Ex-ministro acusa Sócrates de travar combate à corrupção (e fala em comportamento “inadmissível”)

rtppt / Flickr

João Cravinho, ex-ministro das Obras Públicas

João Cravinho, ex-ministro das Obras Públicas, acusou o Governo de José Sócrates de travar o combate à corrupção e falou em comportamentos inadmissíveis e execráveis do então primeiro-ministro.

Em entrevista ao Polígrafo SIC esta segunda-feira, o ex-ministro das Obras Públicas João Cravinho, que criou um Plano Anticorrupção em 2006, garantiu que este só não avançou porque o então primeiro-ministro José Sócrates não quis.

“A visão política, a convicção política, os atos políticos de José Sócrates, como primeiro-ministro e como secretário-geral do Partido Socialista, que era a obrigação dele ao Parlamento… A visão política dele era de não combate à corrupção“, assegurou o ex-governante.



“O PS não pode fingir que não houve um período em que o partido com maioria absoluta, [que], com todos os meios, foi um partido combatente, empenhou toda a sua capacidade política, legitimada pelo seu secretário-geral, que também era primeiro-ministro, contra a ideia de se combater sistemicamente a fundo a corrupção. Isso é que faz parte da história do PS”, argumentou João Cravinho.

Questionado sobre a proposta para combater o enriquecimento injustificado, o ex-governante disse que a medida é “boa” e só vê motivos para que avance.

“A minha ideia é que o próximo congresso do Partido Socialista, que é dentro de poucos meses, tem necessariamente de tomar posição sobre o assunto. E deve fazê-lo exatamente como o Presidente da República diz: sem contemplação e sem flagelação”, considerou o ex-ministro na entrevista.

Para João Cravinho, o PS tem a obrigação de assumir a luta contra o enriquecimento ilícito como um tema prioritário e este assunto “não pode, de maneira nenhuma, ser ignorado, ser esquecido ou ser metido debaixo do tapete”.

Questionado sobre o comportamento do antigo primeiro-ministro ao longo do processo de acusação no âmbito da Operação Marquês, o ex-ministro falou de “náusea”.

“O que sei hoje é o que vem na comunicação social. (…) A partir de certa altura há náusea, física até… de uma pessoa estar a ver e a ouvir vídeos inconcebíveis. Tenho juízo que não é definitivo, aguarda com expectativa e preocupação da prova que venha a ser produzida em julgamento. Mas há comportamentos que são completamente inadmissíveis para qualquer cidadão decente, quanto mais um socialista com responsabilidade máxima no partido e com maioria absoluta… Mais do que inadmissível, daqueles casos execravelmente de hostilidade que tem de nascer nas vísceras.”

  Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Ora aqui está um homem sério do PS. São poucos. E geralmente os que o são… são imediatamente afastados e corridos para bem longe. Com este à frente, até eu votaria no PS.

RESPONDER

Bolsonaro será acusado de 11 crimes na gestão da pandemia, entre os quais homicídio

O senador Renan Calheiros, relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a gestão da pandemia, anunciou que Jair Bolsonaro deverá ser indiciado de 11 crimes, entre os quais o de homicídio. O relator da …

Nuno Melo arranca campanha interna para a liderança do CDS

O candidato à liderança do CDS-PP arranca, este fim-de-semana, a sua campanha interna até ao congresso de final de novembro, tendo como objetivo privilegiar o diálogo com os militantes por todo o país. Fonte da candidatura …

Vulcão Cumbre Vieja lança lava, cinzas e fumo em La Palma

La Palma regista sismo de 4,6, a maior magnitude desde o início da erupção

Um total de 36 sismos foram registados na ilha de La Palma desde a noite passada, um deles registado em Mazo com 4,6, o de maior magnitude desde que a erupção do vulcão Cumbre Vieja …

O deputado britânico David Amess

Assassínio de deputado britânico considerado "incidente terrorista"

O assassínio do deputado britânico, esta sexta-feira, foi considerado um "incidente terrorista", com a investigação inicial a apontar para uma "potencial motivação ligada ao extremismo islâmico", informou a Polícia Metropolitana (Met) de Londres. A investigação está …

O quadro "Native American Treaty", de Roman Fekonja, mostra um tratado entre índios e colonizadores.

Com dedo português, estudo revela que índios norte-americanos têm uma origem inesperada

Um novo estudo, que contou com a ajuda de um programa desenvolvido por um português, sugere que os índios norte-americanos podem ter origem na Sibéria. Dá-se o nome de povos nativos dos Estados Unidos aos povos …

Enfermeiros marcam greve para 3 e 4 de novembro

Os enfermeiros que trabalham no Serviço Nacional de Saúde (SNS) vão fazer greve a 3 e 4 de novembro, uma paralisação decidida, esta sexta-feira, numa reunião que juntou sete sindicatos desta classe profissional. Na base da …

Sem surpresas, CDS, IL e Chega saíram de Belém a reafirmar o seu voto contra

No final das audiências com o Presidente da República, sem surpresas, os partidos de direita deixaram críticas à proposta do Orçamento do Estado e mantiveram a sua intenção de votar contra. "Este primeiro-ministro sempre sustentou a …

"Viagra dos Himalaias", o fungo mais caro do que ouro, mostra potencial contra cancro

Uma molécula produzida pelo chamado "fungo de lagarta", também conhecido por "Viagra dos Himalaias", pode fornecer uma base para tratamentos de cancro mais eficazes. Em ensaios clínicos recentes, o composto chamado cordicepina mostrou ser bem-sucedido a …

Bloco quer acordo escrito e Costa não diz que não. PCP diz que não houve avanços

O primeiro-ministro defendeu, esta sexta-feira, que a aprovação do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) não se prende em questões formais, mas sem excluir um "acordo escrito", tal como pediram os bloquistas. "Se quiserem um acordo …

Mulher de Rendeiro tem cinco dias para entregar obras de arte em falta

A mulher do ex-banqueiro será interrogada pelo tribunal na próxima sexta-feira e tem até quarta-feira para entregar à Polícia Judiciária (PJ) 15 obras de arte apreendidas em 2010 e que em recente diligência não foram …