Direita está de “cabeça perdida”. A esquerda “pouco preparada” para governar

Luís Forra / Lusa

O presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista, Carlos César

O líder parlamentar do PS criticou neste domingo o “leilão” de propostas de alteração ao Orçamento, considerando que a direita anda “de cabeça perdida à cabeçada”, enquanto Bloco e PCP revelam “ansiedade pré-eleitoral”, estando “pouco preparados” para governar.

Carlos César fez estas referências sobre a atuação do PSD, CDS-PP, Bloco de Esquerda e PCP no debate do Orçamento do Estado para 2019 na sessão de encerramento das Jornadas Parlamentares do PS, que decorreram em Portimão.

Na série de avisos dirigidos às outras forças políticas, o presidente do Grupo Parlamentar do PS começou por frisar que os socialistas têm de recusar “ímpetos menos razoáveis da parte daqueles que tudo querem, sem quererem entender que tudo não pode ser conseguido ao mesmo tempo, correndo-se o risco de comprometer a maior parte do que foi já alcançado”.

“A discussão agora em curso do Orçamento para 2019, com os milhares de milhões de propostas de alteração – num leilão em que a direita é euforicamente perdulária e num exercício quase patológico -, mostra bem como todo o cuidado é pouco. Não só porque a direita perdeu a cabeça e anda para aí às pequenas e médias cabeçadas, mas também outros, porque já acham que as propostas da direita são como as propostas da esquerda”, sustentou Carlos César.

Em relação ao Bloco de Esquerda e PCP, Carlos César deixou também críticas, notando ainda: “Parecem tomados por uma ansiedade pré-eleitoral de difícil compatibilização com o sentido de responsabilidade que os portugueses estimam que a esquerda deve preservar”.

“Os portugueses percebem o que se passa: Uns [PSD e CDS-PP], de tanto tergiversarem e de se oporem a si próprios, pouco servem o país como oposição ao Governo; outros [Bloco e PCP], de tanto negligenciarem o cumprimento das normas a que o país está obrigado, revelam-se pouco preparados para entender a governação num período tão sensível da vida nacional e europeia”, declarou.

Segundo Carlos César, compete ao PS “manter o diálogo particularmente à esquerda”, mas compete-lhe, “sobretudo, manter o rumo”.

Na parte inicial do seu discurso, Carlos César deixou duas saudações, com a primeira a ser dirigida ao líder do partido e primeiro-ministro, António Costa, considerando que transmitiu no sábado, na abertura das Jornadas Parlamentares, uma mensagem de clara solidariedade em relação à bancada socialista, “às suas iniciativas e propostas”.

“Os deputados do PS “são intérpretes dos seus eleitores e não porta-vozes do Governo”, acentuou mais à frente o presidente do Grupo Parlamentar socialista.

A segunda mensagem “especial” foi dirigida por Carlos César ao secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos, que estava sentado na mesa da sessão ao lado da secretária-geral adjunta do PS, Ana Catarina Mendes.

O líder da bancada socialista destacou então o papel político do secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares na “estabilização” da atual solução governativa”. “Pedro Nuno Santos é nosso convidado permanente“, frisou o líder parlamentar socialista.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “enquanto Bloco e PCP revelam “ansiedade pré-eleitoral”, estando “pouco preparados” para governar”.
    Portanto, o PCP e o BE, na pior das hipóteses, estão como os outros (PS, PSD e CDS) – como se comprova facilmente com o “serviço” que estes tem feito nas ultimas décadas!…

RESPONDER

Entre os boletins de voto dos emigrantes, também há cheques e contas da luz

Para exercer o seu direito de voto, os eleitores portugueses residentes no estrangeiro deveriam enviar de volta para Portugal a documentação que receberam em casa – um envelope verde com o boletim de voto, dentro …

Ryanair despede 432 trabalhadores em Espanha

A companhia aérea irlandesa Ryanair confirmou esta quarta-feira a sua intenção de despedir em Espanha 432 trabalhadores das suas bases de Girona e Canárias, 327 tripulantes de cabine e 105 pilotos, informou o sindicato USO. Num …

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …