Ex-assessor de Cavaco acusa Sócrates de espiar a Presidência da República

José Goulão / Flickr

O ex-Presidente da República, Cavaco Silva

Cavaco Silva foi vigiado pelo governo de José Sócrates com o intuito de “desqualificar a Presidência da República e o seu titular”. A acusação é feita pelo antigo assessor do ex-Presidente, Fernando Lima, num livro que será lançado a 8 de Setembro.

A Renascença dá conta da nota enviada pela Porto Editora, responsável pela obra intitulada “Na sombra da Presidência – Relato de 10 anos em Belém”, onde Fernando Lima explica que o livro conta a “sequência dos factos de um processo político que pretendia, naquela altura, desqualificar a Presidência da República e o seu titular”.

O chamado “caso das escutas” deu que falar, em 2009, depois de o jornal Público ter noticiado as suspeitas da Presidência da República de que estaria a ser espiada pelo governo de Sócrates, então no poder.

Posteriormente, o Diário de Notícias avançou que a notícia do Público teria sido “encomendada” por Fernando Lima que foi, na seguimento do caso, afastado do lugar de assessor de comunicação de Cavaco Silva.

Agora, Fernando Lima dá a sua versão daquilo que se passou na altura, relatando que no livro que será colocado à venda no próximo dia 8 de Setembro aquilo que define como a “vigilância” do governo de Sócrates ao ex-Presidente da República.

“Situações estranhas, que descrevo no livro, foram-me acontecendo sem que encontrasse uma razão plausível. Só pararam quando o Governo de José Sócrates foi substituído”, refere Fernando Lima na nota citada pela Renascença.

“A Presidência era o único poder que não se deixara submeter à lógica de quem governava em 2009, pelo que era necessário desgastá-la para que, perante os portugueses, fosse perdendo prestígio e autoridade. Surgiram situações da vida pessoal do Presidente, como o BPN e a casa no Algarve, que o marcaram para sempre”, atesta ainda o ex-assessor de Cavaco.

O ex-director do Diário de Notícias também conta que o caso acabou por afectar a sua relação com o ex-Presidente.

“Ainda hoje, não compreendo que tenha tido comigo comportamentos que considero inexplicáveis, depois de termos convivido ininterruptamente, desde que comecei a trabalhar com ele em 1986. Confesso que não o esperava”, escreve Fernando Lima sobre Cavaco.

ZAP

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

  1. Mais um que vai “comer” á conta de Sócrates. O sabujo presidencial “encomendou” as escutas e foi afastado e até promovido dentro da estrutura. Não foi demitido como era pressuposto que fosse. Fazia parte do “embrulho” de Belém. Na altura não teve “tomates” para esclarecer a situação que ele próprio criou. Vem, agora, apontar o dedo ao “vigilante” Sócrates para ganhar uns tostões. Um exemplo lamentavel e vergonhoso. Mais um deiretolas da caranguejola reacionária, pestilenta e revanchista. Como todos.

    • Meu caro amigo
      Quando li esta notícia, pensei exatamente o mesmo.
      Este é mais um que armou a trapalhada mas, como é imbecil, descobriram-lhe a “careca”, e ele acabou por ter de assumir que, afinal, tudo aquilo foi uma treta montada por ele, ou melhor, por Belém, para tramar Sócrates.. Agora, como não deve ter mais nada que fazer, ele aí está a “escravinhar” umas letras e frases num livro a que chama de “memórias”. Não me parece que tenha grande interesse, excepto para os que continuam a cruxificar Sócrates. Deve ter muitos compradores que são leitores do “jornalixo Correio da Manhã”. Palpita-me que ainda se vai safar a vender uns livritos.

  2. Ó António “Verdades” isso é tudo ódio? Uns são culpados e os outros são inocentes? O mundo é a preto e branco? Ora vai-te matar pá!

  3. Ó António “Verdades”, isso é tudo ódio? O teu mundo a preto e branco mete nojo pá! Essa tese da direita culpada e da esquerda inocente dá vontade de responder com igual nojice. Vai-te matar pá! Abre os olhos mula, o que falta são gajos de esquerda a andar de Mercedes e BMW!

  4. “A Presidência era o único poder” (…) “pelo que era necessário desgastá-la para que, perante os portugueses, fosse perdendo prestígio e autoridade” Perdendo prestígio e autoridade? Desgastando-a? O próprio já o fazia naturalmente! Não era preciso qualquer “escuta”! Ou não se lembram do homem a quiexar-se (coitadinho) que não tinha dinheiro para as despesas? Será que isso foi resultado das escutas? Não! Ele disse-o publicamente e nunca o desmentiu! Enfim… Mais uma forma de vender livros.

