Ministros de Sócrates podem ser constituídos arguidos por corrupção e gestão danosa

Fernando Veludo / Lusa

A mega-investigação do Ministério Público a 11 Parcerias Público-Privadas, relativas à construção e concessão da exploração de auto-estradas, vai levar à constituição de vários arguidos por crimes de gestão danosa e corrupção, avança a revista Sábado, notando que vários membros do Governo de José Sócrates integram os suspeitos do caso.

Os antigos ministros das Obras Públicas, Mário Lino e António Mendonça, e o ex-secretário de Estado das Obras Públicas, Paulo Campos, estão entre os elementos do Governo de Sócrates que foram investigados no âmbito do caso das Parcerias Público-Privadas (PPP) rodoviárias, aponta a Sábado.

Esta investigação, que arrancou em 2011, está na recta final e deverá levar à constituição de vários arguidos em breve, conforme aponta a revista.

A Polícia Judiciária e o Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) terão encontrado “indícios de associação criminosa, gestão danosa, fraude fiscal, corrupção activa, tráfico de influências e branqueamento de capitais”, refere a publicação.

Para já, não há conhecimento de quaisquer arguidos no caso, mas o DCIAP terá chamado, para prestar declarações, várias testemunhas, “incluindo quadros actuais e antigos da Infraestruturas de Portugal (que sucedeu à Estradas de Portugal)”, nota o Observador.

O caso, que avalia decisões tomadas durante os Governos de José Sócrates no campo das PPP rodoviárias, arrancou após a divulgação de várias notícias sobre estes contratos, dando sinais de que teriam sido especialmente prejudiciais para o Estado.

Os ex-governantes Mário Lino, António Mendonça e Paulo Campos foram alvo de buscas e estiveram sob escuta telefónica, nota a Sábado.

O ex-ministro das Finanças, Fernando Teixeira dos Santos, o ex-secretário de Estado do Tesouro e das Finanças, Carlos Costa Pina, e o ex-presidente da empresa Estradas de Portugal, Almerindo Marques, também foram alvo de buscas domiciliárias.

As suspeitas em torno dos contratos das PPP da era Sócrates envolvem a construção e exploração de 11 auto-estradas.

Por um lado, está em causa a renegociação de sete contratos das auto-estradas SCUT (Sem Custos para o Utilizador) que foram lançadas pelo Governo de Guterres, e que terá aumentado em 700 milhões de euros o valor a pagar pelo Estado – no total, a factura foi de 4,3 mil milhões de euros.

Por outro lado, os investigadores estão a analisar a adjudicação de cinco (Douro Litoral, Trás-os-Montes, Baixo Alentejo, Litoral Oeste e Algarve Litoral) das sete sub-concessões rodoviárias que foram lançadas pela Estradas de Portugal, durante o primeiro Governo de Sócrates.

O Observador nota que, entre os vários dados apurados, os investigadores recolheram “indícios claros” de que “as previsões de tráfego terão sido alegadamente empoladas, o que aumentou o valor a pagar pelo Estado às concessionárias privadas”.

ZAP //

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

  1. Espero que seja desta que estes escroques sejam julgados e indemnizem c/ Juros os Portugueses de todos os males por eles provocados. A esperança é a ultima a morrer…

    • Um governo que desgraçou o país e os portugueses. A quem veio a seguir calhou-lhe a fava. Costa fez parte desse governo, mas agora, para se limpar, repudia o seu ex-chefe. Como a política é desgraçadamente porca, e o povo deixa-se ludibriar, sobretudo o menos atento ou menos culto. Estamos bem aviados com esta corja.

  2. Não vi as marcas do anel que o seu dedo me mostrava
    Só vi o seu olhar de mel, sem segredos, como água
    O que diziam não ouvi, pois pensava ser maldade
    Acreditei só quando vi, com os meus olhos
    A verdade

    Afinal havia outra
    E eu sem nada saber,sorria
    E por ele andava louca
    P’ra ser sua mulher, um dia
    Afinal havia outra
    Uma família, um lar, uma casa
    E eu era no fim de contas
    O amor das horas vagas

    Não quis saber da sua idade, p’ra quem ama pouco importa
    Ainda é sua pouca vontade que eu passasse à sua porta
    Nem os encontros mais furtivos me puseram mais alerta
    Só quando vi a olhos vistos, percebi
    Não estava certa

  3. Vasculhem! Vasculhem! Vasculhem! Agora demitiu-se mais outro por a sua licenciatura (ao domingo?) ser falsa. Quantas mais licenciaturas haverá neste país e fora dele, tiradas ao domingo nesses aviários a que chamaram universidades? A abrilada de 74 tudo tem permitido neste pequeno retângulo à beira mar plantado. Tudo têm destruído e roubado. Até o banco público que sempre deu lucro!! Quadrilha de FDP!

  4. Nesse caso todos os governos e governantes devem ser investigados e responsabilizados política e judicialmente pelas opções que fizeram.

    • Deixa-te de chantagem barata. Se houver indícios, que se investiguem sim senhor. Mas vires dizer “ah, têm de os investigar a todos” é não perceber o mais fundamental da presunção de inocência. Foram investigados porque haviam fortes indícios. Se os souberes sobre os outros denuncia, se não pelo menos diz qualquer coisa construtiva.

