Governo vai integrar trabalhadores precários na Função Pública

Giampaolo Squarcina / Flickr

-

O governo, o Bloco de Esquerda e o PCP estão a preparar a entrada nos quadros da Função Pública de trabalhadores precários do Estado, nomeadamente dos chamados “falsos recibos verdes”.

Não são ainda certos os moldes em que isto se vai processar, mas o governo e os seus aliados no Parlamento já terão alcançado um “acordo de princípio” para a integração da medida no Orçamento de Estado para 2017 (OE2017), avança o jornal Expresso.

As “negociações com os socialistas prosseguem para se definir quanto vai custar e quantas pessoas serão já abrangidas”, adianta o semanário, notando que a integração destes trabalhadores precários na Administração Pública será feita gradualmente.

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos, refere ao Expresso que “o acordo de princípio entre todos os parceiros está previsto desde o Orçamento de 2016, onde foi inscrita uma norma que prevê a regularização do trabalho precário na Administração Pública“.

“Estamos a dar seguimento a esse compromisso”, constata Pedro Nuno Santos.

O secretário de Estado também refere que a divulgação do relatório sobre o trabalho precário na Função Pública, que ficou definido fazer no Orçamento de Estado para 2016, está “por dias”.

Esse documento poderá confirmar ou não os números especulativos que apontam para a existência de 110 mil trabalhadores precários no Estado.

Só depois da revelação desse dado e das conclusões do estudo é que o governo decidirá com BE e PCP os moldes da entrada dos precários na Função Pública.

Mas o deputado José Soeiro, do Bloco de Esquerda, esclarece já no Expresso que a ideia é integrar na Administração Pública os trabalhadores que estejam a preencher necessidades permanentes através de recibos verdes, bolsas de investigação ou estágios profissionais.

Não se trata de contratar mais funcionários públicos, mas sim de integrar trabalhadores que estão a preencher necessidades permanentes, através de instrumentos de contratação que não correspondem ao seu vínculo de serviço”, constata José Soeiro no Expresso.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Boris Johnson volta aos Comuns para aprovar Brexit em tempo recorde e sair dia 31 de outubro

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, vai tentar esta terça-feira aprovar a legislação necessária para poder garantir que o Reino Unido sai da União Europeia no dia 31 de outubro quer haja ou não consenso na …

Líbano. Governo corta metade dos salários de políticos em resposta aos protestos

Ao quinto dia de manifestações, o governo libanês respondeu com a aprovação de um pacote de emergência de reformas económicas que deixa cair a introdução de novos impostos e passa pela redução do défice. O primeiro-ministro …

Caso Griezmann. Barcelona paga 15 milhões pelo silêncio do Atlético (e fica com benefício futuro)

Escreve o jornal espanhol El Mundo que Barcelona e Atlético de Madrid já chegaram a acordo no "caso Griezmann". O clube catalão pagou 15 milhões de euros pelo silêncio dos colchoneros, ficando ainda com benefício …

Professor detido depois de ser acusado de agredir aluno “com enorme violência”

Um aluno do 8.º ano da Escola Secundária Rainha Dona Leonor, em Alvalade, em Lisboa, terá sido esta segunda-feira agredido por um professor durante uma aula. Segundo o relato da Associação de Encarregados de Educação dos …

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …

"Risco de desvio significativo" nas contas do Governo. Bruxelas com reservas sobre esboço do OE2020

A Comissão Europeia (CE) pediu esta terça-feira ao Governo português que apresente uma versão atualizada do projeto orçamental para 2020 “tão cedo quanto possível”, observando que o ‘esboço’ recebido aponta para o risco de um …

Goldman Sachs. Funcionário acusado de divulgar informação em troca de dinheiro

Bryan Cohen, vice-presidente de um dos departamentos do Goldman Sachs, foi acusado de tirar proveito de um esquema que gerou alegadamente cerca de 2,3 milhões de euros em lucros ilegais. Nos últimos 18 meses, dois funcionários …

Encontrada carruagem romana milenar com restos fósseis dos cavalos

Uma equipa de arqueólogos do Museu da Cidade de Vinkovci e do Instituto da Arqueologia de Zagreb, na Croácia, encontrou uma carruagem romanda de duas rodas com os corpos fossilizados de dois cavalos. Os especialistas consideram …