EUA podem recuperar “normalidade relativa” na segunda metade de 2021, considera Fauci

Kevin Dietsch / EPA Pool

O principal epidemiologista da Casa Branca, Anthony Fauci, considera que os Estados Unidos poderão regressar a uma “normalidade relativa” no segundo ou terceiro trimestre de 2021. Ainda assim, avisa que isso depende de vários fatores, como a futura vacina.

“Temos de fazer com que as pessoas sejam vacinadas, pois se conseguirmos que a esmagadora maioria a receba e, por um lado, esta seja eficaz e, por outro lado, haja um alto nível de utilização, poderemos começar a fazer as coisas voltar a uma normalidade relativa à medida que entrarmos no segundo e quarto trimestres do ano”, disse Anthony Fauci, em entrevista à CNN.

Ainda assim, insistiu que terão de verificar-se uma série de fatores: “Temos uma vacina, tem de ser distribuída e não podemos abandonar medidas fundamentais de saúde pública. Pode-se alcançar-se um grau de normalidade ao mesmo tempo que se fazem coisas fundamentais para a saúde pública”.

Questionado sobre o processo de transição da administração de Donald Trump para o futuro Governo do democrata Joe Biden, Fauci opinou que o desejável é que os funcionários governamentais comecem a trabalhar o quanto antes com a equipa do antigo vice-presidente de Barack Obama (2009-2017) no que se refere à crise sanitária.

“Claro que seria melhor se pudéssemos começar a trabalhar com eles”, disse o diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas (NIAID em inglês).

“Como sabe, atravessei múltiplas transições, tendo trabalhado ao longo de 36 anos para seis presidentes. E é muito claro que o processo de transição que estamos a atravessar é realmente importante para uma passagem tranquila da informação, é como se fosse a passagem do testemunho numa corrida”, acrescentou.

Fauci advertiu ainda: “Não se quer parar e passar a alguém, essencialmente o que se deseja é continuar”.

A 7 de novembro, Biden foi declarado vencedor das eleições presidenciais segundo as projeções dos meios de comunicações social, mas o Presidente cessante, Donald Trump, não reconheceu a derrota e alegou fraude eleitoral, deixando sinais de que não facilitará uma transição pacífica do poder.

Na última semana, os Estados Unidos registou recordes diários de contágios, chegando na sexta-feira ao número inédito de 187.095 novas infeções. Apesar deste aumento dos números, Fauci afastou o cenário de um confinamento nacional, mas admitiu poder vir a ser ordenada a quarentena em lugares específicos.

“Se não conseguirmos inverter a subida (…) não vamos impor um confinamento nacional, creio que isso está muito claro, mas acho que vamos começar a agir a nível local, ou seja, com governadores, autarcas ou pessoas à escala local que terão, como você disse, restrições do tipo cirúrgico, que são o equivalente funcional a um confinamento local”, comentou.

Esta semana, a farmacêutica norte-americana Pfizer anunciou que a sua vacina contra a SARS-CoV-2 tem uma eficácia de 90%, acima do exigido pelas entidades reguladoras do país, o que permite esperar uma rápida autorização de emergência para ser posta ao serviço da população.

Conselheiros de Biden afastam novo confinamento geral

Vivek Murthy, um dos conselheiros de Joe Biden sobre a pandemia, disse que os Estados Unidos aprenderam que a melhor forma de lidar com a pandemia consiste em definir uma política “que se aumenta ou se reduz, dependendo da severidade” da situação.

Nesse sentido, “se nós confinarmos o país inteiro sem localizarmos os esforços, então estaremos a exacerbar a ‘fadiga da pandemia’ que as pessoas estão a sentir, vamos prejudicar o emprego e a economia, vamos fechar escolas e prejudicar a educação das crianças”, afirmou, em entrevista à Fox News, citada pelo Económico.

Para o conselheiro de Joe Biden, recém-eleito Presidente dos Estados Unidos, um confinamento nacional “seria uma medida de último recurso”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …

Em Inglaterra, há crianças de 16 anos que vão passar a viver em alojamentos não regulamentados

A 9 de setembro, foi aprovada uma nova lei em Inglaterra, segundo a qual as crianças com 16 e 17 anos podem ser colocadas em alojamentos não regulamentados. O sistema de acolhimento de crianças inglês está …