/

Fotografia capta a dor de uma mãe macaca com a cria nos braços

8

(dr) Avinash Lodhi / Caters News Agency

-

Um fotógrafo indiano captou na perfeição o momento em que uma macaca segura a sua cria nos braços, com a angústia de a poder perder estampada no rosto.

Dizem que os animais não têm sentimentos como as pessoas mas a fotografia de Avinash Lodhi parece provar exatamente o contrário. Segundo o Daily Mail, o registo da mãe macaca com a cria nos braços foi conseguido em Madhya Pradesh, na Índia, pela lente do fotógrafo, de 31 anos.

A imagem foi partilhada nas redes sociais e rapidamente se tornou viral. Em declarações ao jornal britânico, o indiano diz que “o momento foi tão rápido que nem sabia que tinha tirado a fotografia”.

“Quando vi a imagem, fiquei em silêncio durante uma hora”, recorda o fotógrafo.

“Esta foto está muito perto do meu coração porque, durante toda a minha carreira na fotografia, nunca tinha visto nada assim“, diz Lodhi. “Foi um um momento raro, especialmente entre animais”.

Felizmente, pouco tempo depois, a cria recuperou e voltou ao seu estado normal – para alegria e alívio da mãe macaca – sentimentos que depois de ver esta foto, pouco se atreverão a achar que sejam exclusivos dos humanos.

  ZAP //

8 Comments

  1. Descendemos dos macacos portanto está tudo dito.
    Só mesmo quem nunca teve animais, pensa que eles não têm sentimentos, quem os têm sabe bem o que os animais, sentem.

  2. Incrível só mesmo como ainda nos dias de hoje a maioria acredita realmente que somos diferentes/ superiores aos restantes animais – pelo menos os mamíferos e as aves têm claramente sentimentos nobres ( e menos nobres) e inteligência que em nada se diferenciam dos nossos – já vi uma cadela minha literalmente a chorar com a filha morta deitada entre suas pernas, tenho um galo que só come depois de todas as galinhas se terem servido e nesse meio tempo agarra alimentos para os partir e entrega ás “esposas”, tenho uma galinha que não admite que o galo tenha sexo com as restantes – fica ciumenta e bate nas outras – e milhares de outras histórias mais – estes animais sentem alegria, tristeza, amor, ciúme, inveja ….. mas não convém nada a esta sociedade aceitar isto – como poderíamos depois explicar todas as crueldades e atitudes desumanas que temos para com eles? É mais fácil dizer que são umas bestas que foram criadas para nossa satisfação …. Alguem acredita que um dia não pagaremos por isso?

  3. Realmente a foto levanta várias questões que ultimamente tem criado tanta discussão quanto aos diferentes níveis de sensibilidade relativamente aos animais, mas controvérsias á parte, o macaquinho filho parece estar a comer ou, pelo menos, ter qualquer coisa na boca. Eu descrevia esta foto mais como:
    Mãe para o filho:
    -“voltaste a adormecer a comer, estou farta disto! São horas a dar-te de comer!”

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.