Cientistas alertam para epidemia incurável que pode alastrar na Terra em breve

Um fungo resistente aos medicamentos pode em breve vir a provocar uma epidemia devastadora para os humanos, animais e plantas.

A informação é de um estudo realizado pelos cientistas do Imperial College London e da Universidade de Exeter, no Reino Unido, e publicado na revista científica Science esta sexta-feira.

Segundo os cientistas, em breve os fungos podem se transformar em algo semelhante às “superbactérias” resistentes aos antibióticos e ganhar “imunidade” aos agentes antifúngicos que são usados de maneira intensa na medicina e agricultura, descreve o portal Science.

Os autores do estudo sublinham que o perigo é menosprezado, mas em breve a situação pode se agravar.

Os agentes antifúngicos matam apenas os fungos mais fracos, mas os mais fortes sobrevivem e evoluem, tornando-se resistentes aos agentes antifúngicos. Os cientistas apelam ao desenvolvimento de medicamentos que possam fazer frente a esta ameaça.

Além disso, os cientistas sublinham que as infeções fúngicas causam mais mortes do que o cancro da mama ou do que a malária. Segundo os investigadores, a mortalidade por doenças provocadas por fungos pode ser comparada com a tuberculose ou com a SIDA.

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Estes “cientistas” pensam que as pessoas que não possuem conhecimentos académicos superiores (em qualquer área da ciência), são uma cambada de estúpidos, analfabetos, fáceis de assimilarem as doutrinas que proclamam e manobrarem as inteligências de cada um a seu bel-prazer. Ora, não pertencendo à seita que em tudo vê desgraças, pergunto-me – na minha santa ignorância científica -, como é que eles sabem a devastação que esta epidemia pode provocar se não conhecem esses fungos, embora tenham bases científicas sobre os que actualmente existem?
    Bom… quem fabrica/produz qualquer coisa que pode provocar epidemias, sabe o nível de devastação resultante dessa aplicação! E existe quem saiba que laboratórios criam vírus que servem para MATAR, quando associados a certo tipo de armas…
    Não pensem é que as pessoas são estúpidas por natureza e vocês, “cientistas”, têm um cérebro extra-terrestre que funciona por energia atómica…
    E já fabricaram também o antídoto para esses super-fungos que criaram em laboratório? Porque senão, morrem como os que os forem atingidos pela epidemia e depois lá se vão os cabeças de abóbora para o galheiro e não podem produzir mais super-fungos…

    • O artigo científico em questão tem as respostas às suas questões. No entanto é mais fácil escrever parvoíces da teoria da conspiração do que ler um artigo científico. Além de dar algum trabalho, ler um artigo científico requer que uma pessoa não seja estúpida e analfabeta, como bem refere. Mais, ler um artigo científico requer por vezes alguns conhecimentos académicos superiores da área específica (pois ninguém é especialista em todas as áreas). Se calhar o seu problema é esse. Quando não sabemos o suficiente sobre um assunto, o melhor é não mandarmos bitaites.
      Cumprimentos.

    • Ó Xico… como é que te hei de explicar isto?… bem, já sei… não tens uma pilinha? Então brinca com ela e não te metas nisto que exige um pouco mais de elevação intelectual.

    • Ainda não li o artigo cientifico, mas….e não vou dizer que é fácil, mas é possível prever, com alguma analise estatística, a “capacidade” mortífera de um virus, uma bactéria, ou um fungo. Sr Francisco, já comeu míscaros? Ou seja já comeu fungos? E por acaso sabe, que até do conhecimento comum, que alguns são “venenosos”, não sabe? Então imagine, e aqui é apenas da imaginação, que um fungo mais pequeno “quase invisivel” pudesse circular nas plantas, ate comestiveis… O que seria né? Para mim o que escrevi é uma hipotese normal, coisas da natureza, mas para si, presumo que é gasolina para mais uma teoria…

  2. “mais fortes sobrevivem e ? evoluem, tornando-se resistentes aos agentes antifúngicos.”
    Quem assim escreve só demonstra ignorância em biologia.
    Quanto aos Fungos, a evolução indesejada pelos humanos apenas a Estes se deve. Agora aguentem as consequência, sem remédio.

  3. Trumpes pqeninos foi otma kkk #masfalãdosério meu, axo q to c ese supfungo aê. Qero largà td p ser cobaia. My vida n vale la esas coisa n, + prefiro prestà ao- p iso. Comé q faço p eses “caras” me dà atençao? #naguentomais

RESPONDER

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …

Afastado desde a noite eleitoral, Rui Rio volta para lançar suspeitas sobre a RTP

Afastado dos holofotes desde a noite eleitoral e sem dizer se se vai recandidatar à liderança do PSD, Rui Rio recorreu ao Twitter para comentar as suas suspeitas sobre a RTP. O líder social-democrata recorreu às …