Governo prepara apoio extraordinário para o desporto devido à covid-19

O Governo está a preparar um fundo de apoio extraordinário para ajudar o desporto a ultrapassar a crise provocada pela pandemia de Covid-19, revelou o secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

Numa conferência ‘online’, organizada pela Câmara de Matosinhos, João Paulo Rebelo reconheceu o impacto financeiro da pandemia no desporto, especialmente “nos clubes de base local”, e disse que espera poder avançar brevemente os valores envolvidos, noticiou esta sexta-feira a agência Lusa.

“Espero estar em condições de, dentro de pouco tempo, podermos anunciar apoios financeiros específicos para o setor, especificamente a pensar nos clubes de base local”, assumiu o secretário de Estado.

O dirigente político, de resto, assegurou que o seu departamento do ministério da Educação tem estado “a trabalhar nisso ao longo dos últimos meses” e frisou a importância de os fundos comunitários do próximo quadro plurianual de apoios voltarem a contemplar o desporto, “coisa que não acontecia”.

“O desporto, nos últimos anos, não contou com um cêntimo destes fundos comunitários e isso foi uma perda muito pesada para este setor. O facto de o programa Portugal 2030 considerar novamente o desporto, vai ser decisivo”, assegurou João Paulo Rebelo.

O “músculo financeiro diferente” que o acesso aos fundos comunitários vai proporcionar ao desporto português permitirá, além de apoiar “especificamente os clubes de base local”, responder às “necessidades estruturais de infraestruturas do país”.

FPF

A secretaria de Estado que dirige vai apresentar, esta sexta-feira, o Programa de Requalificação de Infraestruturas Desportivas deste ano (PRID 2021), mas João Paulo Rebelo sublinhou que esse trata-se de um apoio distinto, criado em 2017, que já apoiou mais de 400 clubes desportivos de base local “no que diz respeito às suas infraestruturas”.

As medidas anunciadas foram bem recebidas pelos restantes elementos do painel, nomeadamente José Couceiro (vice-presidente da Federação de futebol), Miguel Laranjeiro (presidente da Federação de andebol), Manuel Fernandes (presidente da Federação de basquetebol) e Vicente Araújo (presidente da Federação de voleibol).

Os dirigentes federativos, sem exceção, apontaram a falta de condições das infraestruturas desportivas do país como um dos grandes obstáculos ao fomento da prática desportiva e uma lacuna evidente de Portugal face aos restantes membros da União Europeia.

“Diria que esta é uma questão estrutural do nosso edifício desportivo. Em relação aos nossos parceiros europeus, temos infraestruturas em níveis muito deficientes e isso influencia negativamente a nossa prática desportiva”, sintetizou José Couceiro.

Devido à pandemia de Covid-19, várias competições desportivas foram adiadas ou canceladas e as competições dos escalões de formação de todas as modalidades estão suspensas desde março de 2020, abrindo uma crise sem precedentes no setor que tem vindo a reclamar maiores apoios do Estado nos planos de apoio à retoma da economia.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.075.698 mortos resultantes de mais de 96,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência AFP. Em Portugal, morreram 9.686 pessoas dos 595.149 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Carla Tavares reeleita na Amadora. Suzana Garcia assume responsabilidade da derrota

 A socialista Carla Tavares foi reeleita, este domingo, com maioria absoluta, como presidente da Câmara Municipal da Amadora, no distrito de Lisboa. Os resultados da noite eleitoral deram o triunfo à candidatura liderada pela socialista Carla …

Corrida aos combustíveis. A antecipar um "inverno difícil", Reino Unido vai dar vistos temporários a camionistas

A falta de camionistas tem levado a filas nas bombas de combustíveis e entre 50% e 90% já estão vazias em algumas zonas do país. O governo vai dar vistos temporários a camionistas e está …

Vencedores e vencidos, numa noite eleitoral de perder o fôlego

A noite eleitoral foi longa e de perder o fôlego até ao último minuto. Entre alguns imprevistos, surpresas e validações, Lisboa foi o palco dos maiores holofotes: Carlos Moedas foi o grande e surpreendente vencedor …

Isaltino Morais reeleito em Oeiras. CDU perdeu vereador

O candidato independente Isaltino Morais foi reeleito presidente da Câmara de Oeiras nas eleições autárquicas deste domingo, tendo dedicado a vitória à juventude. “Não importa a percentagem. O que importa é que crescemos muito, aumentámos a …

Ganhar os jogos todos: quem consegue fazer o que o Benfica faz?

Ainda ninguém conseguiu travar o líder do campeonato português. Mas há outras equipas europeias a conseguir o mesmo. O Benfica está a construir um percurso inicial no campeonato português que não se via há quase 40 …

Tribunal admite que testemunha de Jeová menor recuse transfusão que lhe pode salvar a vida

Jovem de 16 anos que tem leucemia aguda recusou transfusões de sangue durante internamento no IPO. Caso consiga provar em tribunal capacidade de discernimento e maturidade justiça terá de desistir de lhe impor tratamento. O Instituto …

Koeman não teve dinheiro para reforços, mas Barcelona investiu milhões na equipa B

Embora Ronald Koeman não tenha recebido dinheiro para gastar em transferências, o Barcelona investiu 4 milhões de euros na equipa B. O Barcelona teve de apertar o cinto durante o mercado de transferências de verão. Os …

"O futuro é liberal", mas o presente nem tanto. O balanço da estreia da IL nas autárquicas

A Iniciativa Liberal conseguiu apenas um vereador no Porto. Apesar da presença entre assembleias municipais e juntas de freguesia, falhou a conquista de autarquias. Numa estreia absoluta em eleições autárquicas, a Iniciativa Liberal ficou aquém das …

"De janelas abertas" e "de forma transparente". É assim que José Manuel Silva promete governar Coimbra

José Manuel Silva, da coligação "Juntos Somos Coimbra", venceu as eleições, destronando o atual presidente da câmara, o socialista Manuel Machado. O antigo bastonário da Ordem dos Médicos foi apoiado por várias forças partidárias: PSD, CDS, …

"Assim não ganham o campeonato". Gary Neville identifica problema no United

O antigo internacional inglês e agora comentador desportivo, Gary Neville, identificou um problema no Manchester United que, a continuar, vai fazer com que o clube não consiga ganhar o campeonato. Os red devils perderam o seu …