Quando deixar de ser Presidente, Marcelo não fará comentários sobre os sucessores

Manuel de Almeida / Lusa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

O Presidente da Republica escusou-se hoje a comentar afirmações do seu antecessor, Cavaco Silva, sobre a atuação dos chefes do Estado, alegando “respeito pela função presidencial” e a necessidade de se fazer “respeitar pelo povo”.

“Por uma questão de cortesia, bom senso, obviamente de educação, mas sobretudo por uma questão de respeito pela função presidencial, pelo prestígio da democracia, não comento as declarações de Cavaco Silva”, afirmou o presidente da República, na Póvoa de Lanhoso, quando confrontado com as declarações do seu antecessor em Belém.

“Porque se os sucessivos Presidentes da República não têm um respeito naquilo que dizem uns dos outros, em termos de forma e de conteúdo, acabam por não se fazer respeitar pelo povo”, afirmou Marcelo Rebelo de Sousa.

Na quarta-feira, na Universidade de Verão do PSD, o antigo presidente da República, Cavaco Silva, criticou a “verborreia frenética” da maioria dos políticos europeus, elogiando a exceção do Presidente francês, Emmanuel Macron, a quem dedicou uma parte da sua intervenção de 50 minutos a elogiar a estratégia comunicacional, dizendo ver semelhanças com a que adotou quando exerceu cargos de poder e que passa por recusar qualquer “promiscuidade com jornalistas”.

Não comento nem declarações nem decisões de antigos ou futuros presidentes. Isso aplica-se ao presente, aplica-se ao futuro. Tenho dito isso desde o início do mandato. Quem é eleito Presidente da República assume um certo dever de reserva e de contenção, em particular nas relações com os seus antecessores, os que já foram Presidentes e com os seus sucessores”, acentuou.

“Quando deixar de ser Presidente, não farei comentários sobre os meus sucessores”

Mário Cruz / Lusa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecora o anterior presidente, Aníbal Cavaco Silva

No entanto, explicou o chefe de Estado, essa contenção “não significa não falar da vida política portuguesa” mas “ter muito cuidado no relacionamento com quem foi Presidente da República ou está a ser Presidente da República”.

“É uma questão de equilíbrio e de consideração pela função presidencial, e pelo prestígio das instituições democráticas haver todo o cuidado naquilo que se diz”, concluiu.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Depois de sobreviver ao cancro, Sarah cruzou o Canal da Mancha a nado 4 vezes sem parar

Uma mulher norte-americana tornou-se a primeira pessoa a cruzar a nado o Canal da Mancha, entre o Reino Unido e França, quatro vezes sem parar. E dedicou a vitória a todos que, como ela, são …

Ataque contra Arábia Saudita terá sido lançado de solo iraniano

A Arábia Saudita e investigadores norte-americanos consideram que existe uma “grande probabilidade” de o ataque deste fim de semana a duas petrolíferas do Aramco, em Abqaiq e Khurais, ter sido feito a partir de uma …

Cardeal George Pell apresenta recurso final contra condenação por pedofilia

O cardeal australiano George Pell, antigo responsável das finanças do Vaticano, apresentou um último recurso contra a sua condenação por pedofilia, no Supremo Tribunal da Austrália, anunciou esta terça-feira a instituição. Segundo a agência Lusa, em …

David descobriu o tratamento para a doença que quase o matou

David Fajgenbaum foi internado no Hospital da Universidade do Arkansas, nos Estados Unidos, depois do Natal de 2013, quando teve uma recaída de uma doença rara auto-imune que quase o matou. A sua condição era tão …

Líder da extrema-direita alemã abandona entrevista depois de ter sido comparado a Hitler

Björn Höcke, líder do partido de extrema-direita AfD no estado federado da Turíngia, abandonou uma televisiva após ter sido comparado a Adolf Hitler. O líder do partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) no estado …

Sobe para sete o número de vítimas mortais do mau tempo em Espanha

O cadáver de um holandês de 66 anos que desapareceu no domingo durante as inundações no sudeste de Espanha foi encontrado esta terça-feira, o que eleva para sete o número de mortes devido ao mau …

Universidade de Coimbra elimina carne de vaca das cantinas

A Universidade de Coimbra (UC) vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitárias a partir de janeiro de 2020, anunciou esta terça-feira o reitor, Amílcar Falcão. Este será o primeiro passo para, até …

Ângelo Rodrigues já fez a primeira cirurgia de reconstrução da perna

O ator Ângelo Rodrigues está internado no Hospital Garcia de Orta devido a uma infeção provocada por uma bactéria. Realizou uma cirurgia de reconstrução de parte da perna esquerda e está "em plena recuperação". Ângelo Rodrigues …

Guaidó questiona novo diálogo com o regime e alerta que crise se intensificará

O presidente da Assembleia Nacional diz que “nunca houve diálogo” entre o Governo de Nicolás Maduro e a oposição porque ao regime “não lhe interessava solucionar”. O líder político opositor Juan Guaidó questionou esta segunda-feira …

150 tigres foram resgatados de um templo na Tailândia. Mais de metade não sobreviveu

Mais de metade dos 150 tigres resgatados há três anos num templo budista em Kanchanaburi, no oeste da Tailândia, morreram, segundo os media locais. Em causa estiveram problemas relacionados com a consanguinidade, uma vez que foram …