Há 80 mil portugueses com salários em atraso em Angola

USACE HQ / Flickr

Cerca de 80 mil trabalhadores portugueses do setor da construção estão com ordenados em atraso em Angola.

O presidente do Sindicato da Construção Civil, Albano Ribeiro, garante ao Jornal de Notícias que há cerca de 80 mil trabalhadores portugueses com salários em atraso em Angola e que pelo menos mil dos operários que vêm passar o Natal a Portugal já não devem regressar ao país africano.

“Há, de certeza, mais de mil trabalhadores da construção que já não tencionam regressar. E sei-o pelos contactos que estou a receber das famílias”, descreve o sindicalista, que reconhece que a tendência “não é para as coisas melhorarem”.

Albano Ribeiro refere que dos cerca de 200 mil trabalhadores portugueses que trabalham na construção, “40% têm entre dois e seis meses de salários em atraso“, e adianta que o sindicato já tem recebido pedidos de ajuda de famílias com dificuldades financeiras e que “há muitos trabalhadores que querem regressara Portugal e nem dinheiro para o avião têm”.

A Soares da Costa é uma das empresas afetadas. “Estão com dois ou três meses em atraso e têm 400 trabalhadores em Portugal que estão em casa. Uma situação que nos preocupa muito, porque é insustentável”, refere o dirigente sindical, que assegura que “há muitas empresas com obras paradas” e que não faltam casos de abandono.

O sindicalista reconhece que a maioria dos vencimentos em dívida é de “angariadores de mão de obra que, quando a crise se agudizou, desapareceram de cena”, altura em que as grandes empresas “apostaram em novos mercados, seja em África, seja na Europa, e estão a deslocalizar para lá os trabalhadores que tinham em Angola”.

A origem do problema estará na crise do petróleo, mas Albano Ribeiro considera que a questão vai muito além disso, dando o exemplo do Gana e do Senegal, países onde os trabalhadores do setor estão também a enfrentar dificuldades.

Manuel Reis Campos, presidente da Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI), não confirma estes números, mas admite que a situação em Angola é, de facto, muito complicada. “O mais grave é o arrastar desta crise no tempo, com o desgaste que isso causa às empresas e aos seus trabalhadores”, sublinha.

Segundo dados da CPCI, Portugal é o segundo país com maior presença no setor da construção africano. Dos 5,3 mil milhões de euros de faturação das construtoras nacionais no mercado internacional, dois mil milhões – mais de um terço – vêm de Angola.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Pois é o petróleo e os diamantes não podem dar para todos! A história vai-nos revelando pouco a pouco a verdadeira realidade e de que lado está a razão.

RESPONDER

Teegarden B e C. Descobertos mais dois planetas que podem albergar vida

Cientistas de vários países identificaram mais dois planetas que consideram poder albergar vida, com climas temperados, semelhantes à Terra e que podem conter água líquida à superfície. A equipa da universidade alemã de Göttingen utilizou vários …

Ministério Público abre investigação a Juan Guaidó por corrupção

O Ministério Público da Venezuela anunciou a abertura de uma investigação penal contra Juan Guaidó por suspeita de corrupção relacionada com fundos para assistência a cidadãos venezuelanos na Colômbia. O anúncio foi pelo procurador-geral designado pela …

Cientistas descobrem no veneno de escorpião antibiótico contra tuberculose

Químicos no veneno podem combater estirpes resistentes da tuberculose e a bactéria causadora da pneumonia e septicemia. Veneno pode ainda travar o crescimento de células cancerígenas. Cientistas descobriram no veneno de escorpião antibióticos contra a tuberculose …

Câmara de Lisboa já cobrou 17 mil euros por trotinetas mal-estacionadas

A Polícia Municipal de Lisboa cobrou 17.145 euros em coimas por trotinetas mal-estacionadas, entre fevereiro e o início de junho, tendo removido 1.820 veículos do centro da cidade nos últimos cinco meses. "A verificação das infrações …

Berardo mostra-se "incrédulo com falta de memória" de Constâncio

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP) disse, esta terça-feira, que Joe Berardo mentiu no Parlamento sobre alegadas reuniões entre ambos. O empresário, por sua vez, mostra-se "incrédulo com a sua falta de memória". "Tudo isso é …

Marcelo diz que foi "sensato" não incluir pergunta sobre origem étnico-racial no Censos 2021

O Presidente da República considerou que foi uma decisão sensata não incluir no Censos 2021 uma pergunta sobre a origem étnico-racial dos cidadãos, face ao debate gerado, embora a ideia fosse boa. "Acho que foi uma …

Esfinge gigante de Ramsés II vê a luz do dia ao fim de quase 100 anos

https://vimeo.com/343091742 Uma enorme esfinge do faraó egípcio Ramsés II viu finalmente a luz do dia, no passado dia 12 de junho, depois de ter sido recolocada através de um sistema monumental que a fez "flutuar" pelo …

Vai baixar o custo das chamadas para números começados por 707 e 708

A Anacom anunciou uma descida de 48% no preço máximo das chamadas de telemóvel para números começados por 707 e 708, e de 10% para telefone fixo. A decisão da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) de baixar os …

PSG abre a porta a Neymar (e o Barcelona não a fecha)

Depois de o eventual regresso de Neymar ao Barcelona ecoar na imprensa desportiva, o presidente do Paris Saint Germain, Nasser Al-Khelaifi quebrou o silêncio sobre o jogador brasileiro. Em entrevista à France Football, o presidente …

“Explosão suspeita” entre China e Coreia do Norte causou um sismo

Os serviços sismológicos chineses registaram um sismo de 1,3 graus de magnitude na escala de Richter às 19h38 locais (12h38 em Lisboa), na cidade chinesa de Hunchun, causado por uma “explosão suspeita”, disseram as autoridades …