/

Nesta Páscoa, igreja na Polónia aceita confissões dos católicos por drive-in

Para que os católicos possam cumprir a exigência de confessar antes da Páscoa, um padre polaco tem ouvido as suas confissões no estacionamento de uma igreja de Varsóvia. As igrejas do país estão fechadas devido à pandemia de Covid-19.

“Não faz diferença, pois a confissão não depende da localização. É um sacramento”, disse à AFP Marcin, de 44 anos, depois de revelar os seus pecados. “Em vários momentos da minha vida, confessei em diferentes lugares, seja em pé, enquanto caminhava ou de joelhos num confessionário”, acrescentou.

Segundo noticiou o Raw Story, no parque de estacionamento da igreja, uma longa fila de carros esperava ao sol, com os motoristas a aguardar a sua vez para falar com o padre. Outros chegavam a pé e sentavam-se nas cadeiras corretadas posicionadas para que evitassem o contato visual com o padre e respeitassem as regras de distanciamento social.

Alguns também usavam máscaras para impedir a propagação do vírus.

“É estranho. Sinto-me estranha”, disse Karolina, de 40 anos. “Mas, por razões de segurança e para manter a paz de espírito, acho que é bom”, disse, também à AFP.

Padres de outras cidades da Polónia também começaram a confessar drive-through, seguindo um exemplo dado por clérigos nos Estados Unidos (EUA).

Desde o início da pandemia, as autoridades religiosas polonesas lembraram aos católicos que a confissão por telefone ou pela Internet não é válida. O local para confessar, contudo, não precisa ser um confessionário de uma igreja.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.