Identificados os dois espanhóis que fugiram após atropelamento de graffiters na Maia

A PSP do Porto identificou dois espanhóis que, na noite de segunda-feira, fugiram do apeadeiro de Águas Santas, na Maia, após três jovens terem sido colhidos mortalmente por um comboio.

O acidente provocou “três vítimas, um português e dois espanhóis”, e outros “dois elementos ausentaram-se do local e já foram identificados” pela polícia, comunicou uma fonte do Comando da PSP do Porto à agência Lusa.

As vítimas são dois espanhóis, de 18 e 20 anos, e um português, residente na Senhora da Hora, em Matosinhos, que faria 19 anos na próxima quarta-feira.

A polícia encontrou ainda um Seat Ibiza preto de matrícula espanhola nas proximidades do local do acidente. “A PSP está agora a fazer diligências no sentido de apurar os factos”, concluiu a mesma fonte. A investigação decorre em coordenação com as autoridades de Espanha.

O acidente ocorreu na segunda-feira, cerca das 20h20, quando um grupo de jovens tentava pintar as carruagens de um comboio que se encontrava parado no apeadeiro de Águas Santas-Palmilheira e foi atingido por um comboio que vinha em sentido contrário, cruzando a uma velocidade de quase 120 km/h, na linha que faz a ligação Campanhã (Porto) – Ermesinde (Valongo).

Backjump

De acordo com o apurado pelo Jornal de Notícias, o acidente terá acontecido enquanto os jovens faziam “backjump”, um desafio que consiste em ações-relâmpago de pintura em carruagens enquanto estas estão momentaneamente paradas nas estações para recolher e deixar sair os passageiros.

No local foram encontradas várias latas de tinta utilizadas para o efeito, sugerindo que os jovens estariam a grafitar o comboio que fazia a ligação entre a estação de Campanhã e a da Régua, no apeadeiro de Águas Santas-Palmilheira.

Trata-se de um fenómeno internacional que já existe há alguns anos em que os graffiters filmam as ações para serem partilhadas na Internet.

De acordo com MrDheo, um dos graffiters portugueses mais conhecidos, é frequente os jovens viajarem para outros lugares para “colecionarem modelos de comboios diversificados”. Terá sido esse o caso dos espanhóis que acompanhavam a vítima portuguesa.

O JN refere que a CP gasta 300 mil euros por ano em limpezas após estes actos de vandalismo, recorrentes nas estações portuguesas.

O presidente da Câmara da Maia, Bragança Fernandes, considera que estas ações só terão solução “quando a CP colocar redes ou grades no local, impedindo a passagem”, mas reconhece que a solução passa pela existência de “espaços próprios para os jovens grafitarem”.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Pintar comboios, edifícios alheios, paredes etc. com graffiti é um crime grave ao património que deve ser severamente punido. São comportamentos marginais e criminosos que destroem as nossas paisagens urbanas e que têm de ser encarados como tal. Pessoalmente preferia que esses 3 jovens estivessem agora na prisão em vez de estarem mortos. Mas pagaram pelo comportamento marginal que tiveram, embora talvez um preço demasiado alto, é certo. Que isso sirva para reflexão a outros jovens com comportamentos idênticos.

      • Não estes até parece serem sócios do Sócrates e o “nosso” carro em questão teria sido emprestado pelo Marocas que por acaso até lá estaria e lhes gritou, ponham-se em fuga!

  2. É da responsabilidade das autoridades investigar o que realmente aconteceu, porque o que tem vindo a público não se aproxima daquilo que provavelmente aconteceu, a não ser a certeza de que morreram 3 jovens que efectuavam graffitis numa carruagem.

  3. Houve pelo menos uma vantagem, as carruagens não ficaram danificadas e são menos três a praticar vandalismo no país que nos custa muito caro!

O maior avião do mundo vai ser uma plataforma de lançamento para veículos hipersónicos

A empresa que criou o maior avião do mundo, que apenas voou uma vez, encontrou uma nova funcionalidade para a aeronave: será usado como plataforma de lançamento para veículos hipersónicos, o que poderá revolucionar a …

Sondas da missão a Mercúrio vão passar pela Terra (e vão ser visíveis a olho nu)

A missão conjunta europeia e japonesa BepiColombo está a caminho de Mercúrio. Porém, para chegar lá, terá de passar novamente pela Terra. Este evento acontecerá em 10 de abril e as pessoas nas latitudes do sul …

Xiaomi lança máscara elétrica que carrega via USB

A pandemia de Covid-19 tem impulsionado o surgimento de alguns recursos melhorados para fazer face ao combate do novo coronavírus. É o caso da nova máscara de esterilização elétrica da Xiaomi, que carrega via USB. A …

Em paradeiro incerto, ministra da Guiné-Bissau diz correr perigo de vida

Ruth Monteiro, ministra da Justiça e dos Negócios Estrangeiros no Governo da Guiné-Bissau deposto no golpe do dia 27 de fevereiro, está em parte incerta e diz correr perigo de vida. De acordo com o semanário …

Ovelhas e bactérias estão a ajudar a combater o coronavírus

Anticorpos que podem ajudar a combater o SARS-CoV-2, o vírus que causa a covid-19, estão a ser testados em ovelhas. Estes podem ser usados para desenvolver testes de diagnóstico. O SARS-CoV-2, o vírus que causa a …

Marcelo sai uma vez por semana, usa máscara e luvas nas compras (e passa a Páscoa em Belém)

O Presidente da República afirmou este sábado que, para se proteger do surto de covid-19, só sai em trabalho uma vez semana, usa máscara nas compras e vai passar a Páscoa confinado no Palácio de …

A procura por sumo de laranja está a disparar (e a culpa é do coronavírus)

A procura por sumo de laranja tem disparado nos últimos tempos, muito devido à pandemia de covid-19. As pessoas querem reforçar o seu sistema imunitário. Já quase ninguém está indiferente à ameaça da pandemia de covid-19, …

Nove pessoas com covid-19 curadas após receberem plasma de doentes recuperados

Pelo menos nove pessoas internadas nos cuidados intensivos em Itália com covid-19 já foram curadas, depois de receberem plasma de pacientes recuperados. De acordo com o jornal italiano Corriere della Sera, os doentes receberam o plasma …

Grace tem seis anos e pode ser a autora mais nova de sempre de um artigo científico

Uma menina de seis anos, que vive na Austrália, pode ser a autora mais nova de sempre a ter um artigo científico publicado numa revista da especialidade. Grace Fulton tem uma enorme paixão por animais e, …

Geco encheu Lisboa com autocolantes (e a polícia de Roma está a pedir ajuda para o encontrar)

A polícia de Roma está a pedir ajuda à Associação Vizinhos de Lisboa para encontrar o graffiter Geco, cujas pinturas e autocolantes se podem ver por toda a capital portuguesa, e que está em investigação …