Embaixadas de Angola com salários em atraso (e não há dinheiro nem para papel higiénico)

Google Maps

Embaixada de Angola em Lisboa

A crise financeira em Angola está a ter repercussões preocupantes nas Embaixadas fora do país, onde se vão acumulando os salários em atraso aos funcionários e as dívidas a fornecedores. Lisboa e Paris são exemplos da crise e já há quem tenha que levar papel higiénico de casa por não haver dinheiro para o comprar.

O semanário Expresso relata que na Embaixada de Angola em Lisboa, a maioria dos 80 funcionários não recebe salário desde Março, tendo também subsídios por pagar.

Em Paris, a situação será semelhante, com ordenados em atraso há cerca de três meses, de acordo com o semanário.

E a situação não será exclusiva das Embaixada em Portugal e em França, verificando-se na “generalidade das missões diplomáticas angolanas, especialmente na Europa”, conforme apurou o Expresso que fala de um caso “muito preocupante”.

Além de estar a afectar a vida dos funcionários, a falta de dinheiro não permite às Embaixadas “pagar aos prestadores de serviços e as dívidas vão-se acumulando todos os dias”, refere ao jornal um funcionário da delegação de Angola em Lisboa.

“Com a actual situação, já há trabalhadores a trazer das suas casas papel higiénico, água e sabonete para lavar as mãos, devido à incapacidade de a Embaixada adquirir estes produtos porque as empresas se recusam a prestar mais serviços enquanto não virem pagas as facturas em dívida”, reporta a mesma fonte não identificada pelo semanário.

O mesmo funcionário lamenta que alguns dos trabalhadores da Embaixada de Lisboa estão “na iminência de perder as suas casas e outros bens por falta de pagamento aos bancos”.

Angola atravessa uma grave crise financeira, sobretudo por causa da queda no preço do petróleo, e já pediu assistência ao FMI. O governo foi obrigado a apertar o cinto e os cortes chegaram ao salário de 9 mil euros do presidente José Eduardo dos Santos.

Entretanto, o país tem procurado diversificar a sua actividade económica, para não ser tão dependente do petróleo. Nesse sentido, tem apostado na revitalização da cultura da banana e na exploração de ouro.

Muitos portugueses que trabalham no país também estão a sentir na pele a crise, com salários em atraso.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Peçam a presidente da Sonangol, para fazer um adiantamento. Ao que chega a corrupção em Angola, nem dinheiro ha para limpar o dito.

Igrejas evangélicas cultivam violência doméstica ao defender a supremacia dos homens sobre as mulheres

O facto de a igreja evangélica defender que o homem deve controlar a mulher apenas agrava o problema de violência doméstica, justificando os atos dos homens. Jane (nome fictício) era membro da comunidade cristã evangélica da …

A Cidade do México está a pagar aos seus polícias para que percam peso

A Polícia da Cidade do México está a levar a cabo um programa para combater o excesso de peso e a obesidade no seu efetivo através de incentivos financeiros.  Ao todo, escreve a agência AFP que …

Há um novo método para medir buracos negros

Os buracos negros supermassivos são os maiores buracos negros, com massas que podem exceder mil milhões de sóis. Apenas esta primavera foi divulgada a primeira imagem do buraco negro supermassivo no centro da galáxia M87, …

E Tudo o Vento Levou… há 80 anos

E Tudo o Vento Levou celebra este domingo 80 anos de vida, marcando a data da sua estreia nos Estados Unidos. Oito décadas depois, o filme mantém-se como uma das maiores obras primas do cinema …

O problema impossível mais simples do mundo está a levar matemáticos à loucura

Matemáticos avisam os seus colegas para se manterem longe da conjetura de Collatz. No entanto, Terence Tao decidiu arriscar, e está muito perto de resolver aquele que muitos chamam de o problema impossível mais simples …

Soldados da Guerra Civil dos EUA pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias

Investigadores encontraram evidências que indicam que soldados da Guerra Civil norte-americana pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias. Escavações em Camp Nelson, no Kentucky, revelaram restos de um estúdio de fotografia com 150 anos, o …

Chuva, vento forte e neve. Mau tempo vai agravar-se nas próximas 48 horas

A Proteção Civil alertou este domingo para um agravamento do estado do tempo nas próximas 48 horas, com períodos de chuva, possibilidade da queda de neve nas terras alta do norte e centro e ainda …

Descoberta nova espécie de aranha-violinista no Vale do México

Cientistas identificaram, no México, uma nova espécie de aranha com um veneno que, apesar de não ser fatal, é capaz de causar necrose na pele humana. Uma equipa de cientistas da Universidade Nacional Autónoma do México …

Já sabemos sobre o que conversam os orangotangos

Um novo estudo da Universidade de Exeter, em Inglaterra, desvendou a linguagem secreta dos orangotangos, descobrindo o que significam 11 sinais vocais e 21 gestos. Os investigadores passaram dois anos a filmar mais de 600 horas …

COP25 aprovou conclusões. Não há acordo para regulação dos mercados de carbono

A cimeira da ONU sobre o clima terminou hoje em Madrid assinalando a urgência para conter as alterações climáticas, mas a mais longa cimeira sobre o clima de sempre sem chegar a acordo nos pontos …