, anti-Europa e UE, anti-capitalismo e mais virada para ações radicais de rua.

Já os socialistas ganham um impulso significativo, beneficiando de uma queda abissal do Ciutadans (partido de centro-direita moderado) e do PP catalão, que apenas elegeu 3 deputados. Ainda assim, a maior surpresa da noite é o Vox, partido pró-Espanha com origens na Andaluzia, que acaba por entrar de rompante no parlamento catalão, e logo com 11 assentos.

Ignacio Garriga, candidato do Vox, salientou que, finalmente, “todos os catalães estão agora representados no Parlament”.

Contudo, o presidente nacional do Vox, Santiago Abascal, preferiu a leitura mais ampla do resultado da formação na Catalunha. Referindo-se ao resultado como “uma gesta histórica”, Abascal disse que o Vox é a “primeira força nacional na Catalunha”.

Os constitucionalistas não conseguiram impedir um feito inédito dos independentistas, que conquistaram mais de 50% do voto popular, uma meta que nunca tinham alcançado e que os poderá levar a sonhar ainda mais com novos referendos pela autodeterminação.

Porém, os socialistas catalães, que se reergueram depois de alguns anos de menor fulgor, reagiram com entusiasmo: “Estamos conscientes de que temos a confiança de muita gente. Hoje a Catalunha abre uma nova etapa e não podemos desaproveitar a oportunidade. A mudança chegou para ficar”, disse Eva Granados, numa referência à vitória do PSC em voto popular.

O Partido Socialista da Catalunha voltou a ganhar a demarcação de Barcelona, a mais importante da região autónoma, algo que não acontecia há 18 anos.

Na Catalunha, o candidato do partido vencedor tem de se apresentar a votação no parlamento regional, podendo ser eleito à primeira por maioria absoluta ou nas seguintes por maioria simples.

A partir de Madrid, o presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez (PSOE), exultou com os resultados dos socialistas na Catalunha.

“O socialismo ganhou as eleições. Uma fantástica notícia para tornar possível a mudança”, escreveu o chefe de Governo no Twitter.

Pedro Sánchez agradeceu ao candidato socialista, o ex-ministro da Saúde, Salvador Illa, pelo seu trabalho, que, na sua opinião, devolveu a esperança de alcançar um futuro melhor para a Catalunha e para Espanha.

A solução governativa na Catalunha está assim nas mãos da ERC que pode decidir associar-se aos restantes partidos independentistas, como até agora, ou voltar-se para o PSC, o que será menos plausível.

Ana Isabel Moura Ana Isabel Moura, ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Condenados a agir e pensar espanhol, tal como o comunismo terão todos que seguir a mesma ordem, não há lugar a vida própria! Será o destino dos catalães e outros mais!

RESPONDER

Audição a Nuno Vasconcellos por confirmar. Advogado avisou que a rede não é boa

A audição de Nuno Vasconcellos na comissão de inquérito ao Novo Banco, agendada para a próxima quinta-feira, ainda está por confirmar. No site do Parlamento, o agendamento previsto para a audição de Nuno Vasconcellos, antigo presidente …

Portugal com maior queda do PIB na União Europeia no primeiro trimestre

A economia da zona euro recuou 1,8% e a da União Europeia 1,7% no primeiro trimestre do ano, face ao período homólogo, com Portugal a apresentar a maior quebra, de 5,4%. De acordo com uma estimativa …

Corrida dos portugueses ao novo estatuto de imigrante entope consulados do Reino Unido

Mais de 380 mil portugueses já se candidataram ao novo estatuto de imigrante no Reino Unido, mas os postos consulares não estão a conseguir dar resposta a esta corrida. Segundo o jornal Público, os atrasos dos …

Autoridade Tributária demora, em média, 20,7 dias a pagar reembolso de IRS

Até ao momento, foram reembolsados 1.180.738 contribuintes, num valor total de 1.125 milhões de euros, de acordo com dados do Ministério das Finanças. O ECO avança que a Autoridade Tributária e Aduaneira já devolveu 1.125 milhões …

Médicos de família admitem que recuperados podem passar a grupo de risco

A área das sequelas da infeção pelo vírus SARS-CoV-2 "é uma zona muito cinzenta", sobre a qual Portugal “não tem ainda orientações totalmente definidas”. Nuno Jacinto, presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF), …

Muito mais do que só um divórcio milionário. "Perseguições a mulheres" e má fama ameaçam legado de Bill Gates

O mediático e multimilionário divórcio de Bill Gates é muito mais do que apenas a separação de um casal ao cabo de 27 anos de vida em comum. A ruptura com Melinda está a colocar …

Marcelo na Guiné Bissau

Banho de multidão e "pedras" do PAIGC e de Ana Gomes. Marcelo em visita histórica à Guiné Bissau

Marcelo Rebelo de Sousa está na Guiné-Bissau na primeira visita de um chefe de Estado português ao país em mais de 30 anos. A população recebeu Marcelo em delírio, mas a visita está a causar …

Reservas nos voos da TAP entre Portugal e Reino Unido "mais do que duplicam"

As reservas de passageiros nos voos da TAP entre Portugal e Reino Unido "mais do que duplicaram" desde que Portugal entrou na lista verde de destinos de Inglaterra, adiantou a transportadora em comunicado. "De 7 a …

Diego Costa outra vez na rota do Benfica

O avançado brasileiro, naturalizado espanhol, estará outra vez na rota dos encarnados, segundo avança a imprensa brasileira. Segundo o portal brasileiro Yahoo Esportes, o Atlético Mineiro terá abordado Diego Costa, que está livre para assinar por …

"A perceção da opinião pública é que a decisão da Operação Marquês colocou em causa o prestígio do sistema judicial"

A ex-procuradora-geral da República (PGR) deu uma entrevista, publicada esta segunda-feira, na qual abordou temas como a Operação Marquês e as novas propostas anti-corrupção. Na entrevista ao jornal online Observador, Joana Marques Vidal considerou que a …