Cientistas alertam para epidemia incurável que pode alastrar na Terra em breve

Um fungo resistente aos medicamentos pode em breve vir a provocar uma epidemia devastadora para os humanos, animais e plantas.

A informação é de um estudo realizado pelos cientistas do Imperial College London e da Universidade de Exeter, no Reino Unido, e publicado na revista científica Science esta sexta-feira.

Segundo os cientistas, em breve os fungos podem se transformar em algo semelhante às “superbactérias” resistentes aos antibióticos e ganhar “imunidade” aos agentes antifúngicos que são usados de maneira intensa na medicina e agricultura, descreve o portal Science.

Os autores do estudo sublinham que o perigo é menosprezado, mas em breve a situação pode se agravar.

Os agentes antifúngicos matam apenas os fungos mais fracos, mas os mais fortes sobrevivem e evoluem, tornando-se resistentes aos agentes antifúngicos. Os cientistas apelam ao desenvolvimento de medicamentos que possam fazer frente a esta ameaça.

Além disso, os cientistas sublinham que as infeções fúngicas causam mais mortes do que o cancro da mama ou do que a malária. Segundo os investigadores, a mortalidade por doenças provocadas por fungos pode ser comparada com a tuberculose ou com a SIDA.

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Estes “cientistas” pensam que as pessoas que não possuem conhecimentos académicos superiores (em qualquer área da ciência), são uma cambada de estúpidos, analfabetos, fáceis de assimilarem as doutrinas que proclamam e manobrarem as inteligências de cada um a seu bel-prazer. Ora, não pertencendo à seita que em tudo vê desgraças, pergunto-me – na minha santa ignorância científica -, como é que eles sabem a devastação que esta epidemia pode provocar se não conhecem esses fungos, embora tenham bases científicas sobre os que actualmente existem?
    Bom… quem fabrica/produz qualquer coisa que pode provocar epidemias, sabe o nível de devastação resultante dessa aplicação! E existe quem saiba que laboratórios criam vírus que servem para MATAR, quando associados a certo tipo de armas…
    Não pensem é que as pessoas são estúpidas por natureza e vocês, “cientistas”, têm um cérebro extra-terrestre que funciona por energia atómica…
    E já fabricaram também o antídoto para esses super-fungos que criaram em laboratório? Porque senão, morrem como os que os forem atingidos pela epidemia e depois lá se vão os cabeças de abóbora para o galheiro e não podem produzir mais super-fungos…

    • O artigo científico em questão tem as respostas às suas questões. No entanto é mais fácil escrever parvoíces da teoria da conspiração do que ler um artigo científico. Além de dar algum trabalho, ler um artigo científico requer que uma pessoa não seja estúpida e analfabeta, como bem refere. Mais, ler um artigo científico requer por vezes alguns conhecimentos académicos superiores da área específica (pois ninguém é especialista em todas as áreas). Se calhar o seu problema é esse. Quando não sabemos o suficiente sobre um assunto, o melhor é não mandarmos bitaites.
      Cumprimentos.

    • Ó Xico… como é que te hei de explicar isto?… bem, já sei… não tens uma pilinha? Então brinca com ela e não te metas nisto que exige um pouco mais de elevação intelectual.

    • Ainda não li o artigo cientifico, mas….e não vou dizer que é fácil, mas é possível prever, com alguma analise estatística, a “capacidade” mortífera de um virus, uma bactéria, ou um fungo. Sr Francisco, já comeu míscaros? Ou seja já comeu fungos? E por acaso sabe, que até do conhecimento comum, que alguns são “venenosos”, não sabe? Então imagine, e aqui é apenas da imaginação, que um fungo mais pequeno “quase invisivel” pudesse circular nas plantas, ate comestiveis… O que seria né? Para mim o que escrevi é uma hipotese normal, coisas da natureza, mas para si, presumo que é gasolina para mais uma teoria…

  2. “mais fortes sobrevivem e ? evoluem, tornando-se resistentes aos agentes antifúngicos.”
    Quem assim escreve só demonstra ignorância em biologia.
    Quanto aos Fungos, a evolução indesejada pelos humanos apenas a Estes se deve. Agora aguentem as consequência, sem remédio.

  3. Trumpes pqeninos foi otma kkk #masfalãdosério meu, axo q to c ese supfungo aê. Qero largà td p ser cobaia. My vida n vale la esas coisa n, + prefiro prestà ao- p iso. Comé q faço p eses “caras” me dà atençao? #naguentomais

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …