Costa responde aos que se “irritam” com o PRR: “Não é um plano do PS”

Hugo Delgado / Lusa

António Costa disse que há “quem se irrite muito” quando fala no PRR, mas que não há razões para isso. A bazuca é um “plano do país”, garantiu esta terça-feira.

António Costa defendeu, esta terça-feira ao final da noite, que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) “não é um plano do PS”, é um “plano do país”, apelando a que “quem se irrita muito” quando o próprio fala do plano deixe de se irritar.

“Eu sei que há quem se irrite muito quando nós falamos no Plano de Recuperação e Resiliência, mas é preciso que não se irritem, porque o PRR não é um plano do PS, (…) é mesmo um plano do país, que hoje está disponível para todos os portugueses, para todas as portuguesas, para todas as empresas, para todos os municípios, para as todas as universidades, para todas as IPSS utilizarem esses recursos”, afirmou.

O secretário-geral do PS falava no Centro de Congressos de Aveiro, numa ação de campanha com o candidato da coligação Viva’ Aveiro (PS/PAN), Manuel Oliveira de Sousa, onde também participaram a porta-voz do PAN, Inês de Sousa Real, e o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos.

Perante uma audiência de cerca de 300 pessoas, Costa afirmou que Portugal tem de sair da crise pandémica “com a mesma determinação” com que a travou e defendeu que, se os portugueses foram “excecionais num momento de exceção”, também devem ser “excecionais num momento de normalidade”.

“E temos mesmo de ser excecionais num momento de normalidade, porque nós temos muito pouco tempo para conseguirmos utilizar bem, com transparência, com rigor, sem a menor suspeita de corrupção, as verbas que nos são disponibilizadas, e que só nos são disponibilizadas agora e por um período muito curto”, salientou.

António Costa referiu assim que não há “um segundo, um minuto, um dia, a perder na mobilização coletiva” para que o país consiga ir “mais além” e “mais rápido” do que teria sido possível em condições normais.

É todos juntos que nós conseguiremos efetivamente virar a página desta crise e, sobretudo, cumprir o dever que temos para com as próximas gerações: fazer deste país um país mais próspero, mais feliz, com mais e melhores condições de vida para todos e todas os que querem desenvolver o seu futuro aqui em Portugal”, referiu.

Afirmando que, quando se começa a aproximar uma “libertação com cautela” da pandemia, é preciso o país começar a fixar-se “no futuro”, Costa salientou que as autarquias serão “absolutamente centrais” porque irão ter “mais competências do que têm tido até agora” devido ao pacote de descentralização.

O secretário-geral do PS elencou as diferentes áreas onde os municípios passarão a ter maior intervenção – como a educação, a saúde, a ação social, entre outros – e referiu também o “papel central” que irão desempenhar na execução do PRR.

“É por tudo isto que os municípios são fundamentais e que as próximas eleições não são mais umas eleições, porque são as eleições onde vamos eleger as câmaras com poderes que as câmaras nunca tiveram até agora”, salientou.

Nesse sentido, destacou que o distrito de Aveiro será “particularmente decisivo” na recuperação da crise por ser um “distrito de excelência” e o “grande motor” do desenvolvimento económico do país.

“Os motores do desenvolvimento económico do país serão, cada vez mais, a inovação e as qualificações. E esta cidade tem uma das melhores universidades (…) ao nível europeu. Aqui se tem desenvolvido uma geração cada vez mais qualificada, mas também centros de inovação de ponta nos mais diversos setores da ciência”, indicou.

Elogiando os “recursos naturais”, a “qualidade da produção agrícola” e a “notável capacidade empreendedora do ponto de vista industrial” de Aveiro, Costa referiu que deve ser a Câmara Municipal a “mobilizar as energias” no território e a “fazer a ponte” entre “todos os recursos”.

“Estas eleições são mesmo decisivas para o futuro do país, e são mesmo decisivas para o futuro de Aveiro. É isso que justifica estarmos aqui coligados com o PAN, é isso que justifica estarmos aqui juntos com movimentos de cidadãos, é isso que justifica dizermos ‘Viva Aveiro’”, concluiu António Costa.

Esta terça-feira, na Guarda, o líder do PSD, Rui Rio, repetiu as críticas que tem feito a António Costa, reiterando que “não é correto misturar na campanha a função de primeiro-ministro com a de secretário-geral do PSD” ao falar dos milhões do PRR.

Também o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, acusou o primeiro-ministro de “chantagear os eleitores” com promessas milionários e de utilizar o PRR “como uma cenoura” para transferir para as autarquias encargos que deveriam ser do Estado central.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Costa responde aos que se "irritam" com o PRR: "Não é um plano do PS"

António Costa disse que há "quem se irrite muito" quando fala no PRR, mas que não há razões para isso. A bazuca é um "plano do país", garantiu esta terça-feira. António Costa defendeu, esta terça-feira ao …

Ensaio clínico em larga escala para deteção precoce de cancro prestes a arrancar no Reino Unido

  O serviço nacional de saúde britânico lançou o maior ensaio clínico do mundo de um teste de sangue que visa detetar mais de 50 tipos de cancro antes que os sintomas apareçam. O serviço de saúde …

Físicos descobrem que os buracos negros exercem pressão sobre o meio ambiente

Na primeira descoberta científica do género, físicos da Universidade de Sussex descobriram que os buracos negros exercem uma pressão sobre o meio ambiente. Em 1974, Stephen Hawking fez a descoberta de que os buracos negros emitem …

Identificada uma "fórmula mágica" para o sucesso criativo

Uma equipa de investigadores identificou uma "fórmula mágica" para o sucesso criativo. Os autores basearam-se no trabalho de milhares de artistas. O pintor norte-americano Jackson Pollock é uma referência no movimento do expressionismo abstrato, tornando-se conhecido …

Um dinossauro gigante com o dobro do comprimento dos tiranossauros dominou a cadeia alimentar

A nova espécie foi descoberta no Uzbequistão e tinha dentes semelhantes aos de um tubarão. Pesava cinco vezes mais do que o principal predador conhecido até agora, o tiranossauro. Há cerca de 90 milhões de anos, …

A teimosia de Simeone e a "cabeça dura" de Conceição vão defrontar-se já amanhã

O FC Porto e o Atlético de Madrid vão arrancar a campanha na Champions já amanhã, e os velhos amigos Sérgio Conceição e Diego Simeone deixaram recados um ao outro nas conferências de imprensa. É já …

Parlamento Europeu apela ao reconhecimento das uniões homossexuais em toda a União

Os eurodeputados querem que os casais homossexuais e as suas famílias sejam tratadas de forma igual em todos os estados-membros. Os eurodeputados exigiram esta quarta-feira que os casais homossexuais beneficiem dos mesmos direitos dos restantes em …

Dínamo Kiev 0-0 Benfica | Tanta posse para acabar a rezar a São VAR

As “águias” dominaram as operações durante grande parte deste primeiro encontro de Liga dos Campeões “a sério” em 2021/22, mas não materializaram essa superioridade e no fim viram Vlachodimos, os postes e o VAR a …

Reino Unido avança com terceira dose para maiores de 50 anos. Máscara pode regressar

Boris Johnson anunciou hoje o plano de protecção do Reino Unido para o Outono e Inverno, que inclui medidas que vão entrar já em vigor e que prevê o regresso da máscara e a exigência …

Uma bactéria que "come carne" está a causar mortes da Flórida

A bactéria está mais presente na água do mar em zonas quentes e já matou 125 pessoas no estado norte-americano desde 2008. Pelo menos oito pessoas já morreram este ano na Flórida devido a uma infecção …