EUA retiram-se de tratado nuclear com a Rússia. Acordo perdurava desde a Guerra Fria

Heikki Saukkomaa / Lehtikuva Handout / EPA

O Presidente dos EUA, Donald Trump, e o seu homólogo russo, Vladimir Putin

Os Estados Unidos (EUA) retiram-se esta sexta-feira, formalmente, do tratado para a não proliferação de armas nucleares de alcance intermédio, assinado com a Rússia ainda durante a Guerra Fria.

Em causa está ao tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio (conhecido pela sigla em inglês, INF), assinado em 1987 por Ronald Reagan e Mikhaïl Gorbachev. O acordo aboliu o desenvolvimento e uso de mísseis de alcance entre os 500 e os 5500 quilómetros, noticiou o Diário de Notícias (DN).

A retirada dos EUA deste acordo foi anunciada pelo Presidente norte-americano num comício, em outubro do ano passado, e reiterada no início deste ano, com a justificação de que a Rússia não estava a respeitar os termos do tratado.

Segundo o DN, em causa está a implantação, pelos russos, de um sistema de mísseis 9M729, que Washington diz ultrapassarem os 500 quilómetros, o que viola os termos do acordo de 1987.

Embora estas alegações tenham sido acompanhadas pela NATO e desmentidas por Moscovo, em fevereiro deste ano, Vladimir Putin anunciou também a suspensão do tratado pela Rússia.

“Vamos dar uma resposta simétrica [aos EUA]. Os nossos parceiros norte-americanos anunciaram que suspendem a sua participação no tratado. Pois nós também o faremos”, disse então Vladimir Putin.

Mikhail Gorbachev, que assinou o tratado em 1987 em nome da União Soviética, já veio dizer que esta decisão tornará a política internacional “imprevisível” e “caótica”.

Também o secretário-geral da ONU, António Guterres, veio apelar a que os dois países retomem negociações em torno deste tratado, que qualificou como um “freio inestimável” a uma guerra nuclear.

Afirmando que os analistas temem uma nova corrida às armas por parte da Rússia, dos EUA e a China, a BBC citou um analista militar russo, Pavel Felgenhauer, que afirma que agora que o tratado acabou, vamos ter o desenvolvimento e implantação de novas armas”. “A Rússia está pronta”, sublinhou.

Há cerca de um mês, o secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, já tinha afirmado à BBC que os mísseis russos constituem uma “clara violação” do tratado, têm capacidade nuclear, são extremamente móveis, de difícil deteção e podem atingir a Europa em minutos. “Isto é sério. O tratado INF foi uma pedra angular, durante décadas, no controlo de armas. E agora vemos o fim do tratado”, afirmou.

TP, ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Isto só volta a endiretar no mundo quando este apresentador de reality shows for corrido da Presidência e subsequentemente preso pelos crimes que cometeu. Bernie Sanders ou Tulsi Gabbard são o tipo de pessoas de que o mundo precisa. Não montes de esterco como o Trump.

    • Voce leu a noticia? Em pleno acordo, a Russia violou o mesmo criando misseis que violam o acordo. Trump apenas oficializou que se a Russia violou o acordo os Estados Unidos saíam dele.

  2. O Ámen vem a seguir pela Nato como não podia deixar de ser.
    Digam a verdade sobre este assunto:
    Então os acordos firmados em que os países que saíram da esfera da EX-União Soviética, não poderiam aderir á Nato não foram quebrados?.
    Tendo a Federação Russa bases da Nato nestes países a menos de 500 Km., não tem o direito de contrapor tal situação?
    Não é a Nato (países europeus) a primeira linha de defesa da USA?.
    Estes média que temos só servem para envenenar o Mundo, não esclarecendo os povos do que está em causa.

  3. Os russos fugiram ao cumprimento e andaram a fazer propaganda dos seus novos armamentos, portanto só uma resposta como esta poderiam esperar, a não ser que se imaginem donos disto tudo! Com tudo isto todos ficaremos a perder.

Barry Jenkins vai realizar sequela de "O Rei Leão"

O realizador e argumentista de Moonlight foi escolhido pela Walt Disney Studios para realizar a sequência do blockbuster de 2019, O Rei Leão. Ainda não há uma data de lançamento prevista para o segundo filme, mas …

"Não me sinto seguro sem uma". Venda de armas aumentou drasticamente nos EUA

Os EUA continuam a ser um dos países onde os cidadãos comuns têm mais facilidade em comprar armas de fogo. Esta é uma prática recorrente, e mais de um terço das famílias norte-americanas têm uma …

Pássaros de São Francisco aprenderam uma nova (e mais complexa) melodia durante a pandemia

Uma nova investigação científica relata que os pardais-de-coroa-branca de São Francisco, ave que vive nas zonas urbanas e rurais da cidade norte-americana, aprenderam uma nova e mais complexa melodia durante a pandemia. De acordo com …

Enorme espinha dorsal de tubarão-branco dá à costa em Massachusetts depois de uma tempestade

A espinha dorsal que se acredita pertencer a um espécime de tubarão-branco (Carcharodon carcharias) deu à costa numa praia em Massachusetts, nos Estados Unidos, depois de uma tempestade ter atingido a região. A espinha foi encontrada …

A China está a tornar-se o país com maior influência na ONU

Há dez anos, a China começou uma operação que lhe tem vindo a garantir mais influência nas Nações Unidas. Agora, o poder que possui na organização mundial protege o país asiático do escrutínio internacional. De acordo …

Uma droga pode tratar o nanismo (mas há quem defenda o "orgulho anão")

Um estudo vem agora revelar que uma droga pode tratar o nanismo. Porém, a possibilidade de haver um tratamento para esta condição clínica não é consensual. Um novo estudo, financiado pela BioMarin Pharmaceutical e publicado no …

Meghan Markle perde batalha judicial. Em causa está carta que enviou ao pai (divulgada por jornal britânico)

Depois de no passado mês de agosto, Meghan Marke vencer uma batalha judicial contra o Mail on Sunday, desta vez a Duquesa de Sussex não pode festejar mais uma vitória. A norte-americana perdeu a última …

Após acidente, robô-piloto voltou a levantar voo (e pilotou avião durante 2 horas)

O ROBOpilot, um piloto robótico não tripulado, levantou voo pela primeira vez no ano passado, mas sofreu danos durante um dos seus voos. Agora, está apto para voar novamente. No ano passado, um acidente forçou o Laboratório …

David Attenborough bateu um recorde mundial no Instagram (e destronou Jennifer Aniston)

O naturalista britânico David Attenborough destronou a atriz norte-americana Jennifer Aniston e tornou-se a pessoa a alcançar mais rapidamente um milhão de seguidores no Instagram, segundo os números do Guinness. David Attenborough, de 94 anos, …

Indonésia planeia atração turística com dragões de Komodo ao estilo de Jurassic Park

A Indonésia planeia construir uma atração ao estilo da saga Jurassic Park para que os turistas possam ver os famosos dragões de Komodo. De acordo com a revista Vice, em causa está uma proposta de …