Governo admite empréstimo adicional ao Novo Banco em 2018

O secretário de Estado adjunto e das Finanças sabe que o Novo Banco deverá ter prejuízos em 2017 e que, caso venha a ser necessária a intervenção do Estado, “não deverá haver nenhum impacto adicional” na dívida pública.

O Novo Banco ainda não apresentou as contas finais de 2017 mas, em entrevista à TSF e Dinheiro Vivo, o secretário de Estado adjunto e das Finanças, Ricardo Mourinho Félix, admite que o Estado possa ser chamado, já este ano, para ajudar a instituição.

“Tudo indica que terá prejuízos”, afirma o número dois da equipa de Mário Centeno. “Se o Fundo de Resolução não tiver os meios financeiros, recorrendo a todos os meios que tem disponíveis, então poderá, ao abrigo do acordo-quadro, pedir um financiamento ao tesouro”, disse ainda o governante na entrevista.

Esta semana, o Jornal de Negócios já tinha avançado que os prejuízos na instituição bancária devem ascender entre 1,6 e 1,8 mil milhões de euros no exercício transacto.

As contas do banco só deverão estar fechadas em março mas, a confirmarem-se os números, será o quarto ano consecutivo de prejuízos. Desde 2014, o Novo Banco acumulou “mais de três mil milhões de euros em provisões e imparidades”, refere o mesmo jornal, frisando que mais de dois mil milhões tinham como objectivo cobrir eventuais perdas futuras em empréstimos concedidos.

Como recorda o Público, o acordo para a venda da instituição que resultou da separação de ativos do antigo BES prevê uma injeção de capital pelo Fundo de Resolução de até 850 milhões de euros por ano.

No entanto, perante esse cenário, o secretário de Estado acredita que o financiamento previsto é suficiente e que uma intervenção do Estado só viria a ter impacto na dívida pública caso o tesouro precisasse de recorrer ao mercado, o que, acredita, não será necessário. “Daquilo que temos no plano de financiamento, consideramos que isso é acomodável e portanto não deverá haver nenhum impacto adicional“.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Uma vergonha esta telenovela do BES / Banco Novo.
    Os dirigentes deste país continuam a dispor do dinheiro que coletam aos cidadãos para tapar buracos resultantes de má gestão roubo e corrupção.
    São empresas privadas e há uma solução que há muito deveria ter sido aplicada : FALÊNCIA !

  2. O problema é que a torneira está sempre aberta e eles não param de gastar e fazer má gestão económica e financeira!! Oh pah…acabem de uma vez com BES/ NOVO BANCO! Já chega de dar dinheiro..Aquilo não era privado?!!! Então porque o público está sempre a dar dinheiro!! Tudo à mama…fonix..

  3. Então mas este Banco não foi oferecido a uma entidade americana? Agora vamos nós ainda dar mais dinheiro para manter o defunto de pé? Que dizem os parceiros da geringonça, estarão ou não de acordo?

  4. “É um fenómeno curioso:

    O pais ergue-se indignado, moureja o dia
    inteiro indignado, come, bebe e diverte-se
    indignado, mas não passa disto.

    Falta-lhe o romantismo cívico da agressão.

    Somos, socialmente uma colectividade
    pacífica de revoltados”

    Miguel Torga

RESPONDER

Governo aperta cerco, mas especialistas queriam mais. Desconfinamento pode estar em risco

Numa altura em que os números de casos diários não para de subir, a preocupação cresce. Apesar das novas medidas tomadas pelo Executivo na zona de Lisboa - a mais afetada do país - Portugal …

Guterres é hoje empossado para segundo mandato à frente da ONU. Marcelo estará presente

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, presta hoje juramento e toma posse para um segundo mandato durante uma sessão plenária da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque. Desta forma, a …

Câmara de Lisboa proíbe instalação de ecrãs no espaço público durante Euro2020

A instalação de ecrãs no espaço público durante o período do Euro2020 não será autorizada pela Câmara Municipal de Lisboa, tendo em conta a situação pandémica, anunciou hoje o município. “A Câmara Municipal de Lisboa, tendo …

A sucção da tromba de um elefante é mais rápida do que a velocidade de um comboio-bala

Os elefantes conseguem sugar coisas a uma velocidade de 530 quilómetros por hora — mais rápido do que um comboio-bala japonês. A tromba dos elefantes é-lhes altamente útil, já que a usam tanto para comer como …

Mais de metade dos rios do mundo não flui todo o ano

Entre 51% e 60% dos 64 milhões de quilómetros de rios e riachos do planeta Terra não fluem periodicamente ou secam durante parte do ano. De acordo com a agência Europa Press, este é o resultado …

Astrónomos podem ter detetado as maiores estruturas giratórias do universo

Pela primeira vez, astrónomos acabam de encontrar evidências de que algumas das maiores estruturas do cosmos giram numa escala de centenas de milhões de anos-luz. A estrutura em questão é um filamento cósmico, uma estrutura longa …

"A melhor seleção do mundo é a Bélgica"

Elogios do selecionador da Dinamarca ao adversário, mas ainda mais elogios aos seus jogadores, apesar de nova derrota dinamarquesa. Dois jogos em casa, duas derrotas. Apesar de realizar os seus encontros em Copenhaga, a Dinamarca está …

Se extraterrestres visitassem a Terra "não estariam vivos", diz astrónomo do SETI

Especialistas do Search for Extraterrestrial Intelligence (SETI), entidade que tem por objetivo a busca de vida no espaço, estão a afastar-se cada vez mais da ideia de encontrar inteligência extraterrestre igual à humana. Num artigo de …

Cientistas ajudam enxames de drones a evitar obstáculos (copiando o instinto dos pássaros)

Uma equipa de engenheiros da EPFL, na Suíça, desenvolveu um modelo de controlo preditivo que permite que enxames de drones voem em ambientes confusos com rapidez e segurança. Usar enxames de drones tem imensas vantagens, mas …

Países Baixos 2-0 Áustria | Laranja embala e carimba oitavos

Os Países Baixos venceram hoje a Áustria por 2-0, em jogo da segunda jornada do Grupo C do Euro2020 de futebol, e são a terceira seleção a garantir o apuramento para os oitavos de final …