Hamas garante que guerra com Israel não terá fim até à libertação dos prisioneiros

Amir Farshad Ebrahimi / Flickr

Tanque israelita em operações na fronteira de Israel junto à Faixa de Gaza

Tanque israelita em operações na fronteira de Israel junto à Faixa de Gaza

O movimento de resistência islâmica Hamas assegurou que o último conflito bélico com Israel em Gaza, que começou há um ano, não terminará até que se resolva a questão dos presos palestinianos.

Conflito Israelo-Árabe

“O inimigo e os amigos devem saber que a guerra do ano passado na Faixa de Gaza não acabou e continua em aberto até que se resolva a questão dos prisioneiros”, sublinhou Abu Obeida, porta-voz do braço armado as Brigadas de Ezedín Al Kasem, em comunicado esta quinta-feira.

Abu Obeida, que fez assim referência a um possível acordo para trocar prisioneiros com Israel, exigiu o fim do bloqueio à Faixa de Gaza e advertiu que, caso este persista, o “povo e a resistência armada combaterão cara-a-cara, mas desta vez a batalha não será fácil”.

Israel assegurou que, nos últimos meses, o grupo islâmico testou vários projéteis, que disparou desde a costa de Gaza até ao mar.

A 8 de julho de 2014, Israel iniciou uma operação militar denominada “Margem Protetora“, por terra, mar e ar, para impedir o disparo de projéteis por palestinianos a partir de Gaza e os ataques através de túneis, contra o seu território.

O conflito provocou uma enorme destruição na Faixa de Gaza, onde morreram 2.251 palestinianos, dos quais 1.462 civis e 551 crianças, e 73 israelitas, 67 deles soldados, segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU).

Após o fim do conflito, com um acordo de cessar-fogo mediado pelo Egipto, após 50 dias, o movimento Hamas anunciou que tinha capturado dois soldados israelitas, que Israel considerou mortos em combate, com os quais pretendia alcançar um acordo para trocar prisioneiros.

Na quarta-feira, os media locais, que citaram fontes israelitas e do Hamas, disseram que milicianos do movimento, têm em cativeiro em Gaza israelitas vivos e mortos, sem precisar o seu número ou identidade.

A Coordenação de Atividades do Governo nos Territórios [palestinianos], organismo dependente do Ministério da Defesa israelita, revelou hoje, em comunicado, que um civil israelita identificado como Avraham Mangisto está em poder do Hamas e que há um outro caso semelhante de um cidadão árabe-israelita.

O Hamas retém também, desde o verão passado, os restos mortais de dois soldados israelitas, Orón Shaul e Hadar Goldin, mortos durante a operação militar iniciada por Israel na Faixa de Gaza.

Jaled Meshal, dirigente do órgão político do Hamas, afirmou na quarta-feira que Israel contactou o movimento, através de canais europeus, para solicitar a entrega dos restos mortais dos soldados, a fim de que sejam sepultados em solo israelita.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …