“Festa da Liberdade”. O Aliança também vai ter um Avante!

António Cotrim / Lusa

O presidente do Aliança, Pedro Santana Lopes

A primeira edição da Festa da Liberdade vai acontecer já este ano nos dias 6, 7 e 8 de setembro, precisamente nos mesmos dias para os quais está agendada a Festa do Avante!.

A Festa da Liberdade, promovida pelo Aliança, vai seguir os moldes do evento comunista, mas tentará “ter a sua própria marca”. O anúncio oficial foi feito este domingo em Sintra por Pedro Santana Lopes, , no evento “União Europeia – Uma Visão De Futuro”.

A primeira edição vai acontecer nos dias 6, 7 e 8 de setembro, precisamente nos mesmos dias para os quais está agendada a festa promovida pelos comunistas. Mas, como revela o Observador, as semelhanças não se ficam por aqui: datas, estilo e até conteúdo terão muitas parecenças.

“Será um evento em nome da coesão nacional, que se destina a todos os setores. É para as pessoas de direita, do centro e de esquerda. Vai contar com representações, costumes, tradições, gastronomia de todo o país, folclore, artes plásticas e música de todo o género”, conta o líder do partido ao diário.

Festa da ALIANÇA! Festa da LIBERDADE! Foi anunciada por Pedro Santana Lopes, Presidente da Aliança, hoje em Sintra a…

Publicado por Aliança em Domingo, 14 de abril de 2019

O local escolhido foi Lisboa, mais concretamente o Alto da Ajuda, junto ao polo universitário. O Aliança ainda não decidiu se o evento permanecerá na capital nas próximas edições ou se vai andar pelo país. Tudo dependerá do sucesso da primeira edição. “Há muita coisa ainda por fechar. Mas estou muito entusiasmado com a ideia“, afirmou Santana.

As semelhanças com a Festa do Avante! são incontornáveis e nem Santana Lopes foge delas. “Não tenho problemas em admitir que a Festa do Avante! serviu de inspiração para a criação da Festa da Liberdade. E mais, gostávamos que se afirmasse como a Festa do Avante!”, reconhece. “Queremos criar um ato cultural e esperamos que trazer para a política esse lado.”

Ainda assim, o líder do partido frisa que o evento não pretende “concorrer com outras festas”, e refere que a coincidência das datas na primeira edição se explica com o calendário eleitoral.

A Festa da Liberdade funcionará também como um evento de angariação de fundos. “Sempre dentro daquilo que a lei permitir. Claro que olhamos com interesse para essa vertente, mas veremos como corre”, rematou Pedro Santana Lopes.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Dispersar votos pelo PSD, CDS, Aliança, Basta, Iniciativa Liberal, PNR…. é receita certa para dar a vitória às esquerdas. O método de Hondt e a exclusão por não atingir limite mínimo, faz com que muitos votos da direita não tenham qualquer valor.

RESPONDER

Rússia acusa Navalny e aliados de extremismo em novo processo

A Rússia intensificou a campanha contra o opositor do governo Alexei Navalny, abrindo esta terça-feira um novo processo judicial, que poderá levá-lo a cumprir uma pena de prisão de mais uma década. Navalny cumpre dois anos …

Governo demite Chefe do Estado-Maior da Armada. Gouveia e Melo provável sucessor

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, vai propor ao Presidente da República a demissão do Chefe do Estado-Maior da Armada, confirmaram hoje à Lusa fontes ligadas à Defesa. O Governo propôs ao Presidente da …

Borussia Dortmund 1-0 Sporting | Um Mal(en) que veio só… e foi suficiente

O “bicho papão Haaland não jogou, mas nem assim os “leões” conseguiram contrariar o maior poderio germânico. O Sporting saiu de Dortmund com uma derrota, apesar da excelente réplica no Signal Iduna Park, e muito por …

FC Porto 1-5 Liverpool | Dragão atropelado em casa

O Liverpool é uma espécie de “besta” em tons de “red” para o FC Porto. Em nove jogos oficiais, os “azuis-e-brancos” nunca venceram, somando 3 empates e 6 derrotas, a mais recente foi pesadíssima e …

China desenvolve arma invisível capaz de destruir redes de comunicação em dez segundos

Uma equipa de cientistas chineses está a desenvolver uma arma sónica, que gera um intenso pulso eletromagnético, capaz de destruir redes de comunicação e de fornecimento de energia elétrica. A arma poderá ter um alcance …

Dezenas de mulheres abusadas por funcionários da OMS na República Democrática do Congo

Dezenas de mulheres e meninas foram abusadas sexualmente por voluntários da Organização Mundial de Saúde (OMS) destacados para enfrentar o Ébola na República Democrática do Congo (RDC), entre 2018 e 2020, concluiu um inquérito independente …

Evolução de parasita está a tornar mais difícil detetar e tratar a malária

Uma mutação do parasita que causa a malária está a "camuflar" as proteínas que são identificadas nos testes rápidos, tornando mais difícil detetar e tratar a doença. De forma semelhante aos testes à covid-19, baratos e …

Banguecoque em alerta. Mais de 70.000 casas inundadas na Tailândia

As autoridades tailandesas têm feito esforços para proteger partes de Banguecoque das cheias, que já inundaram 70.000 casas e mataram seis pessoas nas províncias no norte e centro do país. A tempestade tropical Dianmu causou cheias …

Exilados sírios obrigados a pagar taxas para evitar o alistamento obrigatório

No início deste ano, Yousef, um sírio de 32 anos que vive na Suécia, teve que pagar as taxas que lhe isentavam da obrigatoriedade de se alistar no exército da Síria, caso contrário a família …

Portugal tem cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, mais de metade em Lisboa

Estima-se que, em 2020, cerca de 485 pessoas tenham abandonado esta condição, o que representa uma descida de 39% face a 2019. Portugal terá cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, segundo os resultados de …