Costa trava alívio dos combustíveis (e PSD ainda pode chumbar proposta)

José Sena Goulão / Lusa

O primeiro-ministro António Costa

O primeiro-ministro desvalorizou a aprovação, na quinta-feira, do projecto de lei do CDS-PP para eliminar o adicional ao Imposto Sobre Produtos Petrolíferos (ISP), referindo que o mesmo não vai ter, para já, qualquer “tradução prática”.

Após a aprovação do projecto de lei do CDS-PP, esta sexta-feira o primeiro-ministro António Costa afirmou que, para já, “não há folga orçamental para reduções de receita fiscal porque a Constituição não o permite“.

“Essa folga nunca pode existir este ano porque a Constituição da República Portuguesa não permite ao parlamento aprovar reduções de receita. Há um debate em curso na Assembleia da República e, como o Governo disse, só estamos disponíveis para discutir a tributação da energia no seu conjunto e no momento próprio – o debate orçamental”, afirmou o primeiro-ministro.

António Costa falava aos jornalistas após presidir à reunião plenária da Comissão Permanente de Concertação Social, que junta o executivo e as confederações sindicais e as patronais, na sede do Conselho Económico e Social, em Lisboa, na preparação para o próximo Conselho Europeu.

“Antes disso, é absolutamente prematuro, é uma coisa de iniciativa política, mas que não tem nenhuma tradução prática”, reforçou o chefe do Governo.

Segundo o Correio da Manhã, a bancada socialista subscreve as palavras de António Costa. “Esta matéria não pode ser discutida a mata-cavalo, como quer o CDS“, atirou o deputado Carlos Pereira.

PSD, PCP e BE, admitem fazer todos os esforços para acelerar o processo, e o CDS quer que a proposta seja votada na especialidade até 18 de Julho, o fim da sessão legislativa, mas “dificilmente o Parlamento terá condições para concluir os trabalhos antes das férias”, assume o deputado comunista Bruno Dias.

O diploma dos centristas teve os votos favoráveis de PSD, CDS-PP e PAN, os votos contra de PS e as abstenções de PCP, BE e PEV, enquanto projectos de lei do PCP e do BE sobre o mesmo tema foram chumbados. A iniciativa legislativa democrata-cristã baixa agora à discussão na especialidade.

Para o CDS, a Assembleia da República deu, com a aprovação da proposta na generalidade, “um sinal claro, e um passo decisivo, de que se deve pôr fim ao significativo e injusto aumento do ISP”.

“Esta medida do governo socialista foi adoptada em 2016 sob o lema de uma suposta neutralidade fiscal que nunca se chegou a confirmar. Aliás, tem servido exclusivamente para o Ministro das Finanças conseguir bater recordes sucessivos ao nível da arrecadação fiscal”, lê-se no requerimento do CDS, a que a revista Sábado teve acesso.

O Governo introduziu em 2016 o denominado adicional ao imposto sobre a gasolina e o gasóleo, quando os preços do petróleo, que, entretanto, foram aumentando, atingiram níveis historicamente baixos, nomeadamente o barril de Brent.

No entanto, não é líquido que a proposta do CDS seja aprovada na especialidade. O secretário-geral do PSD, José Silvano, adiantou esta sexta-feira à Lusa que os sociais-democratas só viabilizarão a proposta do CDS na especialidade se ela garantir a neutralidade fiscal.

Segundo Silvano, foi acordado entre Fernando Negrão e o líder do PSD, Rui Rio, que “o projeto do CDS vai ter de ter alterações na especialidade para poder merecer voto do PSD”, nomeadamente garantindo que não diminuirá de forma significativa a receita fiscal prevista.

Também o PCP, que tal como o Bloco de Esquerda se absteve na generalidade, permitindo a viabilização da proposta, deixou claro que só aprovará na especialidade uma formulação que respeite a norma travão do Orçamento do Estado, que diz que uma lei não pode aumentar a despesa ou reduzir a receita orçamental durante o exercício em curso.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Pois é mas se o Exmo Sr. Costa não se recorda este imposto era para compensar a perda de receita quando os combustíveis estavam a preços mais baixos e disse que ia ser revisto de 3 em 3 meses, agora já é definitivo? Vivo em Lisboa e posso dizer que foi graças a este Senhor que pago a água mais cara do país! Obrigado Exmo Sr. Costa, a vida Costa!

RESPONDER

Cientistas descobrem nova espécie de crustáceo no lugar mais quente da Terra

Uma equipa de cientistas descobriu uma nova espécie de crustáceo de água doce durante uma expedição ao deserto de Lute, no Irão, também conhecido como o lugar mais quente do planeta. Hossein Rajaei, do Museu Estadual …

Furacão Sally fragmentou parte de uma ilha da Florida em três

A passagem do furacão Sally fragmentou parte de uma ilha na costa da Florida, no Estados Unidos, criando assim três pequenas porções de terra. Na prática, tal como explica o portal USA Today, o furação abriu …

Benfica 2-0 Moreirense | “Águia” vence e convence cónegos

Após ter perdido e empatado nas duas últimas recepções ao Moreirense, o Benfica voltou a vencer o emblema de Moreira de Cónegos na Luz. Este sábado, em duelo relativo à segunda jornada do campeonato, as “águias” …

"Surpreendente e fascinante". Descoberta pela primeira vez uma aurora sobre um cometa

A nave Rosetta da Agência Espacial Europeia (ESA) detetou uma aurora boreal sobre o cometa 67P / Churyumov-Gerasimenko (67P / C-G). Em comunicado, os cientistas envolvidos na deteção frisam que esta é a primeira vez quem …

Austrália não quer que turistas caminhem na famosa rocha sagrada Uluru (nem no Google Maps)

A Austrália pediu ao Google que remova do seu serviço Maps fotografias tiradas do topo de Uluru, o monólito aborígine sagrado que os visitantes estão proibidos de escalar desde o ano passado. De acordo com a …

NASA vai procurar aquíferos nos desertos com tecnologia já usada em Marte

Uma parceria entre a NASA e a Fundação Qatar tem como objetivo procurar as cada vez mais escassas águas que estão enterradas nos desertos do Saara e da Península Arábica. Este processo deverá ser desenvolvido …

Os aeroportos mudam o nome das pistas (e a culpa é dos pólos magnéticos da Terra)

O pólo norte magnético pode mover-se até 64 quilómetros por ano. Isto pode ser um problema para os pilotos de aviões. A pista 17L/35R, no Aeroporto Internacional de Austin-Bergstrom, no estado norte-americano do Texas, não terá …

Rússia quer ultrapassar Tom Cruise e ser a primeira a gravar um filme no Espaço

O ator Tom Cruise quer rodar um filme no Espaço, mas a Rússia quer ser a primeira, de acordo com um comunicado da agência espacial Roscosmos. Os Estados Unidos e a Rússia são, novamente, os protagonistas …

Os animais perdem o medo dos predadores depois de contactarem com o Homem

Uma nova investigação concluiu que os animais selvagens perdem rapidamente o medo dos seus predadores depois de entrarem em contacto com o Homem. A maioria dos animais selvagens, como é o caso dos leões, exibe …

Há mais 884 casos confirmados e oito óbitos por covid-19 em Portugal

De acordo com o último boletim divulgado epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista, este sábado, mais oito óbitos e 884 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Assim, Portugal contabiliza, desde o início da …