“Não reconheço este homem.” Testemunha-chave do caso Maddie afasta Brückner como suspeito

Official Find Madeleine Campaign

Maddie McCann desapareceu há 12 anos

Uma testemunha-chave, que alega ter visto Maddie ao colo de um indivíduo na noite de 3 de maio de 2007, garante que não reconhece o suspeito alemão, Christian Brückner.

Uma das testemunhas-chave da Operação Grange, levada a cabo pela polícia britânica e que investiga o desaparecimento de Madeleine McCann, garante que Christian Brückner, o novo suspeito no caso da criança desaparecida na Praia da Luz, não é o homem que viu na noite do desaparecimento da menina.

Na altura, de acordo com o Correio da Manhã, o empresário irlandês Martin Smith, de férias no Algarve, garantiu às autoridades ter visto um indivíduo a passar numa rua ao lado do Ocean Club com uma menina ao colo. A criança, de pijama, parecia estar a dormir.

As características do suspeito foram descritas por Martin Smith e o retrato robô resultante circulou por todo o mundo. Agora, o empresário irlandês garante que o suspeito que viu com a menina ao colo não era Christian Brückner.

No seu depoimento sobre a noite do dia 3 de maio de 2007, o irlandês conta que viu um homem alto e moreno, com entre 1,70 e 1,80 metros de altura, com uma criança de pijama cor de rosa ao colo, a 150 metros do Ocean Club.

“Foram-me mostradas as fotografias divulgadas, mas tudo o que me recordo é o que está no depoimento à polícia. Não há nada que possa acrescentar sobre isso, já foi há 13 anos. Mas sei que não reconheço este homem [Christian Brückner]. Não é ele o homem que vi”, disse Martin em entrevista à imprensa inglesa, citada pelo The Sun.

O irlandês explicou ainda que, desde que foram reveladas as novas pistas e informações sobre o caso, nem a polícia inglesa, nem as autoridades alemãs, entraram em contacto com ele.

Podem ter sido destruídas provas de alegados crimes de Brückner

De acordo com o programa Sexta às 9, da RTP, podem ter sido destruídas as provas de dezenas de alegados crimes cometidos pelo principal suspeito do desaparecimento de Madeleine Mccann, em Portugal.

A vizinha de Christian Brückner na Praia da Luz, no Algarve, garantiu, numa entrevista exclusiva à RTP, ter deitado ao lixo dezenas de computadores e telemóveis que encontrou no interior da casa em 2006, numa altura em que o proprietário julgou que tinha desaparecido. Brückner estava preso por furto em Portimão.

“Estava uma confusão enorme. Vários computadores virados no chão, roupa suja, cobertores… Tivermos que deitar tudo fora.” Segundo a vizinha do suspeito alemão, dentro da habitação, estariam ainda vídeos das violações que Brückner tinha cometido.

Ao colega de cela na prisão de Portimão, o suspeito alemão contou uma versão diferente. Jon Clarke, o único jornalista que conseguiu entrevistar o colega de cela, conta que “Christian telefonou a um amigo para esvaziar a casa que ele tinha alugado na Praia da Luz”, tudo para “parecer um assalto”.

“Ele estava muito preocupado porque tinha coisas na casa que tinham de ser tiradas rapidamente. Telefonou a um amigo alemão que, segundo o Mischa, levou outro amigo alemão à casa e levou dinheiro, passaportes, e, muito importante, uma câmara de vídeo e alguns relógios”, contou o editor do Olive Press à RTP.

Madeleine McCann desapareceu poucos dias antes de fazer 4 anos, a 3 de maio de 2007, do quarto onde dormia juntamente com os dois irmãos gémeos, mais novos, num apartamento de um aldeamento turístico, na Praia da Luz, no Algarve.

A polícia britânica começou por formar uma equipa em 2011 para rever toda a informação disponível, abrindo um inquérito formal no ano seguinte, tendo até agora despendido perto de 12 milhões de libras, cerca de 14 milhões de euros.

A Polícia Judiciária portuguesa reabriu a investigação em 2013, depois de o caso ter sido arquivado pela Procuradoria-Geral da República em 2008, ilibando os três arguidos, os pais de Madeleine e um outro britânico, Robert Murat.

ZAP //

PARTILHAR

23 COMENTÁRIOS

  1. Que tal começarem a ter balls e prenderem o paizinho e a mãezinha, apertarem com ele e ela … e fecharem depois o raio do processo …. em nome da pobre menina ?!!! Que tal terem tomates ?

