Falsa vítima do atentado de Barcelona pedia dinheiro nas redes sociais

(d) Gofundme

A suposta vítima Maria Tores com o neto

A mulher, que se fazia passar por uma das vítimas do atentado de Barcelona, que aconteceu no passado mês de agosto, pedia dinheiro nas redes sociais para ajudar nos tratamentos do neto.

Segundo o El Mundo, a falsa vítima apresenta-se com o nome de Maria Tores, residente em Valencia, e conta que precisa de ajuda por causa da sua filha Teresa e do seu neto Antonio, supostamente feridos com gravidade no atentado nas Ramblas, em Barcelona.

“Estavam a visitar uns amigos quando o desastre aconteceu. Agora estão os dois no hospital. Ela com as ancas fraturadas e com lesões na coluna e o meu neto em coma devido a uma lesão na cabeça”, conta a suposta vítima nos sites de angariação de fundos.

“O menino precisa de uma cirurgia numa clínica privada. Os gastos totais serão cerca de oito mil euros e o seguro só cobre metade. Não somos ricos. Só nos temos uns aos outros. O dinheiro será usado para a cirurgia e para os gastos da sua recuperação”.

Juntamente com o texto, escrito quatro dias depois do atentado, surge a fotografia de uma criança entubada numa cama de hospital. O jornal espanhol estranhou alguns detalhes da história, primeiro porque os nomes não apareciam na lista das vítimas divulgadas pelas autoridades e, segundo, porque a criança poderia ter sido operada num hospital público.

Por isso, o El Mundo decidiu investigar e entrar em contacto com a tal “Maria”. No Facebook, a mulher também implorava por ajuda financeira aos seus amigos virtuais.

(dr) Youcaring

A conta de Maria Tores num dos sites de angariação de fundos

“Ajudei tanta gente e tantos animais. Mas agora é a minha família que precisa de ajuda desesperada e urgente. (…) Simplesmente imaginem o que é estar no meu lugar, perder um filho e agora a minha filha e o meu neto no ataque terrorista de Barcelona. Ambos gravemente feridos. Peço por tudo que façam uma doação. Não importa o valor. Pouco a pouco podemos fazer um milagre“.

O jornal tentou falar por telefone com a alegada vítima, que nunca chegou a dar o seu número. Ao mesmo tempo, entraram em contacto com a plataforma Gofundme, que bloqueou a conta de Maria e pôs em marcha os seus mecanismos de verificação.

A utilizadora não respondeu aos pedidos da plataforma e as suspeitas aumentaram quando se comprova que Maria acedia à sua conta a partir do exterior e não em Espanha, onde estaria supostamente no hospital ao lado dos seus familiares.

A conta foi fechada e os 300 euros que tinham sido arrecadados até então foram devolvidos aos doadores. No entanto, há outras plataformas que tinham o mesmo pedido de ajuda. Um desses casos era o Youcaring que, à data da publicação do artigo do El Mundo, já contava com mais de mil euros.

Na galeria de imagens do Facebook, a mulher aparece com um menino nos braços, o mesmo que aparece nos sites de angariação de fundos, mas que identifica como seu sobrinho. Fica a pergunta: Maria Tores existe mesmo?

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Primeiro-ministro da Arménia acusa militares de tentativa de golpe de Estado

O primeiro-ministro da Arménia referiu-se hoje a "tentativa de golpe de Estado" depois de o Estado Maior ter pedido o afastamento do governo num contexto de protestos por causa da derrota no último conflito com …

EUA condenam Coreia do Norte a indemnizar militares torturados em 1968

A Justiça dos Estados Unidos (EUA) condenou Pyongyang a indemnizar em 2,3 mil milhões de dólares (cerca de dois mil milhões de euros) os tripulantes de um navio da Marinha norte-americana, que foram capturados e …

Ex-gestores do Novo Banco seguem para Banco do Fomento e para CGD

Os gestores Vítor Fernandes e Jorge Freire Cardoso, que saíram do Novo Banco em divergência com a estratégia da Lone Star, vão desempenhar as funções de presidente do Banco de Fomento e de administrador na Caixa …

EUA acusado de prometer contrapartidas a Cabo Verde pela extradição de testa-de-ferro de Maduro

O antigo juiz espanhol Baltasar Garzón, que coordena a defesa de Alex Saab, detido em Cabo Verde e considerado testa-de-ferro do Presidente venezuelano Nicolás Maduro, acusou na quinta-feira os Estados Unidos (EUA) de prometerem contrapartidas …

Bispo italiano sugeriu a padre que pagasse 20 mil euros a vítima de pedofilia

O bispo católico de Como, em Itália, afirmou ter sugerido a um jovem padre suspeito de pedofilia que pagasse 20 mil euros à suposta vítima para encerrar uma investigação interna ao caso ocorrido numa residência …

Governo reforça financiamento de projetos LGBTI com 50 mil euros

O Governo vai reforçar em 50 mil euros o financiamento de projetos de organizações que atuem na defesa dos direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexo (LGBTI), anunciou o gabinete da secretária de …

CDS pede ao Governo "um plano de desconfinamento controlado, à inglesa"

Francisco Rodrigues dos Santos quer que o Executivo apresente um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores. Esta sexta-feira, o presidente do CDS-PP insistiu na necessidade de o Governo apresentar um …

Para os idosos que estão em lares, visitar a família sem isolamento poderá acontecer em maio

A CNIS estima que, com todos os idosos residentes em lares vacinados, maio possa ser o mês da libertação depois de mais de um ano de pandemia, confinamentos e restrições apertadas. DGS diz que orientações …

UE retalia e declara chefe da missão venezuelana "persona non grata"

A União Europeia (UE) decidiu, esta quinta-feira, declarar a chefe da missão venezuelana em Bruxelas persona non grata, respondendo ao anúncio feito por Caracas de dar 72 horas à embaixadora comunitária para abandonar o país. "Por …

Novo problema num Boeing 777 leva a aterragem de emergência na Rússia

Um Boeing 777 da companhia aérea russa Rossiya fez uma aterragem de emergência em Moscovo, esta sexta-feira, devido a um problema de motor, uma semana depois de um incidente semelhante com um aparelho do mesmo …