CP está a escapar à multas por falhas nos serviços

Miguel A. Lopes / Lusa

A CP – Comboios de Portugal está a escapar às multas por falhas nos serviços, como atrasos e supressões de comboios, porque ainda não entrou em vigor o contrato de serviço público assinado com o Estado.

Ao abrigo da legislação comunitária, o documento deveria ter entrado em vigor a 1 de janeiro. No entanto, o Tribunal de Contas (TdC) aguarda há mais de um mês pelos esclarecimentos do Governo para que possa validar o contrato.

A Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT) está encarregue de fiscalizar se a CP cumpre ou não o contrato, mediante as métricas de regularidade, pontualidade e conforto indicadas no documento. Porém, “a atuação está condicionada, como é natural, à entrada em vigor do contrato”, disse fonte oficial da AMT, em declarações ao Dinheiro Vivo.

A CP não sofre qualquer penalização por suprimir comboios programados. Apenas quando o contrato de serviço público entrar em vigor a empresa, passará a pagar uma multa por cada viagem que não for realizada por sua culpa.

Para já, não se sabe quando é que vai entrar em vigor o contrato assinado no dia 28 de novembro. O documento deu entrada no TdC no dia 9 de dezembro e foi devolvido em 27 do mesmo mês. Passados quase dois meses, “a resposta está a ser preparada” pelo Ministério das Infraestruturas e da Habitação e pelo Ministério das Finanças, de forma a poder fornecer ao TdC respostas consubstanciadas e fundamentadas”, afirma fonte oficial do gabinete de Pedro Nuno Santos.

O primeiro contrato de serviço público da história da CP é um ajuste direto e vai ter a duração de 10 anos – entre 2020 e 2030 – com a opção de prolongamento por mais cinco anos, se for necessário amortizar investimentos. A empresa ferroviária vai ser compensada pela realização de todos os serviços – urbanos, regionais e longo curso -, exceto pelo Alfa Pendular, que poderá ficar sujeito à concorrência.

Quando o documento entrar em vigor é que a transportadora pública terá acesso a uma indemnização compensatória anual de 90 milhões de euros. Em troca do apoio do Estado, tem de assegurar a realização de todos os comboios programados, o cumprimento dos horários e assegurar o mínimo de conforto aos passageiros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Facebook promete investir 90 milhões para apoiar o jornalismo

A rede social Facebook prometeu esta segunda-feira investir 100 milhões de dólares (90 milhões de euros) na indústria do jornalismo. “O setor das notícias está a trabalhar sob condições extraordinárias para manter as pessoas informadas durante …

Covid-19 já faz estragos na indústria espacial. Concorrente da Space X declara falência

A empresa de satélites OneWeb, que tinha como objetivo ligar os lugares mais remotos do mundo à Internet, declarou esta sexta-feira falência depois de ter perdido um importante investidor por causa da pandemia de covid-19. …

CR7, Bernardo, Mourinho, Lage e mais 22 personalidades do futebol doaram 150 mil máscaras ao Hospital de Santo António

O agente Jorge Mendes juntou 26 personalidade do futebol, que vão desde jogadores, treinador e amigos, com o objetivo de dotar unidades hospitalares com materiais para combater a Covid-19. A iniciativa, que contou com a …

Italiana de 102 anos recuperou da covid-19. "Chamamos-lhe imortal"

Uma italiana, de 102 anos, recuperou da covid-19, depois de ter passado mais de 20 dias no hospital. Os médicos que a acompanharam vão agora estudar o seu caso. "Chamamos-lhe Highlander, a imortal", contou à CNN …

China já lucra com a Covid-19 (mas se a economia não engrenar depressa, pode nascer uma tempestade)

A China já está em fase de recuperação da Covid-19 e a economia do país dá sinais de vida, embora ainda longe dos patamares pré-pandemia. E o facto de o contágio continuar a alastrar por …

Cientistas de todo o mundo trabalham em 20 vacinas e 30 potenciais medicamentos

Cientistas em todo o mundo estão a trabalhar num total de 20 vacinas e 30 possíveis medicamentos contra o Covid-19, alguns dos quais já estão na última fase de testes antes da aprovação definitiva. De acordo …

Há uma vila na Lombardia sem infetados por Covid-19

Em Ferrera Erbognone, uma vila da Lombardia com mil habitantes e uma média de idades de 60 anos, ainda não se registaram casos de Covid-19, embora esteja no epicentro do surto em Itália. De acordo com …

Rei da Tailândia isola-se em hotel de luxo na Alemanha com 20 mulheres e vários servos

O rei da Tailândia, Maha Vajiralongkorn, decidiu isolar-se num hotel de luxo na cidade de Garmisch-Partenkirchen, na Alemanha, com a sua comitiva, que inclui um "harém" de 20 mulheres e vários servos. De acordo com o …

Rendas podem ser suspensas durante estado de emergência e mês seguinte

Empresas e famílias vão poder suspender o pagamento da renda nos meses em que vigore o estado de emergência e mês subsequente, de acordo com a proposta que cria um regime excecional de proteção aos …

Mais 11 pessoas detidas por desobediência. Número total sobe para 81

A PSP e a GNR detiveram até esta segunda-feira 81 pessoas pelo crime de desobediência no âmbito do estado de emergência iniciado dia 22 e decretado devido à pandemia de covid-19, anunciou o Ministério da …