  5. Então vamos investigar tudo e todos os anos desde a vinda dos Fundos Comunitários E vamos ver quais os governos que estiveram envolvidos nesses processos. Atribuição de Fundos para dinamizar as Empresas e em vez de serem aplicados nas mesmas serviam para a compra de carros de luxo e brutas vivendas.
    BPN-Submarinos-Ponte Vasco da Gama. etc etc etc-
    Comecemos nos governos de Cavaco.
    Lembram-se quem queria um TGV assinado com os espanhóis e depois foi para Presidente da CEuropeia.
    Vamos a fundo, para ver quem se salva

    • Esqueceu-se do torres couto e do oliveira e costa. Este que tem uma agência de sondagens para iludir papalvos quando é preciso ir votar.

  6. A Manela Moura Guedes é que tinha razão, mas ninguém a ouviu! 10 anos depois dão-lhe razão! Mas ninguém com responsabilidade a vai ouvir?!!
    O Pinto Monteiro? O Noronha?, etc, etc, Nunca serão investigados????????!!!!!

  7. Seria muito importante que esta PARTIDOCRACIA CLEPTOCRÁTICA se transformasse numa verdadeira DEMOCRACIA! O primeiro passo seria a ELEIÇÃO DE DEPUTADOS em CÍRCULOS UNINOMINAIS, que representassem mesmo os cidadãos eleitores, em vez do actual «método de Hondt» em que são proclamados as “sanguessugas” do povo, escolhidos pelos directórios partidários, simulando uma «eleição». Justamente também se pode designar o regímen por HIRUDOCRACIA PARTIDOCRÁTICA!

  8. Esta gente conhece-se toda. Todos sabem ou desconfiam. Depois das guerras na AR vão para os copos. São sempre os mesmos. O povo é que devia governar. Mandatos de 1 ano na AR e demais órgãos políticos sem possibilidade de recandidatura devia ser.

  9. Vamos embora, se realmente há provas de que roubaram Portugal e os Portugueses, espero que vão todos para à prisao. Mas para isto nao parecer uma perseguição ao partido socialista, espero que o MP vá atrás de todos os que estiveram envolvidos nos grandes assaltos e roubos efectuados nos bancos que nos custaram milhares de milhoes de euros, convém também nao esquecer os submarinos, na alemanha e na grecia foram pessoas presas e em Portugal arquiva-se???? Investiguem tudo, mas mesmo tudo, e se os autores de danos e roubos para Portugal forem culpados é espeta-los na cadeia por muitos e bons anos, seja de esquerda ou de direita.

  10. Quaisquer semelhanças e andanças com os governos do Chavez/Maduro da Venezuela e Lula/Dilma do Brasil, não é ficção científica!!!….

RESPONDER

Novo lay-off conta apenas com 1% das adesões do simplificado

O sucedâneo do lay-off simplificado conta apenas com 1.268 adesões nas primeiras duas semanas. Este valor é apenas 1% do número de empresas que acederam ao primeiro apoio. Nas primeiras duas semanas desde a sua implementação, …

Trump promove falsa teoria de que Kamala Harris não nasceu nos EUA (e que não será elegível para vice)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que ouviu que Kamala Harris, candidata democrata à vice-presidência da Casa Branca, não era elegível para o cargo, com base num boato que sugeria que pode não …

"Avante!". Pede-se máscara obrigatória, mas PCP só dá ouvidos à DGS

Vários peritos pedem o uso obrigatório de máscara na Festa do Avante!, mas o PCP só atende às recomendações feitas pela Direção-Geral da Saúde. Depois de muita contestação, a Festa do Avante! vai mesmo realizar-se, entre …

Coreia do Sul com maior número de casos desde março. Seul reforça medidas restritivas

A Coreia do Sul endureceu este sábado as medidas restritivas para conter a pandemia de covid-19 em Seul e arredores após registar o número mais elevado de novos casos diários em cinco meses. As regras, que …

Cavani tem viagem marcada para fechar acordo com o Benfica

Vários órgãos de informação avançam que Edinson Cavani tem viagem marcada para a Europa, onde deverá assinar com o SL Benfica dentro dos próximos dias. Depois de várias semanas de negociações, Edinson Cavani está praticamente garantido …

Novo Banco. Gama Life garante não ter relação com Greg Lindberg (mas GNB mudou-se para a sua morada)

O fundo da Apax Partners que assumiu o controlo da GNB Vida depois da compra ao Novo Banco “mudou-se” para a mesma morada de empresas do multimilionário Greg Lindberg em Londres, apesar da seguradora garantir …

Ministra admite que não leu relatório sobre Reguengos (e desvaloriza surtos em lares)

A ministra da Segurança Social admitiu, em entrevista ao semanário Expresso, que não leu o relatório sobre Reguengos de Monsaraz, mas considerou que a dimensão dos surtos de covid-19 em lares “não é demasiado grande …

Calvário no Barcelona. Setién de saída, Messi faz ultimato e Piqué fala em "vergonha"

O Barcelona foi esmagado (8-2) pelo Bayern Munique, nos quartos de final da Liga dos Campeões. Setién está de saída, Messi fez um ultimato e Piqué falou em "vergonha". Foi a noite mais negra de sempre …

Antonoaldo Neves quer receber mais para sair da TAP (mas Governo não paga "nem mais um cêntimo")

Quando foi anunciado o acordo de saída de David Neeleman da TAP, o Governo anunciou também que Antonoaldo Neves, CEO da companhia, seria substituído. No entanto, ainda não se chegou um acordo para a saída. …

Explosão em Beirute terá sido causada por trabalhos de manutenção

A explosão no porto de Beirute, no Líbano, que matou 171 pessoas, feriu mais de 6 mil e deixou um rasto de destruição na cidade, poderá ter sido causada por trabalhos de manutenção num armazém. …