  2. Basta agora esperar pela judiciaria da Sri-Lanka (ou outro pais qualquer) com mais provas duvidosas ou seja apareceu a policia alemã para branquear o conto do vigário. Se for a Scotland Yard, ninguém ia acreditar que não seria um favorzinho aos pais. Seja como fôr, crianças tem o direito absoluto de protecção dos progenitores e qualquer coisa que acontecer assim nestas circunstâncias com um bebé ou criança é da responsabilidade dos pais. Voto no Gonçalo !

  3. Para ser responsável , pelo desaparecimento , ainda não é desta vez !! Como já ouvi, em qualquer lado o
    raptor ???? tem de estar morto !!! Já que , outros possíveis indicados como sendo os raptores , quando os
    procuraram , chegaram , a conclusão que tinham falecido !!!! Pasme-se , o caminho que as policias que tem
    seguido o caso , chegam a vários possíveis responsáveis , mas já estão falecidos !!
    Um pedófilo preso por roubo e violação de idosa , não será o mais procurado mas é o que se arranja !!
    Agora com a afirmação de alguém que terá visto, a criança ao colo dum adulto , parecido com ….., a policia fica sem criminoso ??? ou não considera este testemunho ou acaba por arranjar alguém , com que interesse , que acaba por garantir que foi o actual preso !!!
    Depois das mentiras , das provas apresentadas pelos alemães , tudo pode acontecer !!!!
    Cuidem-se, continuo a espera de saber porque os pais não foram presos ???porque a falta da reconstituição???

  4. Os pais da criança desaparecida são, supostamente, os principais interessados em saber realmente o que se passou e encontrar a criança viva ou morta.
    Assim sendo porque não colaboram activa e seriamente com a Polícia Portuguesa aceitando fazer, nomeadamente, a reconstituição do que se passou naquele fatidico dia?
    Porque razão até hohe não foram falar com os Irlandeses que afirmam ter visto o raptor com a menina?
    Que comportamento estranho…!!! (ou não)

    • Eles fizeram pior: ameaçaram processar o irlandês quando este disse que o suspeito que viu com uma menina ao colo era parecido com o pai da Maddie!!

    • Colaborar com a polícia portuguesa? Porque raios haveriam de fazer isso? Para levar “porrada”? Vá-se curar homem!

      • “Colaborar com a polícia portuguesa? Porque raios haveriam de fazer isso?”
        Hahahaaaa…. coitadinhos!….
        Onde é que já se viu alguém, a quem desaparece uma filha, colaborar com a polícia local??
        Nunca na vida!…
        Quando uma filha desaparece misteriosamente, em vez de colaborar com a polícia, o normal é ir a correr para as TV’s com teorias e “fugir” com os amigos para o país de origem (sem fazer os mínimos para tentar esclarecer o que se passou)!…

  5. Antes de julgar e condenar alguem é preciso provas! Acusar os pais da Maddie não é decente, eles podem ter falhado em deixar as crianças dormindo sozinhas mais isso não dá o direito a ninguem em acusá-los pelo que tenha acontecido a menina. O casal apresenta semblante de sofrimento e angustia, vamos ser imparciais e aguardar o desfecho atraves do trabalho das policias!

    • Quem acusou??
      E de quê?
      Há provas (ou sequer o mínimo indício) de que este (animal) alemão tenha estado alguma vez na vida naquele apartamento – ou sequer perto da Maddie?!
      É que a foto dele já correu o mundo…

  6. Vi e ouvi a entrevista dada a Gonçalo Amaral, na CMTV. Foi por acaso ao mudar de canais, pois não é um canal ao qual que pessoalmente adiro. Efectivamente dá que pensar !.. desde o comportamento dos Pais face as Autoridades Portuguesas a intromissão da policia Inglesa no decorrer da investigação. Muitos factos por explicar por parte dos MacCann e de supostas testemunhas.

  7. Eles fizeram pior: ameaçaram processar o irlandês quando este disse que o suspeito que viu com uma menina ao colo era parecido com o pai da Maddie!!

  8. A nossa polícia judiciária é uma anedota, não têm provas mas têm o “feeling” que os pais são culpados, então só podem ser. Que raio de pensamento troglodita.

    • Uma autêntica anedota é a tua capacidade intelectual… pelos bitaites completamente ao lado, nota-se que és tão “Esclarecido” como és inteligente!…
      Já agora, culpados de quê?
      A PJ NUNCA teve o “feeling” de que os pais são CULPADOS (mais uma vez, culpados de quê?) – tem (tinha, na altura) o “feeling” de que os pais são SUSPEITOS!!
      E, com os factos conhecidos, é difícil alguém com dois dedos de testa não achar os pais suspeitos – bem mais suspeitos do que este alemão – cujos indícios de que alguma vez tenha estado naquele apartamento são ZERO!!

