Estado Islâmico pode abandonar Síria por falta de armas

Vários grupos do Estado Islâmico estão dispostos a deixar as suas zonas de operação na Síria por falta de munições e armas, avança o porta-voz do Ministério da Defesa russo.

“De acordo com as comunicações intercetadas pelos comandantes nas províncias de Hama e Homs, os rebeldes estão a sofrer uma grave escassez de munições para as armas de fogo e lança-granadas”, disse o general Igor Konashenkov, citado pela Sputnik.

Segundo o porta-voz russo, alguns relatos provenientes de altos cargos do grupo terrorista indicam que “se não houver munições num futuro próximo, vão retirar-se da zona de guerra“.

De acordo com Konashenkov, os drones russos monitorizam os movimentos dos jihadistas para depois conseguirem proceder aos ataques aéreos.

No final de setembro, depois de um pedido do presidente Bashar al-Assad, aeronaves da Força Aérea russa começaram a atacar os grupos do Estado Islâmico instalados na Síria.

Na altura, Vladimir Putin justificou esta decisão, afirmando tratar-se da melhor forma de ganhar rapidez para atacar os terroristas em locais sob o seu controlo antes de conseguirem chegar a outros países.

“O único meio de lutar eficazmente contra o terrorismo internacional – na Síria e nos territórios vizinhos – é ganhar velocidade, lutar e destruir os combatentes e os terroristas nos territórios que controlam e não esperar que cheguem aos nossos”, declarou.

A estes bombardeamentos juntaram-se os navios da Armada russa, instalados no Mar Cáspio, que também lançaram mísseis contra o território controlado pelos jihadistas.

ZAP / RT

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. A Europa perdeu o “pio”! Afinal, não queriam o fim do Estado Islâmico. Só queriam derrubar o governo Sírio!! Palhaços!!

    • Qual é o espanto?
      Sim, queriam (querem!) derrubar o governo sírio; para isso, a Europa (principalmente o Reino Unido) e os EUA, até financiaram o EI para este combater o governo sírio – o que deu o resultado que todos conhecemos!!
      Os americanos não aprecem nada com os erros e fizerem precisamente o mesmo que tinham feito décadas antes no Afeganistão aos financiar os taliban’s!!
      Enfim…
      O que é importante saber é que a Síria tem reservas de petróleo e gás e que os russos tem um contrato com de exploração petrolífera com Assad por 25 anos!!
      Não era difícil prever que, naturalmente, as coisas dariam para o torto, mas os super-mega analistas da NATO, etc, não conseguiram antecipar isso!..
      Mais um excelente trabalho, portanto!…

  2. Peçam armas aos russos, hahahahaha! andam á rasca, os russos tratam-lhes da saúde, nem os deixam fugir, lá se vai o ideal da formação de um estado islâmico, cambada de estêrco,…….força Russia, carrega!!!!!!!!!

  3. É isso mesmo! está bem claro, que os EUA, não estão interessados que o conflito na síria acabe e nos outros países. Pois vai-se alimentando disso. Assim, apoio plenamente esses russos. Força Putin.

  4. Mas que grande confusão vai nas notícias e nos comentários! Mas afinal os rebeldes vão deixar o conflito na Síria? Mas os rebeldes na Síria são a população que luta contra o regime de Assad!!
    O ISIS é uma organização terrorista que está a tentar estabelecer um novo país árabe que querem prolongar até à Europa, terroristas financiados pelos países ricos árabes e talvez até Russia e Estados Unidos! O ISIS está a ser alimentado pelos países produtores de armas, numa guerra por tentar controlar mais um país rico em energia!
    Convém esclarecer bem o que é uma coisa e outra.
    Rebeldes na Síria – população que se organizou para derrubar o ditador.
    Isis- organização terrorista, chamada também de rebeldes pelos países da zona, financiada por organizações obscuras e com muito dinheiro e armas, para derrubar presidentes e países com vista a guerra de poder e de terreno na ásia e europa para interferir na economia mundial e no poder por fontes de energia da região!

  5. Como é que é possível que a Rússia em duas semanas tivesse obtido mais resultados contra o Estado Islâmico que a pomposa coligação de vaidosos da NATO? Deve ser porque o que pretendem fazer da Síria é o mesmo que fizeram do Iraque e da Líbia, ou seja, rebentaram com dois Estados ditatoriais mas organizados a pretexto da democracia, causaram milhões de mortos e deslocados, por menos que isso houve muitos condenados e enforcados no tribunal de Nuremberga no final da 2ª Guerra. E agora, alguém vai ser condenado? É triste ter de dizer: Faça Putin, mostra-lhes como é!

RESPONDER

Prosecco ou prošek? A batalha da UE entre Itália e Croácia por causa de vinho

Prosecco é provavelmente o vinho italiano mais famoso, mas por trás da efervescência deste néctar, a Itália está numa grande disputa sobre se a Croácia pode vender um vinho de sobremesa com o nome de …

China vai limitar abortos. E nada tem a ver com saúde

A China vai reduzir o número de abortos realizados por motivos que não estejam relacionados com a saúde, anunciou o governo esta segunda-feira, avançando que serão também criadas medidas para evitar a gravidez indesejada. As autoridades …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: SL7, arte e paciência

Líder soma e segue. Leões e dragões vencem à justa. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. Líder reina no castelo Vitória SC 1 (Bruno Duarte 78', g.p.) – SL Benfica …

"Atropelamento e fuga." Terra e Vénus cresceram como planetas rebeldes

Planetas como a Terra e Vénus, que residem dentro de Sistemas Solares, são fruto de repetidas colisões. Esta conclusão desafia os modelos convencionais sobre a formação de planetas. Investigadores do Laboratório Lunar e Planetário (LPL) da …

A origem do "Gigante de Segorbe" pode finalmente ter sido esclarecida

Um novo estudo revela que a origem do "Gigante de Segorbe" pode ser bastante mais complexa daquilo que se pensava. O "Gigante de Segorbe", como é conhecido, foi um indivíduo encontrado por arqueólogos numa necrópole islâmica …

Instagram suspende planos de uma versão da aplicação para crianças

Para já, a empresa ainda não fez se se trata de um abandono temporário ou definitivo. Tempestade mediática em torno da influência das redes sociais na saúde mental dos jovens, sobretudo raparigas, pode ter influenciado …

Com todos os votos contados, PS vence com pior resultado que em 2013 e PSD conquista 113 câmaras

PS continua a ser o partido com mais representação autárquica em Portugal, apesar de cair para números anteriores à liderança de António Costa. PSD recupera das hecatombes de 2013 e 2017. Quase 24 horas depois após …

Presidente sul-coreano admite proibir consumo de carne de cão

O Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, admitiu, esta segunda-feira, a possibilidade de proibir o consumo de carne de cão, costume que se tornou "uma vergonha internacional", segundo fonte do seu gabinete. "Não terá chegado …

Pelo menos 24 países criaram novas leis para controlar o conteúdo na Internet, revela relatório

Autoridades de pelo menos 24 países, incluindo os Estados Unidos (EUA), estabeleceram novas regras que determinam o tratamento dos conteúdos por parte das plataformas 'online', concluiu um relatório da Freedom House. No seu relatório anual, intitulado …

Exames nacionais e provas de aferição deverão “retomar a normalidade” este ano

Depois de dois anos letivos condicionados pela pandemia da covid-19, o Governo está apostado em retomar, entre outras formas de avaliação, a obrigatoriedade de exames nacionais nas disciplinas de conclusão do ensino secundário. Os exames nacionais …