Ex-presidente do Turismo do Norte acusado de pagar a clubes para chegar a presidente da Liga

O ex-presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), Melchior Moreira, foi acusado de patrocinar duas equipas desportivas para conseguir apoio dos dirigentes desportivos numa eventual candidatura à presidência à Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Em causa estão, de acordo com a acusação, no âmbito da Operação Éter, e citada pelo jornal Público, dois jogos do Vitória de Guimarães, onde os vimaranenses tinham publicidade do Turismo do Porto e Norte nas camisolas e noutra do Geoparque de Arouca. O patrocínio terá custado mais de 100 mil euros ao TPNP, dividido por vários contratos, alegadamente para contornar regras da contratação pública.

Em relação ao Sporting Clube de Braga, em causa está um contrato de patrocínio para a promoção da região Norte, em Madrid, quando a equipa de futsal do Braga disputou a Elite da UEFA Futsal Cup, em novembro de 2017. No contrato estará escrito que o clube recebia 15 mil euros para publicitar a marca do Turismo Norte nas camisolas dos futebolistas.

Estes dois clubes fazem parte do role de oito entidades coletivas acusadas. Além disso, há 21 pessoas singulares envolvidas no processo, onde se destaca Melchior Moreira e outros sete profissionais do Turismo do Norte.

Apesar de o Ministério Público ter avançado com a acusação, continuou a investigar num processo autónomo a forma como foram contratadas dezenas de lojas de turismo interativas da região Norte.

Melchior Moreira está preso preventivamente há cerca de um ano por perigo de perturbação de inquérito. Além dos patrocínios aos clubes, a acusação faz referência a crimes relacionados com procedimentos de contratação de pessoal e de aquisição de bens por parte dos responsáveis do Turismo Norte, bem como, a utilização de meios do turismo para fins pessoais.

A Operação Éter investiga suspeitas em torno de contratos, por ajuste direto, de mais de cinco milhões de euros efetuados pelo TPNP com empresas de José Simões Agostinho, empresário de Viseu.

José Simões Agostinho também está entre os suspeitos da investigação, tal como a diretora do TPNP, Isabel Castro, a jurista da entidade, Gabriela Escobar Gomes, e a empresária Manuela Couto, detentora de empresas de comunicação.

ZAP //

 

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Não isto não é corrupção é apenas uma forma de meter uma cunha tão típica dos tugas.
    A podridão é de norte a sul mas no norte palpita-me que é o pior antro.
    Pode ser que um dia surja uma purga e uma cura.

  2. Já tivemos uma máfia do norte a mandar no futebol e foi a vergonha que se viu durante décadas. Nem mesmo a justiça conseguiu fazer alguma coisa. Dizem que a história sempre se repete seria isto uma tentativa ?

RESPONDER

Limitação dos apoios a sócios-gerentes não é "justa", diz Confederação das empresas

A Confederação das Micro, Pequenas e Médias Empresas não entende a razão para limitar a ajuda a sócios-gerentes ao valor de 1.905 euros, proposta que não consideram justa. Em entrevista à Rádio Observador na quinta-feira, o …

Devolução de manuais. Diretores acusam políticos de "brincar às escolinhas"

Os diretores escolares criticaram hoje o 'timing' da proposta de suspensão de devolução de manuais escolares, acusando os políticos de andar a “brincar às escolinhas” sem perceberem o trabalho que implica reutilizar milhões de livros. O …

Passageiros dos EUA e PALOP têm de apresentar teste negativo de covid-19

O Governo prorrogou várias medidas restritivas do tráfego aéreo com destino e a partir de Portugal, com novas orientações e exceções, num despacho publicado terça-feira em Diário da República. Segundo noticiou o Expresso, um comunicado do …

PGR angolana diz que Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal

Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal ou noutro país com acordos judiciários com Angola, no âmbito do processo-crime por alegada má gestão e desvio de fundos da Sonangol, disse à Lusa fonte da …

Autoridades descartam participação da milícia "Escritório do Crime" no caso Marielle Franco

O envolvimento da milícia conhecida como "Escritório do Crime" no homicídio da vereadora e ativista Marielle Franco chegou a ser investigado, mas foi descartado pela polícia brasileira. O delegado brasileiro Daniel Rosa, da cidade do Rio …

Desconfinamento não foi suficiente. Desemprego volta a subir em Espanha para valores de 2016

O número de desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego em Espanha voltou a aumentar em 5.107 pessoas em junho, uma desaceleração em relação a maio, atingindo um total de 3.862.883 espanhóis. De acordo com os …

Governo vai monitorizar discurso de ódio na Internet

O Governo vai monitorizar o discurso de ódio nas plataformas online, estando "em vias" de dar início à contratação pública de um projeto que deverá traduzir-se num barómetro mensal de acompanhamento e identificação de sites. Segundo …

Tribunal britânico decide que é Guaidó (e não Maduro) quem manda nas reservas de ouro da Venezuela

A justiça britânica decidiu esta quinta-feira que é o líder da oposição venezuelana Juan Guaidó e não o Presidente Nicolás Maduro quem tem autoridade sobre as reservas de ouro da Venezuela depositadas no Banco de …

Mistério resolvido. Cientistas descobriram como é que as cobras "voam"

Nem todas as cobras se movem arrastando-se discretamente pelo chão. Há uma cobra do género Chrysopelea que parece voar de árvore em árvore. Agora, os cientistas descobriram como é que estes animais se movem pelo …

Mais de 80 mil pessoas registaram-se na Segurança Social desde janeiro

O programa “Segurança Social na Hora”, criado em janeiro deste ano, abrangeu até ao momento 80.700 pessoas, de acordo com os dados divulgados pela ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS). Ana Mendes Godinho avançou …