De mesquita a centro de vacinação. No Reino Unido, um imã combateu o medo da vacina

Darren Staples / AFP

Vacinação no Al-Abbas Islamic Center, no Reino Unido

Às sextas-feiras, durante os seus sermões, o Sheikh Nuru Mohammed começou a lutar contra a desinformação e transformou a sua mesquita num centro de vacinação contra a covid-19.

O Sheikh Nuru Mohammed, imã da mesquita Al-Abbas, no Reino Unido, sabia que uma percentagem significativa dos seus fieis estava hesitante em receber a vacina contra a covid-19. Em dezembro, o líder religioso decidiu lutar contra a desinformação durante os seus sermões online e transformou a sua mesquita num centro de vacinação.

Foi o primeiro a dar o passo na Grã-Bretanha e abriu caminho para dezenas de outros. Centenas de milhares de cidadãos britânicos descendentes do sul da Ásia e britânicos negros mudaram de ideias e decidiram vacinar-se contra o vírus, segundo pesquisas nacionais citadas pelo NPR.

Parth Patel, médico e investigador da University College London, acredita que a liderança local desempenhou um papel significativo em convencer as pessoas a tomar a vacina.

“Usar a mesquita como centro de vacinação é um evento realmente significativo”, disse Patel, que estudou os dados da pesquisa sobre a hesitação em relação à vacina. “É sobre: ​​de onde está a vir a mensagem? É sobre confiança.”

Razões históricas explicam o motivo pelo qual as pessoas de ascendência sul-asiática e negros britânicos hesitam mais em vacinar-se, isto porque ambas as minorias enfrentaram preconceito racial e são mais propensas a desconfiar do sistema.

Boris Johnson, primeiro-ministro britânico, tentou conter a desinformação, mas o governante tem um grande problema de credibilidade. Quando a pandemia começou a ganhar terreno, no ano passado, Boris minimizou-a, brincando sobre continuar a apertar a mão das pessoas.

O imã, originário do Gana, trabalha na mesquita há mais de quatro anos. Quando o Governo britânico começou a anunciar o plano de vacinação, os congregantes bombardearam-no com perguntas: queriam saber se era halal, ou seja, de acordo com os ensinamento do Islamismo.

O Sheikh Nuru Mohammed baseou-se nas escrituras islâmicas para obter respostas, sublinhando que a boa saúde é um presente de Deus. Durante os seus sermões de sexta-feira, criticava a desinformação: “Não devemos permitir que as teorias da conspiração e as notícias falsas nos controlem”, dizia.

Mas a tática mais eficaz do imã foi vacinar-se. Depois de ter recebido a vacina contra a covid-19, os congregantes sentiram-se confiantes em seguir o seu exemplo – uma prova de que pode não haver nada mais poderoso do que ver a experiência de um líder ou amigo de confiança.

Centenas de congregantes foram vacinados e a mesquita administrou mais de 15.000 doses. Desde que a mesquita Al-Abbas foi inaugurada como um centro de vacinação, mais de 50 outras mesquitas do Reino Unido seguiram o mesmo caminho.

  Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Caso Gabby Petito. Restos mortais encontrados pertencem ao namorado da jovem

As autoridades norte-americanas confirmaram que os restos mortais encontrados na quarta-feira são de Brian Laundrie. Identificação foi feita através de registos dentários. “No dia 21 de outubro de 2021, uma comparação de registos dentários confirmou que …

Rui Rio, líder do Partido Social Democrata (PSD)

Rui Rio apresenta hoje recandidatura à liderança no Porto

Depois de semanas a manter o tabu sobre a sua recandidatura, Rio decidiu mesmo avançar contra Paulo Rangel. O eurodeputado já saudou a decisão. O presidente do PSD, Rui Rio, apresenta hoje publicamente a sua recandidatura …

Trabalho não declarado passa a ser crime com pena de prisão até 3 anos

O Governo aprovou uma proposta de alteração à legislação laboral que prevê a criminalização do trabalho totalmente não declarado, com pena de prisão até três anos ou multa até 360 dias. Esta medida de combate ao …

"Não é o arguido que decide ter Alzheimer." Advogado de Salgado critica recusa em suspender o processo

Depois de o juiz que está a julgar o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), no âmbito da Operação Marquês, ter recusado suspender o julgamento, Francisco Proença de Carvalho critica a decisão. O julgamento continua …

Poiares Maduro diz que crise política será “responsabilidade” de Costa - e deixa duras críticas a Rio

Miguel Poiares Maduro considera que geringonça criou uma bipolarização no país. O ex-ministro de Pedro Passos Coelho responsabiliza o primeiro-ministro caso haja uma crise política em Portugal. Numa entrevista ao Diário de Notícias, o jurista refere …

Abdul Fatawu Issahaku, futebolista ganês de 17 anos.

Sporting contrata pérola africana que esteve perto de assinar pelo Liverpool

O Sporting terá assegurado a contratação de Abdul Fatawu Issahaku, jovem promessa de 17 anos que estava a ser seguido pelo Liverpool. No Gana, fala-se que Abdul Fatawu Issahaku, extremo ganês de 17 anos que foi …

Com recados de Merkel sobre a Polónia e as migrações em cima da mesa, líderes da UE encerram Conselho Europeu

Ainda sem uma resolução definitiva sobre o Estado de Direito da Polónia, a chanceler alemã deixou recados no seu 107º e último Conselho Europeu. A questão das migrações é um dos temas na agenda no …

Política do "logo se vê" deixa Lisboa noturna ao deus-dará

Os moradores do Bairro Alto mostram-se descontentes com o estado atual da vida noturna na capital portuguesa, onde consideram haver um desgoverno. A vida noturna regressou quase totalmente no início deste mês, com os bares a …

Europa em alerta: Casos de covid-19 sobem a pique. Países de leste sofrem com baixa vacinação

Pandemia volta a ganhar força na Europa. Reino Unido, Rússia e vários países do leste europeu, com baixas taxas de vacinação, voltaram a bater máximos de infeções e mortes por covid-19. Numa altura em que o …

Homicídio no metro das Laranjeiras. Suspeitos estudam, vivem em famílias "normais" e pertencem a gangue

A Polícia Judiciária (PJ) já deteve o quarto suspeito da morte de um jovem de 19 anos no metro das Laranjeiras, em Lisboa. O crime terá sido motivado por provocações nas redes sociais entre gangues …