Enfermeiros já arrecadaram online mais 400 mil euros para sustentar nova greve

Rodrigo Antunes / Lusa

A recolha de fundos online para financiamento da “greve cirúrgica” dos enfermeiros, com início previsto para segunda-feira, ultrapassou hoje os 400 mil euros, a meta pretendida.

Um movimento de enfermeiros lançou uma nova recolha de dinheiro numa plataforma online para ajudar a financiar os colegas durante a próxima paralisação, marcada para esta segunda-feira. Às 11 horas deste sábado, o valor recolhido estava nos 400.777 euros. Para a nova paralisação, a recolha decorre até segunda-feira.

A greve convocada para segunda-feira segue o modelo da que já ocorreu entre 22 de novembro e 31 de dezembro, altura em que um movimento de enfermeiros lançou uma recolha de dinheiro numa plataforma online para ajudar a financiar os colegas durante a paralisação. Na ocasião, a recolha de fundos atingiu 360 mil euros.

O financiamento colaborativo, ou crowdfunding, permite o financiamento de entidades, nomeadamente pessoas coletiva, das suas atividades e projetos, através do seu registo em plataformas eletrónicas acessíveis na Internet, com o objetivo de angariar investimento proveniente de investidores individuais.

O crowdfunding é regulado pelo Regime Jurídico do Financiamento Colaborativo, previsto na Lei 102/2015, de 24 de agosto, com as alterações introduzidas pela Lei nº 3/2018, de 09 de fevereiro.

Existem várias modalidades de financiamento colaborativo: donativo, recompensa, capital e empréstimo, sendo que os enfermeiros recorreram ao financiamento colaborativo através de donativo, sem entrega de contrapartida pecuniária.

Na sexta-feira a Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros, ASPE, disse à Lusa que os sindicatos de enfermeiros mantêm a “greve cirúrgica” com início previsto para segunda-feira, mas admitem suspendê-la se o Governo confirmar antes do arranque da paralisação uma nova reunião negocial a 17 de janeiro.

“Neste momento, nós comprometemo-nos a suspender a greve caso nos seja confirmada a reunião de dia 17 com os dois ministérios, Saúde e Finanças, e com esta mesa negocial para tentarmos de facto chegarmos a um compromisso”, disse Lúcia Leite, dirigente da ASPE, à Lusa.

Nesta segunda greve cirúrgica dos enfermeiros, a decorrer entre 14 de janeiro e 28 de fevereiro, a paralisação poderá afetar blocos cirúrgicos de sete centros hospitalares: os dois centros do Porto, Braga, Vila Nova de Gaia/Espinho, Entre Douro e Vouga, Tondela/Viseu e Garcia de Orta.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Hotel no Peru vai ser demolido porque destruiu muro da época Inca

A justiça peruana determinou a demolição de um hotel da rede Sheraton que estava em construção em Cusco, por ter destruído, durante as obras, muros incas de 500 anos numa região considerada Património Cultural da …

No Museu do Louvre, os guias turísticos vão ser refugiados sírios e iraquianos

O Museu do Louvre, em Paris, vai treinar refugiados sírios e iraquianos como guias turísticos para os visitantes que solicitam um tour em árabe. Para os refugiados e requerentes de asilo, é agora gratuito entrar no …

Casal inglês tem um bebé com 17 meses (mas recusa-se a dizer se é menino ou menina)

Há casais que não querem saber o sexo do filho antes do momento do parto. Mas para um casal inglês, o parto da criança não acabou com o mistério em relação ao género. Decididos a proteger …

Costinha obrigou Maniche a corrigir livro por causa da história da camisola rasgada

O ex-internacional português Costinha processou o amigo e ex-colega de equipa no FC Porto Maniche por causa do livro "MANICHE 18, As Histórias (ainda) não contadas". Nele, Maniche conta que foi Costinha quem rasgou a …

Coimbra não foi a única a eliminar a carne de vaca. Universidade de Cambridge foi a primeira

A Universidade de Cambridge, no Reino Unido, foi a primeira a dar passos no sentido de eliminar a carne de vaca dentro da instituição e já conseguiu reduzir a sua pegada de carbono em um …

Depois do 4-2-4 contra Costa, Rio muda a táctica para conquistar indecisos

A prestação de Rui Rio nos debates televisivos, nomeadamente contra António Costa, correu muito melhor do que se esperava no seio do PSD. O presidente social-democrata jogou ao ataque, "em 4-2-4" contra o líder do …

Jogadores do Porto irritados com fúrias de Sérgio Conceição

Os jogadores do FC Porto estão incomodados com os ataques de fúria do seu treinador, Sérgio Conceição, que em alguns casos já levaram a situações de humilhação pública. O caso mais mediático foi o de …

Prejuízos na TAP agravam-se e podem afastar Neeleman. Governo já procura novo comprador

A TAP apresentou prejuízos de cerca de 119 milhões de euros no primeiro semestre de 2019, um agravamento de 29 milhões relativamente a 2018. São os resultados negativos mais elevados desde a privatização da companhia …

"Deixem as vacas em paz!" Marcado mega churrasco de protesto na Universidade de Coimbra

Continuam a chover críticas à Universidade de Coimbra depois da decisão de banir a carne de vaca das cantinas. Associações do sector da produção bovina apelam a que se "deixem as vacas em paz" e …

Parte do programa do PDR é (literalmente) igual ao do PSD

O programa eleitoral do PDR para as legislativas de 6 de outubro é "exactamente igual" ao programa do PSD. São parágrafos inteiros e medidas exactamente iguais, diz o Público. Os programas eleitorais do Partido Democrático Republicano, …