Tancos: Cristas ataca Ferro Rodrigues por “proteger o PS”. Presidente da AR responde

José Sena Goulão / Lusa

A presidente do CDS, Assunção Cristas

A presidente do CDS-PP acusou o presidente da Assembleia da República de “proteger o PS” ao ter recusado enviar, ao Ministério Público, as declarações do primeiro-ministro e do ex-ministro Azeredo Lopes a propósito de Tancos.

No final de uma manhã de campanha eleitoral para as legislativas, no Porto, a líder centrista, Assunção Cristas, voltou a atacar Ferro Rodrigues por ter “dado cobertura” ao PS para não marcar uma comissão permanente no Parlamento antes das eleições de domingo.

Cristas criticou “a inação” de Ferro quanto ao pedido dos centristas para que fossem enviadas para o Ministério Público as declarações, feitas no Parlamento, por António Costa e Azeredo Lopes, e que o CDS alega que podem considerar-se “declarações falsas”.

“Estou a referir-me, em concreto, à inação do presidente da Assembleia da República no que respeita às declarações, em vários momentos, ao parlamento, e que, no entender do CDS, deveriam ter sido remetidas para o Ministério Público. O senhor presidente da Assembleia ficou muito incomodado com o pedido do CDS, mas o CDS fica muito incomodado com presidente da Assembleia, que mostrou e mostra que está mais preocupado em proteger o PS, em proteger o Governo, do que proteger o parlamento enquanto instituição democrática”, disse Cristas.

A presidente do CDS recordou um caso recente, de declarações do empresário Joe Berardo, em que o Parlamento as remeteu para o Ministério Público.

Quando foi o Joe Berardo, não foi preciso nada para o senhor presidente enviar para as entidades competentes, em nome da dignidade da Assembleia da República”, explicitou, salientando, contudo, que quando “há possibilidade alegadamente de haver falsas declarações” do primeiro-ministro e do ex-ministro da Defesa “já acha que está tudo muito bem e que a dignidade da Assembleia da República não será afetada”.

“Inapropriada, incorreta e injustificada”

Numa nota entregue esta quarta-feira à conferência de líderes, que decidiu não agendar um debate sobre Tancos na comissão permanente antes do final da campanha eleitoral, Ferro Rodrigues considerou “inapropriada, incorreta e injustificada” a forma como Assunção Cristas o interpelou sobre o assunto e recordou que todas as declarações, tanto de Costa como de Azeredo, são públicas.

“Uma coisa é o Parlamento sentir que foi posto em causa com eventuais declarações falsas e que tem de ter proatividade e ação em enviar para o MP. Outra coisa é o Parlamento não se sentir incomodado com essa possibilidade e achar que é o MP que, se quiser, vai buscar esses elementos”, criticou ainda.

Para Assunção Cristas, a atitude de Ferro “prova” que “não se sentiu incomodado” e “não acha que uma hipótese de falsas declarações de membros de membros do Governo, que o Parlamento deve fiscalizar e escrutinar, sejam razão suficiente para as enviar para o MP”.

Os partidos da esquerda também foram alvo da líder centrista, acusando os parceiros do PS nestes quatro anos de governação, PCP, BE e PEV, de terem mudado de opinião sobre a convocação da comissão permanente para discutir Tancos. E insistiu na ideia dos centristas de, depois das eleições de domingo, criar uma nova comissão parlamentar de inquérito para apurar as responsabilidades políticas ao furto de material militar de Tancos, em 2017.

“Registo que os partidos mais à esquerda, que branquearam a ação do Governo na primeira comissão de inquérito [a Tancos], agora dizem que é importante”, mas disseram o mesmo sobre a comissão permanente, e hoje “acabaram por dar o apoio ao PS” na conferência de líderes.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O desespero deste partideco, leva a atitudes destas. Mas vindo deste Clube-De- Soberbos, nada mais me admira !….. só lhe falta atacar o Padre da Paroquia que frequenta !

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …

Ruas de Águeda entre as "mais bonitas do mundo" para a CNN

As ruas do centro de Águeda, no distrito de Aveiro, decoradas com guarda-chuvas estão entre as 21 mais bonitas de mundo para a emissora norte-americana CNN. A distinção é avançada pelo jornal Público, que dá …

Hospitais vão poder pagar mais a médicos para garantir urgências no Natal

Os hospitais vão poder contratar médicos prestadores de serviço, vulgo tarefeiros, por valores superiores aos de referência durante o Natal e o Ano Novo. De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Noel Carrilho, …

Jovem que abandonou bebé no lixo esteve 13 anos institucionalizada em Cabo Verde

A jovem que abandonou o filho recém-nascido no lixo, em Lisboa, esteve institucionalizada durante 13 anos em Cabo Verde. A sua mãe está agora a lutar pela guarda da criança. Numa entrevista ao programa Sexta às …

Último debate. Boris defendeu o Brexit e Corbyn falou da Saúde (pelo menos 15 vezes cada um)

No debate televisivo, transmitido pela BBC, o último antes das eleições da próxima quinta-feira, Boris Johnson defendeu que é o melhor preparado para concretizar o Brexit e terminar com o impasse no processo, prometendo ainda …

No São José, há um doente numa cama 9 meses depois de ter alta. Não tem para onde ir

O Centro Hospitalar Lisboa Central tem diariamente uma média de 70 camas ocupadas com doentes que já deviam ter saído do hospital e há atualmente um caso que espera há nove meses por uma solução. Em …

Rio diz ser preocupante "notória desvalorização" que PS faz do ministro das Finanças

O líder do PSD disse, esta sexta-feira, ser preocupante a "notória desvalorização" que o Governo tem feito do ministro da Finanças, apontando como exemplo as novas regras de contratação nas PPP. "Temos assistido nos últimos dias …

Morreu a indiana que foi queimada quando ia a caminho do tribunal

A suposta vítima de violação, que foi incendiada a caminho de uma audiência de tribunal, morreu, esta sexta-feira, num hospital de Nova Deli. A mulher foi atacada por um grupo de homens na cidade de Unnao, no …

André Ventura avança com castração química para quem abusa de menores

André Ventura, líder e deputado único do partido Chega, entregou esta sexta-feira na Assembleia da República um projeto de lei que cria a pena acessória de castração química, agravando a moldura penal para os abusadores …

Centeno com apoios de peso para recandidatura ao Eurogrupo

Ao que tudo indica, o ministro das Finanças não deverá ter grande oposição em Bruxelas caso queira um segundo mandato como presidente do Eurogrupo. De Bruxelas chegam notícias de que Mário Centeno já terá apoios para …