  5. O Sócrates com o seu sorrisozinho malandro lá ia levando a água ao moinho e puxando a brasa à sua sardinha, deve haver mesmo no PS uma escola de matreirice julgando pelos artistas de lá saídos.

  6. Ai Sócrates mais uma para se saber se és culpado, na verdade já tens feito muita coisa que é estranho e corrupto e toda essa gente ainda vai atrás de ti como se de salvador fosses. Onde há fumo há fogo dizem os bombeiros e tu não és. A ver se te safas disto tudo sem te queimar, mas uma coisa te digo ainda faltam mais 44 em Évora.

    • Curioso… Não há uma única prova em concreto mas tu sabes que ele é culpado. Não achas que devias colaborar com as autoridades? Parece saberes de coisas que “eles” não sabem. Cuidado! Se nada disseres podes ser considerado cúmplice!

RESPONDER

Mais de 100 mil trabalhadores independentes já pediram apoio do Governo

Mais de 100 mil trabalhadores independentes já se candidataram ao apoio extraordinário criado pelo Governo para fazer face à paragem total de atividade devido à pandemia de covid-19. Segundo o comunicado do Ministério do Trabalho, Solidariedade …

“Voltaremos a encontrar-nos”. Isabel II relembra a 2.ª Guerra Mundial e fala de um desafio "diferente"

A rainha Isabel II salientou este domingo, numa mensagem televisiva, que a pandemia Covid-19 é um desafio "diferente" de outros enfrentados pelo Reino Unido e exortou os britânicos a respeitar o confinamento. "Embora já tenhamos enfrentado …

CTT recuam. Não vão propor a distribuição de dividendos de 2019

O Conselho de Administração dos CTT - Correios de Portugal, SA informaram esta segunda-feira que já não vão propor à Assembleia Geral de Acionistas a distribuição de dividendos relativos ao exercício de 2019, como previsto, …

Há enfermeiros sem treino a trabalhar nos cuidados intensivos

A presidente do Sindicato de Todos os Enfermeiros Unidos (SITEU), Gorete Pimentel, denuncia que há enfermeiros sem treino a trabalhar em unidades de cuidados intensivos. "São necessários três a quatro meses para que um enfermeiro seja …

Ronaldo vai tornar-se o primeiro bilionário no mundo do futebol

Cristiano Ronaldo vai faturar cerca de 90 milhões de euros este ano. Isto faz com que o futebolista português atinja os mil milhões de euros em receitas durante a sua carreira. Embora Cristiano Ronaldo tenha sido …

Tribunais adiaram mais 50 mil diligências num mês

A pandemia de covid-19 obrigou os tribunais portugueses a adiar 2.445 diligências e a anular outras 28.957, escreve o jornal Público. Ao todo, foram desmarcadas 51.402 diligências, frisa o matutino na sua edição desta segunda-feira, …

311 mortes e uma subida de 4% nos casos confirmados em Portugal. Recuperados quase duplicaram

O número de mortes em Portugal relacionadas com a Covid-19 ultrapassou a barreira das 300, situando-se nas 311 vítimas, mais 16 do que no domingo. O número de recuperados também cresceu para 140. Os casos …

"Uma vergonha para o país". Morte de ucraniano leva a "mudanças profundas" no funcionamento do SEF

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, disse esta segunda-feira que vai haver “mudanças profundas no modelo de funcionamento do Centro de Instalação Temporária do SEF no aeroporto de Lisboa, na sequência do caso da …

City abre processo a Kyle Walker por festa com prostitutas durante quarentena

Kyle Walker, futebolista do Manchester City, viu o clube instaurar-lhe um processo disciplinar, depois de este ter, alegadamente, quebrado a obrigação de confinamento devido à COVID-19 numa festa com prostituas. “Os futebolistas são modelos a seguir …

"Digam aos accionistas que não há nada para ninguém". Marcelo apela à Banca (ou deixa que o Governo suspenda os lucros)

O Presidente da República reúne-se, nesta segunda-feira, com os cinco maiores bancos a actuar em Portugal para apelar à sua "sensatez" para agilizarem os empréstimos às empresas e às famílias depois de terem recebido milhões …