Drone bombardeou base paramilitar apoiada pelo Irão. EUA negam envolvimento

Um drone [aparelho aéreo não tripulado] largou esta sexta-feira explosivos sobre uma base das forças paramilitares apoiadas pelo Irão, no norte do Iraque, matando um combatente iraquiano e ferindo dois iranianos, informaram autoridades de segurança iraquianas.

As autoridades do Iraque dizem que o drone deixou cair uma granada durante a noite, na base de Amirli, na província de Salaheddin, no norte do Iraque.

Os Estados Unidos já disseram que não foram os autores do atentado, num momento em que se agravam as tensões com o Irão, na região do Golfo, onde os norte-americanos anunciaram esta semana ter abatido um drone iraniano que se aproximara excessivamente de um seu navio. “As forças dos Estados Unidos não estão envolvidas” neste incidente, disse um porta-voz do Pentágono, em comunicado.

Para já, ninguém reivindicou o ataque, mas as milícias xiitas, apoiadas pelo Irão, culparam o grupo jihadista Daesh. Também uma fonte do exército iraquiano, que não se deixou identificar, disse que provavelmente o Daesh estará por detrás do lançamento dos explosivos, descartando a hipótese de autoria norte-americana.

“A base Al-Chouhada de Hashd al-Shaabi, na região de Amirli, foi bombardeada ao amanhecer (…) por um drone não identificado“, disse o comando militar iraquiano, na versão oficial, divulgada por um comunicado.

As autoridades dizem que o ataque matou um militar do Iraque e feriu dois engenheiros militares iranianos, que estavam presentes na base.

O Iraque abriga bases norte-americanas, onde estão estacionados cerca de 5.000 soldados, para além de dezenas de milícias apoiadas pelo Irão, que têm lutado contra militares do Daesh, ao lado de tropas do Governo do Iraque.

A coligação internacional declarou vitória sobre o Daesh, em dezembro de 2018, após vencidas batalhas que duraram vários anos e deixaram em ruínas cidades iraquianas ocupadas pelo movimento jihadista. Contudo, o Daesh continua ainda ativo nos seus redutos finais e tem utilizado drones em ataques, especialmente em zonas rurais onde ainda mantém presença.

Também esta sexta-feira, recorde-se, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na quinta-feira que um navio de guerra norte-americano destruiu um drone iraniano no estreito de Ormuz, numa altura de tensões crescentes entre os dois países.

Trump considerou que esta foi a resposta à mais recente “ação hostil” do Irão, apelando a outros países que condenem o que considera serem tentativas do Irão em interromper a liberdade de navegação e o comércio global numa zona marítima estratégica, o Golfo Pérsico.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Apareceu um terceiro monólito metálico. Agora, foi numa montanha da Califórnia

Um monólito metálico, semelhante aos encontrados há pouco tempo no deserto de Utah, nos Estados Unidos, e na cidade romena de Piatra Neamt, surgiu agora no estado norte-americano da Califórnia. A estrutura foi encontra na …

AEK 2 - 4 Braga | “Guerreiros” saqueiam Atenas e apuram-se

O SC de Braga garantiu esta quinta-feira o apuramento para os 16 avos-de-final da Liga Europa. Os minhotos foram à Grécia bater o AEK por 4-2, graças a uma exibição personalizada, num jogo em que …

Ciclone mortal deixou uma praia da Índia coberta de ouro

Centenas de pescadores, mulheres e crianças no distrito de East Godavari, no estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, passaram o fim de semana a vasculhar a praia local em busca de ouro. Após o …

O Flamengo de Jorge Jesus foi "um mero acidente de percurso"

2019 foi uma exceção para a equipa brasileira que, depois de ter vencido (quase) tudo, neste ano já foi afastado da Taça do Brasil e da Libertadores: "O português foi embora e com ele toda …

Concorrência condena MEO a pagar 84 milhões por combinar preços com a NOWO

A Autoridade da Concorrência (AdC) aplicou uma coima de 84 milhões de euros à MEO por combinar preços e repartir mercados com a operadora NOWO nos serviços de comunicações móveis e fixas. “A Autoridade da Concorrência …

PEV quer reverter privatização dos CTT. PS admite todos os cenários

O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) defendeu hoje, no parlamento, a “reversão da nacionalização” dos CTT, e ouviu o PS admitir “todos os cenários”. Numa declaração política no parlamento, o deputado José Luís Ferreira afirmou que, …

Voltar à normalidade "não está longe, mas não é já", avisa Pfizer

O administrador executivo da Pfizer, Albert Bourla, apelou na quarta-feira para que os governos de todo o mundo não reabram as suas economias demasiado depressa devido ao otimismo gerado pelas vacinas de covid-19. Bourla, de 59 …

Biden quer retomar acordo nuclear com o Irão, embora reconheça que será "difícil"

O vencedor das eleições presidenciais norte-americanas, Joe Biden, pretende retomar o acordo nuclear com Irão antes mesmo de novas negociações, assumiu o democrata numa entrevista ao New York Times. Joe Biden afirmou, durante a campanha eleitoral, …

Processo de reprivaticação da Efacec atrasado devido à discussão do OE2021

Apesar de as avaliações no âmbito do processo de nacionalização e futura reprivatização da Efacec já estarem concluídas, o processo esteve condicionado pela discussão do Orçamento de Estado para 2021 (OE2021). De acordo com o Jornal …

Costa sobre vacinação: “Há uma luz ao fundo do túnel, mas o túnel é muito comprido e penoso”

O primeiro-ministro, António Costa, advertiu esta quinta-feira que o processo de vacinação terá imponderabilidades externas a Portugal, sendo também complexo ao nível interno, com as dificuldades a aumentarem quanto maior for o universo de cidadãos …