  9. A Scotland Yard deve ter ordens muito superiores para não incomodar minimamente o casal Mccann e o grupo de amigos que estiveram no algarve à data dos acontecimentos. Numa investigação criminal, todas as possibilidades devem ser colocadas em cima da mesa. Ora, pelo visto, para esta polícia, só existe a possibilidade do rapto. Todas estas pessoas devem ser interrogadas de forma séria para afastar suspeições ou não. Esta polícia británica é considerada uma das melhores do mundo, mas neste caso concreto, mais parece ser do terceiro mundo e está a manchar a sua imagem. Logo, só posso concluir que está a ser pressionada para seguir numa só direção, que é a tese do rapto. Só não vê o óbvio quem não quer.

    • Já para não falar nos milhões que a polícia britânica derreteu para obter ZERO resultados!…Nem do papel do porta-voz dos pais da Maddie, vindo directamente do governo britânico… um autêntico relações públicas do casal – especialista em pressionar organismos britânicos ao mais alto nível e em espalhar notícias falsas (tese do rapto pro-Mccanns) nas TV’s e jornais britânicos…

RESPONDER

Em 33 anos, Amazónia perdeu 72,4 milhões de hectares de floresta. O equivalente ao território do Chile

A floresta amazónica, presente em nove países da América do Sul, perdeu 72,4 milhões de hectares de cobertura vegetal entre 1985 e 2018, uma área equivalente ao território do Chile, segundo dados divulgados na quinta-feira …

Decisão do Reino Unido é "absurda", "errada" e "desapontante"

O chefe da diplomacia portuguesa considerou hoje a decisão do Reino Unido de excluir Portugal dos “corredores de viagem internacionais” como um “absurdo”, “errada” e que causa “muito desapontamento”, trazendo ainda graves consequências económicas e …

"Peixe racista". Estátua da Pequena Sereia novamente vandalizada

A icónica estátua da "Pequena Sereia" em Copenhaga, um dos monumentos mais famosos da Dinamarca, foi novamente vandalizada, ao ter sido pintada com uma frase antirracismo, divulgou hoje a polícia dinamarquesa. “A Pequena Sereia foi vandalizada …

Itália admite segunda vaga e defende restrições a viagens

Itália abriu esta terça-feira fronteiras aos viajantes de países que não integram o espaço europeu de livre circulação Schengen, mas com restrições. O ministro da Saúde de Itália afirmou, esta quinta-feira, não poder afastar uma segunda …

Menos férias e mais dias de aulas para quem não tem exames no próximo ano letivo

O próximo ano letivo vai ter menos dias de férias e mais dias de aulas para os alunos que não tenham exames. Os alunos terão aulas presenciais e aulas à distância. O ministro da Educação, Tiago …

FC Porto revela camisola para a próxima época (e as opiniões dividem-se)

O FC Porto revelou a camisola oficial do clube para a próxima temporada. Pelas redes sociais, as opiniões dividem-se, havendo quem não esteja satisfeito com a mudança. Os adeptos portistas acordaram esta sexta-feira com a imagem …

Veto da Índia ao TikTok pode custar mais de 5 mil milhões de euros à ByteDance

O executivo indiano anunciou o bloqueio de 59 aplicações móveis chinesas, assegurando que as aplicações roubam dados dos utilizadores e partilham informações com o governo chinês. O grupo chinês de tecnologia ByteDance, que desenvolveu o TikTok, …

Covid-19. “Exemplo de Portugal mostra muito claramente como a situação é frágil”

A comissária europeia da Saúde, Stella Kyriakides, considerou que a situação pandémica é ainda "frágil", dando o exemplo da evolução da covid-19 em Portugal para sustentar que é necessário continuarmos vigilantes. “Penso que o exemplo de …

Catarina Martins diz que há neste momento um acordo entre PS e PSD

A líder do BE, Catarina Martins, considerou hoje que "o Orçamento Suplementar não é uma primeira parte do Orçamento do Estado", mas avisou que o que está a acontecer neste momento no país "é um …

Quase 40% dos restaurantes tenciona avançar para insolvência

Quase 40% das empresas de restauração e bebidas e 18% do alojamento turístico tencionam avançar para insolvência. Os números são resultado de um inquérito mensal da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) esta …