Governo admite empréstimo adicional ao Novo Banco em 2018

O secretário de Estado adjunto e das Finanças sabe que o Novo Banco deverá ter prejuízos em 2017 e que, caso venha a ser necessária a intervenção do Estado, “não deverá haver nenhum impacto adicional” na dívida pública.

O Novo Banco ainda não apresentou as contas finais de 2017 mas, em entrevista à TSF e Dinheiro Vivo, o secretário de Estado adjunto e das Finanças, Ricardo Mourinho Félix, admite que o Estado possa ser chamado, já este ano, para ajudar a instituição.

“Tudo indica que terá prejuízos”, afirma o número dois da equipa de Mário Centeno. “Se o Fundo de Resolução não tiver os meios financeiros, recorrendo a todos os meios que tem disponíveis, então poderá, ao abrigo do acordo-quadro, pedir um financiamento ao tesouro”, disse ainda o governante na entrevista.

Esta semana, o Jornal de Negócios já tinha avançado que os prejuízos na instituição bancária devem ascender entre 1,6 e 1,8 mil milhões de euros no exercício transacto.

As contas do banco só deverão estar fechadas em março mas, a confirmarem-se os números, será o quarto ano consecutivo de prejuízos. Desde 2014, o Novo Banco acumulou “mais de três mil milhões de euros em provisões e imparidades”, refere o mesmo jornal, frisando que mais de dois mil milhões tinham como objectivo cobrir eventuais perdas futuras em empréstimos concedidos.

Como recorda o Público, o acordo para a venda da instituição que resultou da separação de ativos do antigo BES prevê uma injeção de capital pelo Fundo de Resolução de até 850 milhões de euros por ano.

No entanto, perante esse cenário, o secretário de Estado acredita que o financiamento previsto é suficiente e que uma intervenção do Estado só viria a ter impacto na dívida pública caso o tesouro precisasse de recorrer ao mercado, o que, acredita, não será necessário. “Daquilo que temos no plano de financiamento, consideramos que isso é acomodável e portanto não deverá haver nenhum impacto adicional“.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Uma vergonha esta telenovela do BES / Banco Novo.
    Os dirigentes deste país continuam a dispor do dinheiro que coletam aos cidadãos para tapar buracos resultantes de má gestão roubo e corrupção.
    São empresas privadas e há uma solução que há muito deveria ter sido aplicada : FALÊNCIA !

  2. O problema é que a torneira está sempre aberta e eles não param de gastar e fazer má gestão económica e financeira!! Oh pah…acabem de uma vez com BES/ NOVO BANCO! Já chega de dar dinheiro..Aquilo não era privado?!!! Então porque o público está sempre a dar dinheiro!! Tudo à mama…fonix..

  3. Então mas este Banco não foi oferecido a uma entidade americana? Agora vamos nós ainda dar mais dinheiro para manter o defunto de pé? Que dizem os parceiros da geringonça, estarão ou não de acordo?

  4. “É um fenómeno curioso:

    O pais ergue-se indignado, moureja o dia
    inteiro indignado, come, bebe e diverte-se
    indignado, mas não passa disto.

    Falta-lhe o romantismo cívico da agressão.

    Somos, socialmente uma colectividade
    pacífica de revoltados”

    Miguel Torga

RESPONDER

A Ciência descobriu quando nasceu Deus

A ideia de um deus todo-poderoso que vigia os humanos a partir do Céu e pune os que se desviam da norma surgiu depois que estes trocaram a tribo pela sociedade. Essa é a principal conclusão …

Famílias numerosas queixam-se de disparidades no preço da água consumida

A Associação Portuguesa das Famílias Numerosas queixou-se da diferença no preço da água consumida consoante o município onde se vive e o número de pessoas do agregado familiar. Na quarta edição do estudo sobre a água …

Costa condiciona extensão do Brexit para além de 23 de maio à aprovação do acordo

O primeiro-ministro, António Costa, defendeu esta quinta-feira que uma extensão do Brexit para além de 23 de maio implica a ratificação do Acordo de Saída pelo Parlamento britânico ou a realização de eleições europeias no …

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer influencia risco de desenvolver a doença

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer aumenta a probabilidade de desenvolver a doença, concluiu um estudo recente que avaliou a história familiar de mais de 280 mil pessoas. Na última década, vários estudos indicaram a …

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou a nova lei da paridade (mas com alguns parêntesis)

O Presidente da República promulgou a nova Lei da Paridade. A lei estabelece que as listas para a Assembleia da República, para o Parlamento Europeu e para as autarquias locais têm de assegurar a representação …

Cientistas descobrem o que provocou três eras glaciais na Terra

Cientistas estadunidenses calcularam que um evento geológico repetido deu origem às três últimas eras glaciais no nosso planeta, a última das quais ainda mantém o seu gelo nas regiões polares. Segundo a revista Science, a responsável …

A Terra pode guardar um Oumuamua no seu interior

Uma parte da terra que pisamos poderia vir, literalmente, de outras regiões da galáxia - áreas muito distantes do local onde o planeta está localizado e que para chegar até aqui teriam que viajar anos-luz …

Há um planeta mais próximo da Terra do que Vénus

A partir do Sol, a ordem dos primeiros planetas começa com Mercúrio, depois Vénus e depois a Terra. Então, Vénus é o planeta mais próximo do nosso? A resposta é: depende. Uma equipa de cientistas acaba …

O fim das consolas está à vista. Google lança serviço de videojogos na "nuvem"

A Google apresentou o seu novo serviço de jogos na "nuvem", Stadia, na Game Developers Conference (GDC), em São Francisco. O serviço não precisa de nenhuma consola e pode ser jogado em qualquer plataforma. O CEO …

Câmaras escondidas em hotéis filmavam hóspedes sem consentimento

O escândalo foi revelado na Coreia do Sul, onde dois homens foram presos por esconder câmaras em hotéis, que transmitiam as imagens em direto para um site, onde havia quem pagasse dinheiro para ver as …