Número de desempregados voltou a subir em todo o país

Paulo Novais / Lusa

O número de inscritos nos centros de emprego nacionais voltou a aumentar em dezembro, com 85% dos concelhos de Portugal Continental a ver os seus níveis de desemprego aumentar desde o início da pandemia, revelou o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Apesar do recuo da recuperação económica, o desemprego registado – travado pelas medidas de incentivo à manutenção de emprego que o Governo disponibilizou às empresas – estava desde outubro de 2020 em queda.

Mas, no fim do mês de dezembro, o número de desempregados registados nos Serviços de Emprego do Continente e Regiões Autónomas subiu para 402.254 (60% de 582.926 pedidos de emprego), segundo os dados divulgados pelo IEFP.

Ainda de acordo com o mesmo relatório, foram registados mais 91.772 (29,6%) desempregados comparativamente ao mesmo mês de 2019 e mais 3.967 (1%) face ao mês anterior.

“No mês de dezembro de 2020, o desemprego registado aumentou em todas as regiões do país”, lê-se ainda no mesmo relatório.

Já em termos geográficos, e apesar de o desemprego registado ter aumentado em todas as regiões, a do Algarve foi a mais fustigada pelos impactos da pandemia no mercado de trabalho.

Dos 402.254 desempregados registados em Portugal, a maioria concentra-se na região Norte (150.308), à qual se segue a região de Lisboa e Vale do Tejo com 125.213 desempregados e a região Centro com 50.576.

Nos últimos dez meses, a pandemia provocou uma acentuada subida do desemprego nacional que teve o seu maior aumento em abril, o primeiro mês completo de confinamento no país, relata o jornal Expresso.

Nessa altura, o número de desempregados registados nos centros de emprego aumentou em mais de 49 mil indivíduos em cadeia, ou seja face ao mês anterior, totalizando 392.323 desempregados.

A análise ao perfil dos desempregados inscritos por grupo profissional demonstra que os trabalhadores não qualificados (25,1%) foram os mais sacrificados com o aumento do desemprego registado em dezembro.

A seguir na lista estão os trabalhadores dos serviços pessoais, de proteção e segurança e vendedores (22,2%), o pessoal administrativo (11,4%), os especialistas das atividades intelectuais e científicas e os trabalhadores qualificados da indústria, construção e artífices, com aumentos de 10,4% e 10,3%, respetivamente.

Gráfico IEFP – Desemprego registado por grupo de profissões

No último mês de 2020, o número de novas inscrições registadas nos serviços públicos de emprego totalizou 44.030, cuja maioria (56,4%) indicou como motivo da inscrição o fim de um contrato de trabalho não permanente.

Além disso, 13,8% foram despedidos e 7,8% são ex-inativos. Os despedimentos por mútuo acordo representaram em dezembro 3,4% dos novos inscritos nos centros de emprego do continente.

Sofia Teixeira Santos, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A democracia xuxalista tem destas coisas. Existem locais onde se vão inscrever os desempregados aos quais chamam de Centro de Emprego! Não conheço ninguém que tenha arranjado emprego no Centro de Emprego!! Porque é que não chamam “os bois” pelos nomes? Esses locais são Centro de Desemprego!! Por acaso um chama-se stand de automóveis a um local onde de vendem bicicletas??

RESPONDER

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump começasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …

Mundial de Futsal. Portugal esmaga as Ilhas Salomão por 7-0 e tem um pé nos oitavos

Portugal lidera o grupo C e pode garantir o apuramento caso Marrocos não perca contra a Tailândia. A seleção portuguesa de futsal, campeã europeia em título, somou hoje o segundo triunfo em dois jogos no grupo …

"Dezenas de pessoas" da comitiva de Putin infetadas com covid-19

O Presidente russo, Vladimir Putin, informou que dezenas de pessoas da sua comitiva testaram positivo para o coronavírus, doença que afetou mais de 7 milhões de habitantes no país. Putin entrou em isolamento no início desta …

Uber investe 90 milhões em novo ‘hub’ e sede em Lisboa e espera contratar mais 200 pessoas

A Uber está a investir 90 milhões de euros num novo ‘hub’ e sede de operações em Lisboa, hoje inaugurados, criando mais de 400 empregos diretos e pretendendo contratar mais 200 pessoas até final do …