EUA expulsam 15 diplomatas cubanos após “ataques sónicos”

Rolando Pujol / EPA

Embaixada dos EUA em Havana, Cuba

O Departamento de Estado dos EUA anunciou, esta terça-feira, que vai expulsar 15 diplomatas cubanos, dando um prazo de sete dias para deixarem o país.

“Esta manhã, o Departamento de Estado informou o Governo de Cuba que está a ordenar a saída de 15 dos seus funcionários da sua embaixada em Washington”, disse um representante norte-americano.

A decisão não reflete uma mudança na política de laços diplomáticos, afirmou aos jornalistas um alto funcionário do Departamento de Estado. Em causa estão as falhas na proteção dos diplomatas americanos sujeitos a misteriosos “ataques sónicos” em Cuba.

Segundo o mesmo funcionário, foi dado aos diplomatas cubanos em questão um prazo de sete dias para saírem do país. O Departamento de Estado também anunciou que não serão enviados mais funcionários diplomáticos norte-americanos para Havana até que o Governo cubano consiga assegurar a sua segurança e proteção.

Na semana passada, já tinha sido noticiado que 60% dos diplomatas que ainda se encontravam na embaixada dos EUA em Havana iam ser retirados devido à onda de “ataques sónicos”.

Em setembro, o secretário de Estado Rex Tillerson confirmou que o Presidente dos EUA está a considerar fechar novamente a embaixada norte-americana em Havana. “Estamos a avaliar. (…) É um assunto muito sério, tendo em conta as lesões que alguns indivíduos sofreram. Trouxemos algumas dessas pessoas para casa. Está sob avaliação”.

Os diplomatas afirmaram que sentiram sintomas como náuseas, perda de audição, dores de cabeça e problemas de equilíbrio. A CBS, que disse ter tido acesso a relatórios médicos destes casos, apurou que o ataque sónico pode ter provocado danos cerebrais em alguns diplomatas.

Segundo a imprensa norte-americana, os “rumores” são de que a perda de audição pode ter sido provocada por um aparelho de ondas sónicas plantado à entrada das casas dos diplomatas, que emitiu ondas de som inaudíveis que podem causar surdez.

Os dois países reabriram embaixadas em 2015, depois de quase meio século de relações cortadas, numa tentativa de reaproximação iniciada por Barack Obama.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Sabendo agora que os supostos ataques sónicos foram produzidos por grilos, esta expulsão de diplomatas mostra o quão ridículos nos tornamos quando nos deixamos levar por “teorias da conspiração” perante aquilo que desconhecemos. Felizmente há Ciência e o esclarecimento é possível!

RESPONDER

Uber cobrou 100 vezes mais a passageiros nos Estados Unidos

Vários passageiros da Uber nos Estados Unidos denunciaram que a empresa lhes cobrou 100 vezes mais do que o preço inicialmente apresentado na aplicação, noticia a BBC. A Uber já reagiu, dizendo que o problema …

Barbie alia-se à ESA para mostrar que as mulheres também podem ser astronautas

A Barbie e a Agência Espacial Europeia (ESA) deram as mãos para incentivar as crianças a tornarem-se na próxima geração de astronautas, engenheiras e cientistas espaciais, realçando as conquistas da única astronauta viva da Europa, …

Filho de Júlio Iglesias e portuguesa querem a sua parte da herança, que pode chegar aos 30 milhões

Agora que foi reconhecido, pelo tribunal, como filho de Júlio Iglesias, Javier Sánchez quer ter direito à sua parte da herança - 30 milhões de euros - e a uma indemnização por danos morais. Segundo divulgou …

Na terceira semana de julho contam-se cisnes no rio Tamisa (e é um assunto real)

Há vários séculos que contar cisnes no rio Tamisa é um assunto sério e real. Swan upping é o nome desta tradição que conta com a participação da coroa britânica. A tradição manda: na terceira semana …

Ciborgues vão dominar a Terra até ao final do século XXI, diz cientista

A ideia de que as máquinas com inteligência artificial irão coexistir, dominar ou até mesmo destruir a humanidade tem ganho destaque na ficção científica. Esta ideia está presente e tem ganho grande popularidade como, por exemplo, …

Concorrência acusa associações de anunciantes e de agências de publicidade de violarem regras de mercado

A Autoridade da Concorrência (AdC) acusou a Associação Portuguesa de Anunciantes (APAN) e a Associação Portuguesa de Agências de Publicidade, Comunicação e Marketing (APAP) "de limitarem o normal funcionamento do mercado ao estipularem uma regra …

Vídeo raro mostra últimos índios isolados da Amazónia para evitar um genocídio

Imagens da tribo isolada Awá, que não mantém contacto com o exterior e que está ameaçada pelo avanço dos madeireiros, na Amazónia, foram divulgadas pela organização não-governamental (ONG) Survival International como uma forma de alerta …

KLM citou estudo sobre lugares onde é mais provável sobreviver

Citando um estudo da Time, a companhia aérea KLM escreveu que "a taxa de mortalidade para os assentos no meio do avião é maior" e foi muito criticada. Após a polémica recente em que a tripulação …

Elefantes são os nossos aliados na luta contra as alterações climáticas

Os elefantes-da-floresta desempenham um papel importantíssimo na luta contra as alterações climáticas, nomeadamente no armazenamento de carbono. No entanto, a espécie está em vias de extinção. Isto de acordo com um novo estudo publicado esta segunda-feira …

Há uma nova pista no misterioso caso do desaparecimento de Emanuela Orlandi

Foram encontradas ossadas de dezenas de pessoas numa cripta junto aos túmulos abertos no Vaticano em busca de Emanuela, mas estes ossários deviam estar vazios. Foram encontrados milhares de ossos numa cripta que se pensava estar …