Cristiano Ronaldo pode exigir saída no final da temporada

1

Sebastien bozon / AFP

 

Se a senda de maus resultados do Manchester United continuar, Cristiano Ronaldo pode exigir sair no final desta temporada.

Afinal de contas, o internacional português não regressou a Inglaterra para jogar na Liga Europa e não estar na luta direta por títulos. Sempre o fez ao longo da sua carreira e não vão ser os 36 anos que o vão parar.

Embora os red devils liderem o Grupo F da Liga dos Campeões, em igualdade pontual com o Villarreal, o seu percurso na Premier League tem deixado a desejar. O emblema de Manchester é sexto classificado, com cinco vitórias, dois empates e quatro derrotas. O Chelsea, líder da liga, já leva nove pontos de vantagem.

O balneário do Manchester United já começou a perder a paciência com Ole Gunnar Solskjaer após a derrota com o City. Aliás, Cristiano Ronaldo e Bruno Fernandes são até as principais figuras da angústia. Ronaldo está “chocado” com a perda de rendimento da equipa desde que saiu de Inglaterra para rumar a Madrid há 12 anos.

Agora, o Daily Express escreve que Cristiano Ronaldo pode exigir a saída no final da temporada caso a equipa não inverta o mau momento de forma. Se o United ficar fora dos lugares de acesso à Liga dos Campeões, o avançado português deverá sair de Inglaterra.

Quando aceitou a proposta do Manchester, Ronaldo salientou o desejo de ficar lá três ou quatro anos. “Não estou aqui de férias. Como já disse, antes era bom, ganhar coisas importantes e já vestia a camisola há muitos anos, mas estou aqui para voltar a ganhar”, disse Cristiano.

Apesar dos recentes resultados desapontantes, Solskjaer decidiu aproveitar a paragem dos jogos das seleções para a equipa descansar, dando uma semana de férias aos jogadores que não foram chamados à seleção, escreve o tabloide britânico Daily Mail. O treinador do United viajou logo na segunda-feira para a Noruega.

  Daniel Costa, ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.