Governo tira estatuto de utilidade pública à Fundação Berardo. Auditoria arrasa gestão

António Cotrim / Lusa

.

O Governo retirou o estatuto de utilidade pública à Fundação Berardo após uma recomendação de uma auditoria feita pela Inspeção-Geral das Finanças (IGF), que sinaliza várias irregularidades na gestão financeira e nas atividades da instituição.

De acordo com o jornal Público, a auditoria debruçou-se sobre o período entre o início de 2007 e o final de 2017 para verificar a “legalidade e a regularidade da atividade e das operações financeiras” desenvolvidas pela fundação liderada por Joe Berardo.

A Inspeção-Geral das Finanças (IGF) descobriu que a gestão, além de ter resultado na deterioração da situação económico-financeira da instituição, desenvolveu atividades distintas das estatutárias e não respeitou as obrigações previstas no estatuto das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e na Lei-Quadro das Fundações.

A IGF recomendou à secretaria-geral da Presidência do Conselho de Ministros, que cancele o “estatuto de utilidade pública de que a fundação beneficia”, uma vez que o registo como IPSS foi cancelado, em 2019, pelo Instituto de Segurança Social da Madeira (ISSM). Segundo o matutino, a primeira orientação foi cumprida automaticamente. 

A Segurança Social da Madeira também foi alvo de críticas, devido a “algumas insuficiências na atuação”, uma vez que, entre 2015 e 2018, só realizou 11 ações inspetivas, que visaram apenas sete IPSS regionais, nunca abrangendo a fundação do empresário madeirense.

A IGF recomendou ainda ao Governo que interponha uma ação junto das instâncias judiciais, a requerer a “nulidade da dação em cumprimento do imóvel Monte Palace Hotel”, por considerar que esta operação não respeitou a Lei-Quadro das Fundações.

A Fundação Berardo é criticada também por se ter dedicado a atividades distintas dos estatutos, tendo cingido-se a operações financeiras. “O valor afeto aos fins estatutários equivale a apenas 0,1% dos ativos em 2017 (599 mil euros)”.

Entre 2007 e 2017, a entidade sofreu uma redução de ativos na ordem dos 575 milhões de euros, evoluindo de 102 milhões de euros de resultados líquidos positivos em 2007, para 245 milhões de euros negativos, 10 anos depois.

A IGF resumiu as atividades em “operações financeiras com risco de mercado elevado”, investimento em ações e participações de capital, feitas com recurso a “empréstimos avultados”.

Nas faturas, os auditores encontraram também despesas não relacionadas com as finalidades sociais da fundação, sendo que algumas rondavem os 250 mil euros, em benefício direto de familiares de Joe Berardo.

Nas atividades contrárias à legislação e estatutos, a IGF destaca o contrato de dação em cumprimento da propriedade Monte Palace Hotel, que em 2015 passou para a Associação de Coleções, também controlada por Berardo, como pagamento de uma dívida de 90 milhões de euros, sem que tivesse existido “autorização prévia da entidade competente”.

Em 2019, a CGD, BCP e Novo Banco entregaram no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa uma ação executiva para cobrar dívidas de Joe Berardo, de quase 1.000 milhões de euros, executando ainda a Fundação José Berardo e duas empresas ligadas ao empresário. O valor em dívida às três instituições financeiras totaliza 962 milhões de euros.

Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Empresa norueguesa garante que pode "parar" furacões antes que estes se tornam destrutivos

Especialistas ambientais advertem que o sistema de "cortina de bolhas" proposto pela empresa pode provocar efeitos indesejados. A OceanTherm, uma startup norueguesa, assegura que a sua nova tecnologia pode evitar que as tempestades tropicais se tornem …

Afeganistão: Familiares consideram "insuficientes" pedido de desculpas dos EUA

Familiares dos civis afegãos mortos por "engano" durante um ataque de um avião não tripulado 'drone' norte-americano no final de agosto em Cabul consideraram este sábado "insuficiente" o pedido de desculpas de Washington, numa entrevista …

Descoberta de pegadas fossilizadas em Espanha revela a existência de um "berçário" de elefantes

Pegadas fossilizadas foram encontradas numa praia no sul da Espanha e mostram o que pode ter sido o berçário de uma espécie extinta de elefantes. O local costeiro, situado na região de Huelva, estava normalmente coberto …

Morreu aos 98 anos o historiador, sociólogo e crítico de arte José-Augusto França

O historiador, sociólogo e crítico de arte José-Augusto França morreu este sábado, aos 98 anos, na casa de saúde de Jarzé, perto da cidade francesa de Angers, disse à Lusa a pintora Emília Nadal, sua …

Ventura: "Não vejo outra possibilidade senão a ministra da Saúde ou pedir desculpa ou ser afastada"

O Chega vai questionar formalmente o Governo pelo “facto de a ministra da Saúde ter utilizado um carro do Estado” para ir a uma ação de campanha no Porto na sexta-feira, anunciou este sábado André …

Ouvir 30 segundos de uma sonata de Mozart pode reduzir ataques de epilepsia

Ouvir a Sonata para Dois Pianos em Ré Maior (K448), de Wolfgang Amadeus Mozart, durante pelo menos 30 segundos, ajuda a reduzir a atividade elétrica cerebral associada à epilepsia resistente a medicação. Os resultados também sugerem …

Astrónomos resolvem mistério cósmico com 900 anos

Um mistério cósmico com 900 anos, em torno das origens de uma famosa supernova observada pela primeira vez na China no ano 1181, foi finalmente resolvido. Uma nova investigação, publicada dia 15 de setembro no The …

Bons hábitos alimentares podem reduzir a probabilidade de contrair covid-19

Um novo estudo indica que as pessoas que comem muitas frutas e vegetais podem ter menos probabilidades de contrair covid-19. Num pesquisa que envolveu 590 mil adultos, os investigadores descobriram que as pessoas que eram adeptas …

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …