Daesh procura tradutores de português e espanhol

(dr) Dabiq Magazine #10

-

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) lançou uma campanha na Internet para angariar pessoas que falem português ou espanhol para trabalharem como tradutores.

A notícia é do jornal espanhol El Mundo, que cita uma mensagem divulgada nas redes sociais desde junho onde se lê: “Queridos irmãos e irmãos, precisamos de irmãos e irmãs que falem português ou espanhol para nos ajudar no nosso projeto, se Alá quiser. Se falas uma destas línguas e queres juntar-te à nossa equipa de tradutores, por favor clica aqui”.

Em maio, foram detetados dois novos canais informativos, um em português e outro em espanhol, criados pelo Daesh (acrónimo árabe que designa o EI) no serviço de mensagens instantâneas Telegram, nos quais os seguidores do grupo radical podiam receber notícias atualizadas.

A Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) estava, em junho, a monitorizar um conjunto de pessoas que comunicavam em português no Telegram.

O grupo usava a designação de “Nashir Português“, numa referência à agência de notícias onde o EI publica os seus manifestos, a Nashir News Agency.

No mês passado, a polícia brasileira deteve dez pessoas por suspeitas de preparação de ataques durante os Jogos Olímpicos, que estariam ligadas ao grupo jihadista.

Na véspera, Rita Katz, especialista norte-americana em contra terrorismo, avisou que extremistas islâmicos publicaram no Telegram recomendações de 17 técnicas para atentados terroristas durante os Jogos Olímpicos, que decorrem entre os dias 5 e 21 de agosto no Rio de Janeiro.

Na notícia, o El Mundo refere que os serviços de inteligência espanhóis detetaram um forte aumento da atividade do Daesh em espanhol, nomeadamente com a divulgação de várias mensagens naquele idioma, o que está a ser entendido pelos especialistas como uma indicação de que Espanha continua na mira do grupo radical.

/Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Mas que raio é esta notícia???… Senhores jornalistas, estão a ajudar os terroristas a recrutar colaboradores?… Isto não é uma notícia que se dê!… Removam de imediato esta “notícia”. Estão apenas a fazer publicidade gratuita ao Daesh, seus burros… Deviam ser multados por ajudar os terroristas!

    • Caro Mário, infelizmente hoje em dia ninguém se contenta em “conter ou diminuír as labaredas mas sim atirar mais gasolina para a fogueira”, muita gente ainda não percebeu que são usadas como veículos de transmissão gratuita ( “virtual”, porta à porta ) e pensam que estão a fazer uma grande coisa mas infelizmente o efeito é contrário, enfim, sinais dos tempos e da procura de protagonismo, quer seja pessoal ou empresarial, neste caso comunicação social…..

  2. Caros Mario Casanova e “Só_de_Passagem”,
    Sem prejuízo de que em nenhuma circunstância aceitamos que nos digam para parar de informar quando o entendemos fazer, lamentamos de facto neste caso concreto ter dois leitores que não compreendem a importância da notícia e a quem prestamos de facto serviço ao fazê-lo.
    Quanto à adjectivação usada por um dos leitores, vamos escusar-nos a brincar com as palas de quem as quer ter.

    • ZAP, gosto muito de vocês, mas lamento que a vossa teimosia e orgulho não vos permita ver o erro colossal que estão a cometer… Estas “notícias” não são notícia. São publicidade gratuita aos esforços de recrutamento do Daesh… Basicamente, estão a ser cúmplices das suas actividades, ao ajudá-los a espalhar o terror e os anúncios de recrutamento… Deviam aprender com os vossos irmãos mais velhos e experientes – Os media em França, que já entenderam que não podem ajudar os terroristas a espalhar o terror. Leiam aqui: http://expresso.sapo.pt/internacional/2016-07-27-Meios-de-comunicacao-franceses-deixam-de-mostrar-imagens-de-terroristas

      • Caro Mário Casanova,
        Há uma diferença colossal entre a necessidade de informar a população de que um streaker atravessou o relvado a correr e de que uma determinada organização terrorista actua de determinada maneira ou planeia determinado acto.
        Se quiser fazer o paralelo com os meios de comunicação que deixaram de dar imagens (que não deixaram de dar as notícias, apenas as imagens), o ZAP também deu apenas a notícia do facto – não deu propriamente o link do anúncio no OLX ou Netemprego a pedir os tradutores, pois não?
        Se quer mesmo saber, hoje o ZAP até pode ter dado uma notícia que se encaixa na crítica de “isto é dar publicidade gratuita, era escusado, não serve para nada, isto é o que eles querem, etc”.
        Mas foi a notícia do PNR, não foi esta.

  3. Caros.
    Eu sei que é um assunto sério, mas a determinada
    Altura vamos ter que tomar uma posição.
    Esta “gente” do EI vive a época dos Cruzados.
    Não percebeu (devido aos lideres religiosos) que estamos no século XXI.
    Todos percebemos que é triste este tipo de mentalidade, mas infelizmente é a realidade

RESPONDER

Facebook promete investir 90 milhões para apoiar o jornalismo

A rede social Facebook prometeu esta segunda-feira investir 100 milhões de dólares (90 milhões de euros) na indústria do jornalismo. “O setor das notícias está a trabalhar sob condições extraordinárias para manter as pessoas informadas durante …

Covid-19 já faz estragos na indústria espacial. Concorrente da Space X declara falência

A empresa de satélites OneWeb, que tinha como objetivo ligar os lugares mais remotos do mundo à Internet, declarou esta sexta-feira falência depois de ter perdido um importante investidor por causa da pandemia de covid-19. …

CR7, Bernardo, Mourinho, Lage e mais 22 personalidades do futebol doaram 150 mil máscaras ao Hospital de Santo António

O agente Jorge Mendes juntou 26 personalidade do futebol, que vão desde jogadores, treinador e amigos, com o objetivo de dotar unidades hospitalares com materiais para combater a Covid-19. A iniciativa, que contou com a …

Italiana de 102 anos recuperou da covid-19. "Chamamos-lhe imortal"

Uma italiana, de 102 anos, recuperou da covid-19, depois de ter passado mais de 20 dias no hospital. Os médicos que a acompanharam vão agora estudar o seu caso. "Chamamos-lhe Highlander, a imortal", contou à CNN …

China já lucra com a Covid-19 (mas se a economia não engrenar depressa, pode nascer uma tempestade)

A China já está em fase de recuperação da Covid-19 e a economia do país dá sinais de vida, embora ainda longe dos patamares pré-pandemia. E o facto de o contágio continuar a alastrar por …

Cientistas de todo o mundo trabalham em 20 vacinas e 30 potenciais medicamentos

Cientistas em todo o mundo estão a trabalhar num total de 20 vacinas e 30 possíveis medicamentos contra o Covid-19, alguns dos quais já estão na última fase de testes antes da aprovação definitiva. De acordo …

Há uma vila na Lombardia sem infetados por Covid-19

Em Ferrera Erbognone, uma vila da Lombardia com mil habitantes e uma média de idades de 60 anos, ainda não se registaram casos de Covid-19, embora esteja no epicentro do surto em Itália. De acordo com …

Rei da Tailândia isola-se em hotel de luxo na Alemanha com 20 mulheres e vários servos

O rei da Tailândia, Maha Vajiralongkorn, decidiu isolar-se num hotel de luxo na cidade de Garmisch-Partenkirchen, na Alemanha, com a sua comitiva, que inclui um "harém" de 20 mulheres e vários servos. De acordo com o …

Rendas podem ser suspensas durante estado de emergência e mês seguinte

Empresas e famílias vão poder suspender o pagamento da renda nos meses em que vigore o estado de emergência e mês subsequente, de acordo com a proposta que cria um regime excecional de proteção aos …

Mais 11 pessoas detidas por desobediência. Número total sobe para 81

A PSP e a GNR detiveram até esta segunda-feira 81 pessoas pelo crime de desobediência no âmbito do estado de emergência iniciado dia 22 e decretado devido à pandemia de covid-19, anunciou o Ministério da …